Matérias Mais Lidas

imagemJames Hetfield e esposa Francesca se divorciam após 25 anos de união

imagemNando Reis e a linda música que Samuel Rosa dispensou por ter recebido na hora errada

imagemCinco músicos que começaram vida nova após saírem de grandes bandas de heavy metal

imagemAs faixas do "Black Album" que James Hetfield e Lars Ulrich não curtem

imagemO comovente relato de Kiko sobre como foi gravar em meio ao câncer de Mustaine

imagemAs seis músicas do Metallica que Dave Mustaine ajudou a escrever

imagemJanis Joplin: última gravação dela em vida foi feita para um Beatle

imagemAnitta é a maior roqueira que existe hoje no Brasil, diz integrante do Titãs

imagemAs 10 melhores versões metal de músicas pop dos anos 1980, em lista da Metal Hammer

imagemAC/DC: Rick Rubin recorda a problemática produção de "Ballbreaker"

imagemRaul Seixas: o clássico que presta homenagem ao brega e foi feito com Paulo Coelho

imagemSérgio Moro elege banda clássica de Rock como sua favorita

imagemLegião Urbana e a surpreendente música que serviu de base para "Ainda é Cedo"

imagemJoão Gordo relembra proposta de fazer propaganda de calmante com Dado Dolabella

imagemOzzy comenta a brutal honestidade de Lemmy quando estava próximo da morte


Stamp

Marty Friedman: "fico sem tocar por longos períodos"

Por Marco Néo
Fonte: I Heart Guitar
Em 21/04/10

Peter Hodgson, do blog "I Heart Guitar", recentemente entrevistou Marty Friedman, ex-guitarrista do MEGADETH. Seguem alguns trechos da conversa.

Vivendo no Japão, tem algo da cultura ocidental da qual você sente falta? Ou você se satisfaz quando está em turnê?

Friedman: "Eu sinto falta de coisas como aqueles cereais malucos, doces e multicoloridos e também de pop tarts, acho que é só. Tomara que eu consiga encontrar essas coisas na Austrália...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como foi pra você mudar para o Japão? Uma vez eu ouvi dizer que você foi pra lá sem levar nenhuma guitarra, o que eu imagino que deva ter sido um pouco estressante.

Friedman: "Eu consigo ficar sem tocar guitarra por longos períodos de tempo sem qualquer problema, mas esses longos períodos não acontecem com frequência, eu sempre estou envolvido com música, de uma forma ou de outra. A mudança para o Japão foi dura no início porque todos os meus amigos estavam do lado internacional do negócio de música do Japão, mas eu queria me envolver com o lado doméstico do negócio, que é um mundo completamente diferente e muito maior. Não demorou muito pra que eu invadisse esse mundo, contudo, e fiquei muito feliz de ter conseguido".

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

E sobre essa nova banda da FANTA? Foi só uma campanha incrível de marketing ou vocês vão se juntar pra gravar alguma coisa?

Friedman: "Esse é o mistério. Foi uma campanha publicitária brilhante que vai seguir forte pelo resto deste ano, quem sabe nós até nos juntemos para compor uma música... Essa é a parte mais legal dessa história, ninguém imagina o que poderia sair dali".

Você deixou um pepino gigante para seus sucessores quando saiu do MEGADETH. Você já recebeu uma ligação às duas da manhã de Chris Broderick ou de Glen Drover perguntando: "Como diabos você tocou aquele lick?"

Friedman: "Hahaha! Ainda não. Eu tenho certeza de que eles não vão ter problema de tocá-los".

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Alguma reflexão a fazer sobre o aniversário de 20 anos do "Rust In Peace"?

Friedman: "Bravo!"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Marty Friedman explica por que pessoas não ouvem solos de guitarra; "Até eu os ignoro"

Metallica: Kiko Loureiro conta que nunca curtiu muito os solos de Kirk Hammett

Marty Friedman: o que ele acha de quem aprende a tocar guitarra para "pegar mulher"

Marty Friedman: ele quase tocou com Madonna ao invés do Megadeth

Kurt Cobain e a banda brasileira que mexeu com ele: "eles foram muito revolucionários"

O trocadilho picante que Ney fazia em "Pro Dia Nascer Feliz" que Cazuza gargalhava


Sobre Marco Néo

Nascido na primeira metade dos anos 70, teve seu primeiro contato com sons pesados quando o Kiss veio para o Brasil, em 83, mas não compreendeu bem o que era aquilo. A contaminação efetiva ocorreu um ano depois, quando conheceu Motörhead, Judas Priest, AC/DC, Iron Maiden. Desde então, tornou-se um apaixonado colecionador de tudo o que se refere a Metal e Rock'n'Roll, independentemente de subestilos.

Mais matérias de Marco Néo.