Matérias Mais Lidas

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Snowy Shaw: ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no NightwishSnowy Shaw
Ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no Nightwish

Metallica: TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully GuitarsMetallica
TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully Guitars

Carlinhos Brown: ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razãoCarlinhos Brown
Ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razão

Soul Station: projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança músicaSoul Station
Projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança música

AC/DC: Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)AC/DC
Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)

Guns N' Roses: Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivoGuns N' Roses
Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivo

David Bowie: com apenas 2.500 Lps em 2003, ele escolheu seus 25 favoritosDavid Bowie
Com "apenas" 2.500 Lps em 2003, ele escolheu seus 25 favoritos

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

Yngwie Malmsteen: aos 10 anos ele fazia solos de Blackmore e enganava os amigosYngwie Malmsteen
Aos 10 anos ele fazia solos de Blackmore e enganava os amigos

Kurt Cobain: ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistasKurt Cobain
Ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistas

Jon Schaffer: Todd La Torre se diz chocado, mas não surpreso com atos do guitarristaJon Schaffer
Todd La Torre se diz chocado, mas não surpreso com atos do guitarrista

Max Cavalera: O único presidente bom do Brasil foi mortoMax Cavalera
"O único presidente bom do Brasil foi morto"

Eddie Van Halen: ele chorou quando Wolfgang mostrou música que fala sobre perdaEddie Van Halen
Ele chorou quando Wolfgang mostrou música que fala sobre perda

Megadeth: Mustaine se tornou vocalista por acaso e por causa de um delineadorMegadeth
Mustaine se tornou vocalista por acaso e por causa de um delineador


Matérias Recomendadas

Nirvana - Perguntas e Respostas
Nirvana - Perguntas e Respostas

Metal sueco: site elege as dez melhores bandas da SuéciaMetal sueco
Site elege as dez melhores bandas da Suécia

Kirk Hammett: Mustaine toca rápido e eu, melódicoKirk Hammett
"Mustaine toca rápido e eu, melódico"

Preconceito: dificuldades de ser roqueiro em cidade do interiorPreconceito
Dificuldades de ser roqueiro em cidade do interior

O Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídicaO Clube dos 27
17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica

Stamp
Tunecore

Duff McKagan: 3 litros de vodka, 3 gramas e meio de cocaína

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Site do LoKaos Rock Show, Tradução
Enviar Correções  

Original por JESSE CAPS, em junho de 2011, traduzido por NACHO BELGRANDE.

DUFF MCKAGAN é um homem ocupado. Ele escreve três colunas, tem dois filhos e uma esposa. E ele lançou um livro.

O livro de McKagan, "It’s So Easy (And Other Lies)" foi lançado pela [editora estadunidense] Simon & Schuster. Tivemos a chance de perguntar a ele sobre o livro.


Fale-me um pouco de seu livro, "It’s So Easy (And Other Lies)".

Tenho escrito-o pelos últimos três anos – colunas semanais para o Seattle Weekly, Playboy e agora a ESPN. Posso expressar o que quero dizer melhor através da palavra escrita, mais do que falando. As pessoas me perguntam por que eu escrevi um livro agora. É porque eu estou escrevendo toda semana. Eu tenho dois prazos de fechamento e minha moral está alta. Me fizeram a oferta do livro basicamente por causa das minhas colunas pro Seattle Weekly. Elas estão em todo canto. É sobre ser pai, músico, coisas engraçadas – ter uma moto e dois filhos e uma esposa e ainda tentar ser um fudidão. Minha esposa sempre quer que eu pegue a porra do leite no mercado quando estou andando de moto.

Lá vai sua reputação de fudidão pro espaço!

Já era! Já foi! É sempre leite. Eu subo uma montanha no inverno, a 28 graus Celsius negativos e mal sobrevivo. Eu vou voltar pro carro e ela manda "Oh, você conseguiu? Que ótimo! Você quase morreu? Que ótimo! Hey, você pega leite no caminho de casa?" Mas o livro é cheio de histórias como essa. As pessoas me perguntam, "Quanto de álcool você bebeu? Quanta droga você usou?" Eu conto pra pessoa, mas se você não tem experiência com aquilo, você não vai nem entender o que eu estou te contando. Eu poderia dizer a você que eu bebia 3 litros de vodka por dia, pelo menos três gramas e meio de cocaína, 20 comprimidos de Valium, e muita codeína (um analgésico à base de opióides). Uma pessoa normal não vai nem conseguir computar isso. Eu tentei escrever sobre como eu consegui ser um menino de 13 anos que curtia música e todo o percurso até chegar aos 28 e achar que eu ia morrer e esperando que eu vivesse pelo menos até completar 30 anos – mas tudo bem na minha mente se eu não chegasse lá. Era do ponto A pro ponto B. As pessoas curtem saber como eu fiquei sóbrio. Eu comecei a escrever sobre todas essas coisas. Eu comecei a escrever sobre todas essas coisas. Eu escrevi sobre a lenta decadência drogadição adentro e como foi aquilo. Eu escrevi sobre minhas bandas e me declarei responsável pelo que fiz. Eu acho que será uma leitura intrigante para alguém que não curta música ou drogas ou sobriedade. É apenas uma história humana com circunstâncias extraordinárias e um cara normal, ordinário. Começa com a festa de aniversário de 13 anos de minha filha. Começa nos dias atuais e retrocede. Eu o narro com voz presente.

Essa entrevista pode ser lida na íntegra no site do LoKaos Rock Show.

http://lokaos.net/duff-mckagan-se-voce-e-fa-de-gnr-vai-ficar...


Baladas de Sangue
Receba novidades de Rock e Heavy Metal por Whats App

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Hollywood Vampires: Matt Sorum saiu da banda porque não aparecia nem nas fotosHollywood Vampires
Matt Sorum saiu da banda porque não aparecia nem nas fotos


Slash: guitarrista fala sobre Jimi HendrixSlash
Guitarrista fala sobre Jimi Hendrix

Total Guitar: enquete com os melhores riffs do século 21Total Guitar
Enquete com os melhores riffs do século 21


Motorhead: 10 das frases mais marcantes de Lemmy KilmisterMotorhead
10 das frases mais marcantes de Lemmy Kilmister

Planet Rock: As músicas com os melhores solos de guitarraPlanet Rock
As músicas com os melhores solos de guitarra


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.