Disturbed: novo show "além de tudo que já fizemos antes"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Plá, Fonte: Blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 05/03/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Eric Woods do Lubbock Avalanche-Journal entrevistou o baixista do DISTURBED, John Moyer. Seguem trechos da conversa.

322 acessosDisturbed: versão para "The Sounds Of Silence" ganha platina5000 acessosDavid Bowie: a última foto pública e a última foto privada

Sobre o show atual do DISTURBED:

"Esse é um DISTURBED que você nunca viu. Estamos trazendo um nível de produção que está além de tudo que já fizemos antes. Integramos vídeos com as músicas, um olhar para o vídeo que combina com cada música e pinta um quadro. Mesmo se você está na parte de trás ainda assim é um show incrível. Você não fica só vendo quatro caras no palco, o que você vê é tipo essa montagem de vídeo inteira que combina com a música e ajuda a dar suporte a todas letras e a todos os tons arrasadores que mandamos. Sempre temos a sensação de que fazemos um grande show, mas dessa vez, sentimos que é o melhor show que já fizemos."

Sobre as letras do álbum de estúdio mais recente do DISTURBED, "Asylum", que tem intuito de ser mais obscuro e mais maduro do que o CD anterior da banda, "Indestructible":

"'Asylum', a conotação óbvia é a de um sanatório. As letras nesse disco são sobre solidão e depressão, sabe, incerteza. Então, claro, você sabe que as letras do 'Asylum' são sobre a perda de uma pessoa amada e entre essas letras, ele (o vocalista David Draiman) diz que o pensamento em você está me matando, mas também está me salvando."

Sobre os shows que mais o influenciaram:

"Tem alguns (shows), mas um dos mais memoráveis foi quando eu vi o VAN HALEN quando eles vieram na turnê do '0U812'. Eu não me lembro qual foi show de abertura, mas eu era tão fã do VAN HALEN na época e eu adorava. Sabe, foi incrível... Eu lembro do Eddie vindo pelas laterais e eu quase consegui tocá-lo, sabe? Estávamos tentando pegá-lo. Foi muito legal."

Leia a matéria completa (em inglês) no link a seguir:
http://lubbockonline.com/entertainment/2011-03-04/disturbed-...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

322 acessosDisturbed: versão para "The Sounds Of Silence" ganha platina0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Disturbed"

Tarja TurunenTarja Turunen
Fã de Jogos Mortais, A7x, Alice in Chains e Disturbed

VendasVendas
Os discos de metal mais vendidos até agora em 2016

DisturbedDisturbed
Hilária paródia da banda se torna viral na Internet

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Disturbed"

David BowieDavid Bowie
A última foto pública e a última foto privada

Pink FloydPink Floyd
Dupla sertaneja desvirtua clássico da banda

KissKiss
"Rock não tem segredos! É trabalho para otários!"

5000 acessosPlanet Rock: 40 melhores discos ao vivo de todos os tempos5000 acessosTimo Tolkki: surtando no Facebook com a filha contra brasileiros?5000 acessosAC/DC: Brian revela segredo obscuro de Angus Young5000 acessosGlenn Danzig: "apanhei de propósito", diz sobre vídeo5000 acessosAerosmith: tocante homenagem a Chris Cornell com "Dream On"5000 acessosGuns N' Roses: Axl Rose se aposentará após turnê de reunião?

Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online