Manowar: morre o baterista Scott Columbus

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Victor Kataóka, Fonte: H2R
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 05/04/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Scott Columbus, o clássico baterista do MANOWAR, morreu aos 54 anos de idade em 2011 deixando um legado impecável.

Scott entrou para o MANOWAR no ano de 1983, após Donnie Hamzik ter deixado o posto.

Ele foi descoberto por uma fã da banda, batucando em uma fábrica de alumínio.

No MANOWAR Scott fez história e gravou os seguintes álbuns:

Into Glory Ride (1983)
Hail to England (1984)
Sign of the Hammer (1984)
Fighting the World (1987)
Kings of Metal (1988)

Teve uma breve saída da banda no ano de 1992 por divergências com DeMaio, e na época ele mentiu alegando que seu filho estava doente, o que ele mesmo confirmou em entrevista recente.

Nesse período o MANOWAR gravou "The Triumph of Steel" com a participação de Rhino, que sempre soube da titularidade de Scott Columbus.

Columbus retornou a banda no ano de 1994, onde ficou até o ano de 2008, saíndo por mais brigas com DeMaio, nesse período ele gravou os álbuns:

Louder than Hell (1996)
Warriors of the World (2002)
Gods of War (2007)

E teve participação na gravação das músicas de "Thunder in the Sky", EP de 2009.

Saiu da banda quando estavam em estúdio gravando o novo álbum.

Scott participaria de um show de tributo ao Dio marcado para maio, em Nova York, onde ele tocaria com o ex-guitarrista do MANOWAR Ross "The Boss".

Além do MANOWAR, ele também ficou famoso por tocar com a mão esquerda, e o seu kit dos "tambores de guerra", que se não tinha uma técnica tão apurada, tinha uma sonoridade e feeling incomparáveis.

Detalhes da sua morte ainda não foram revelados.
5000 acessosManowar: Teria Scott Columbus cometido suicídio?

5000 acessosManowar: Teria Scott Columbus cometido suicídio?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 05 de abril de 2011
Post de 04 de abril de 2016
Post de 04 de abril de 2017

2109 acessosCanal RIFF: A banda que fez um recorde ser banido do Guinness0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Manowar"

Músicas LongasMúsicas Longas
12 das melhores do Metal com mais de 20 minutos

Heavy MetalHeavy Metal
10 vídeos involuntariamente engraçados

Humor involuntárioHumor involuntário
As resenhas de discos da Rock Brigade na década de 80

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Manowar"

E-FarsasE-Farsas
Papa Francisco era fã do Black Sabbath?

MetallicaMetallica
Por que 9 entre 10 fãs da banda odeiam "Load" e "Reload"?

MetallicaMetallica
New Music Express elege as melhores músicas do grupo

5000 acessosPagando mico: 10 maneiras de ser expulso ou humilhado em um show5000 acessosKirk Hammett: "Mustaine toca rápido e eu, melódico"5000 acessosGuns N' Roses: álcool, drogas e intrigas nos primórdios da banda5000 acessosSlipknot: Corey Taylor fala da sua luta contra a depressão4439 acessosO Metaleiro Safadão: versão metal de "Camarote", de Wesley Safadão5000 acessosAvery Molek: aos 6 anos, mostrando para Lars Ulrich como se faz

Sobre Victor Kataóka

Kataóka representa aqueles que prezam por nomes como Saxon, Accept, Manowar, Judas, Virgin Steele, Alice Cooper, Queensryche, Warlock, Savatage, Budgie, Dio e etc. Trajando o manto do Fortaleza EC, conseguiu ver com muito sacrifício quase todas as suas bandas favoritas ao vivo, e acredita que acima do AC/DC, somente os Beatles. Com o H2R, resenha Heavy Tradicional, Hard Rock, e o seu vício: N.W.O.B.H.M, o que não o impede de prezar demais por rock progressivo e psicodélico. Apesar de ser de 88, dentre 500GB de mp3 em um HD de valor inestimável, 95% do conteúdo vem dos anos 60,70 e 80. Não resenha Melodic, industrial, extremo, sinfônico, Power, New, Grunge e vários outros etc...

Mais informações sobre Victor Kataóka

Mais matérias de Victor Kataóka no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online