Opeth: membros do grupo se envolvem em acidente

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Kako Sales, Fonte: Blabbermouth.Net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 16/10/09. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O guitarrista/vocalista Mikael Åkerfeldt da banda sueca OPETH divulgou o seguinte comunicado:

“Eu, o Axe (baterista do OPETH, Martin Axenrot), Fredrik (Åkesson, guitarrista do OPETH) e nosso técnico de som, Pontus Norgren, decidimos pegar um voo para casa por alguns dias pelo fato de termos três dias de folga em Bruxelas. Agora fiquei sabendo que nosso ônibus bateu em um outro carro, fazendo com que o ônibus derrapasse, girando em 180 graus no meio da rodovia.

5000 acessosMudanças: bandas que não soam mais como em seus primeiros discos5000 acessosHard Rock - Aqueles que ficaram para trás - Parte 1

(O baixista do OPETH, Martin) Mendez e (o tecladista do OPETH) Per (Wiberg) estavam no ônibus junto com o resto da equipe, mas ninguém se machucou. No entanto, eles estão abalados e chocados, é claro. O motorista do outro carro ficou gravemente ferido. Não tive notícias sobre sua condição atual, mas aparentemente não parece nada bem. De qualquer forma, esperamos melhoras.

Não sei onde ou quando isso aconteceu, só sei que o ônibus estava indo de Dublin para Bruxelas. Assim que tiver novas notícias, informarei a vocês, mas por enquanto todos da banda e da equipe estão bem. Até onde eu sei, o único ferido foi o motorista do outro carro, o que já é bastante ruim!

Para ser honesto, eu raramente penso nessas coisas, em acidentes como esse, mas, porra, cara, eles acontecem! Eu só fico pensando nisso e nesse momento eu não estou afim de voltar para lá. Mas... o show em Bruxelas no dia 17 e o restante da turnê (Progressive Nation, com DREAM THEATER, BIGELF e UNEXPECT) vão continuar como planejados”.

Mais tarde, foi descoberto que a batida em que o tour bus do OPETH se envolveu no começo da semana não foi um acidente. Mikael Åkerfeldt, guitarrista/vocalista da banda sueca de extreme prog metal, que não estava viajando no ônibus no momento do incidente, escreveu na sua página do MySpace: “Acabei de receber uma mensagem de (Martin) Mendez (baixista do OPETH) dizendo que o motorista do outro carro (que derrapou e fez um giro de 180 graus no meio da rodovia) em que o nosso ônibus bateu, infelizmente veio a falecer devido aos ferimentos. Além disso, parece que foi uma manobra deliberada, uma tentativa de suicídio, pois a polícia encontrou uma carta de despedida nos destroços do carro”.

Mikael completou: “Não tenho idéia de quem ele era, mais mando nossas condolências à sua família”.

O tour bus do OPETH estava indo de Dublin, Irlanda, a Bruxelas, Bélgica, quando o incidente ocorreu. Mendez e o tecladisca Pew Wiberg eram os únicos membros do OPETH que estavam no ônibus no momento da batida.

Åkerfeldt, o baterista Martin “Axe” Axenrot e o guitarrista Fredrik Åkesson optaram por voltar por alguns dias durante uma folga antes do próximo show da banda (dia 17 de outubro em Bruxelas, como parte da turnê Progressive Nation 2009, com o DREAM THEATER, BIGELF e UNEXPECT).

Nenhum dos músicos do OPETH ou membros da equipe de apoio se feriram no acidente.

Åkerfeldt recentemente revelou ao site holandês FaceCulture que está planejando gravar um álbum acústico solo, tendo somente ele mesmo como cantor e compositor.

“Meu ponto de vista (sobre composição) se ampliou um pouco,” disse Mikael. “Eu acho que quando descobri Nick Drake foi quando eu realmente entrei inteiramente nesse tipo de música simplista, que realmente precisa de algo forte – um material convincente para faze-lo dar certo com tão pouco”.

Ele acrescentou: “Eu sempre quis fazer algo assim. Tenho vários violões que gostaria de usá-los mais. Mesmo que o OPETH pudesse fazer um álbum nesse estilo, eu quero faze-lo sozinho e, nessa linha de raciocínio, quero gravá-lo sozinho – em minha casa, basicamente. Acho que posso fazer bem isso. Acho que posso fazer um bom álbum desse jeito.

“Gostaria de simplifica-lo ainda mais (que o material acústico do OPETH), tocá-lo só com acordes, ou quem sabe alguns dedilhados, para que eu possa fazer uma apresentação se eu quiser. Então eu não quero que tenha muitas trilhas, como overdubs com um monte de melodias, quero que seja bastante simples para que, se eu quiser, eu possa toca-lo ao vivo, sozinho... no banheiro” (risadas).

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

MudançasMudanças
10 bandas que não soam mais como em seus primeiros discos

152 acessosEm 28/05/2008: Opeth lança o álbum Watershed0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Opeth"

Metal ProgressivoMetal Progressivo
Os melhores álbuns do estilo segundo o About.com

Metal ModernoMetal Moderno
5 bandas aptas a se tornarem clássicas

RoadrunnerRoadrunner
Os álbuns mais desprezados de todos os tempos

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Opeth"

Hard RockHard Rock
As bandas do gênero que ficaram para trás

SlipknotSlipknot
Veja membros atuais sem máscara

Legião UrbanaLegião Urbana
Bonfá toca bateria com fone e passa vergonha na TV

5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha5000 acessosBrian May: "eu não sabia que Freddie era Gay"5000 acessosMarilyn Manson: vocalista revela suas estranhas fobias sexuais2398 acessosIron Maiden: as figuras do tema espacial de "The Final Frontier"5000 acessosA7X: Mike Portnoy relembra as linhas de bateria de The Rev5000 acessosAvenged Sevenfold: Arin Ilejay desabafa sobre sua saída da banda

Sobre Kako Sales

Mineiro de Januária, baterista autodidata, cresceu em ambiente familiar ligado à música popular e erudita. Seu pai chegou a fazer pequenas turnês com bandas da Jovem Guarda como tecladista no fim da década de 70. Aos 10 anos, iniciou os estudos de teoria musical e piano clássico. Teve o primeiro contato com o mundo do metal ao escutar o CD Angels Cry do Angra, aos 15 anos. Desde então tem se dedicado a conhecer, colecionar e difundir o melhor do metal brasileiro e mundial. Graduado em Letras/Inglês, principalmente por influência da língua-mãe do rock, tem como principais ícones do metal as bandas Angra, Symphony X, Dream Theater e Opeth.

Mais informações sobre Kako Sales

Mais matérias de Kako Sales no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online