Matérias Mais Lidas

imagemRegis Tadeu explica porque Sandy não deve cantar músicas do Metallica

imagemVeja Sandy cantando Metallica na TV Globo em programa de Marcos Mion

imagemO surpreendente disco que Tom Morello considera um dos melhores de todos os tempos

imagemGene Simmons admite que "Ace estava certo" sobre o Kiss no começo dos anos 80

imagemApós incidente, Axl Rose anuncia mudança nos shows do Guns N' Roses

imagemNoel Gallagher revela o rockstar que ficou mais impressionado de conhecer pessoalmente

imagemA estratégia do Barão Vermelho para evitar críticas de copiar Titãs nos anos 1990

imagemAndreas Kisser opina sobre a reunião do Pantera, que começou nesse sábado

imagemBeatles: Ringo Starr conta como foi o seu último encontro com John Lennon

imagemA banda de rock que impressionou Paulo Ricardo e o fez ver grandeza do estilo em São Paulo

imagemCinco discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa

imagemO maior álbum de todos os tempos, na opinião do saudoso Ronnie James Dio

imagemMike Portnoy comenta o show de retorno do Pantera aos palcos

imagemO curioso motivo pelo qual Nightwish nunca foi próximo do HIM, segundo Ville Valo

imagemA opinião de Dino Cazares sobre o insano álbum "Roots", clássico do Sepultura


Samael Hypocrisy
Stamp

Hammerfall: Biohazard não pode ter direito sobre um símbolo

Por Samuel Coutinho
Fonte: rushonrock.com
Postado em 08 de agosto de 2011

Calum Robson do RushOnRock.com conduziu uma entrevista com o vocalista Joacim Cans da banda sueca HAMMERFALL. Alguns trechos da conversa seguem abaixo.

RushOnRock.com: Você diria que o álbum "Infected" assume uma postura mais tradicional, em oposição ao power metal, que é o som de vocês?

Joacim Cans: Power Metal foi o que todos os jornalistas do mundo nos rotularam desde o primeiro dia. Eu sempre disse que nós fazíamos heavy metal, e dentro do heavy metal há espaço para o power também. Durante as gravação do álbum, as músicas vinham naturalmente. Estávamos buscando algo mais vivo, talvez um pouco mais aspero. Nós não planegamos sobre como escrever o álbum! Tudo acontece naturalmente. Quando as duas primeiras músicas ("Patient Zero" e "Redemption") foram feitas, já tinhamos estabelecido um padrão. O tema principal para o álbum foi "zumbis"!

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

RushOnRock.com: Então, em termos de conteúdo, o Hammerfall está tomando uma direção diferente?

Joacim Cans: Eu acho que isso nos leva de volta às raízes, ao falar sobre as letras. É um retorno à idéia original que eu tinha quando comecei a escrever a música, em termos de narrativa. Cada canção deste álbum é uma história bem pensada, e eu realmente tinha travado uma batalha comigo mesmo, nas composições, nas melodias, assim como nas letras, mas no final do dia meus esforços foram reconhecidos por James (Michael, o produtor) quando ele viu as letras. Ele disse que foi inacreditável que alguém cuja segunda língua é o inglês veio com todas essas reviravoltas nas letras. Uma canção como "Let's Get It On", é típica do Hammerfall, fala sobre ser um exército de um homem só, lutando suas próprias batalhas. Todos os ingredientes estavam prontos, restando apenas o toque final.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

RushOnRock.com: No passado vocês falavam sobre batalhas antigas, mas agora vocês mudaram para uma plataforma diferente, zumbis. Foi uma progressão natural para a banda?

Joacim Cans: Eu acho que nós adicionamos um outro nível dentro da banda. As histórias de zumbis também foram inspiradas por filmes de terror e filmes de zumbis em geral. Isso foi um passo natural para nós. Existem duas músicas no álbum que falam sobre zumbis ("Patient Zero" e "Dia De Los Muertos").

RushOnRock.com: O nome do álbum faz referência para qualquer outra coisa, ou é somente sobre infecção de zumbis?

Joacim Cans: Não, foi difícil chegar a um título para o álbum, mas encontramos o nome na faixa de abertura "Patient Zero", que tem a palavra "infected" no refrão. Com o impacto que a palavra deu, pensamos: "Vamos contagiar o mundo com o Hammerfall", então decidimos colocar "infected".

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

RushOnRock.com: Esta é a primeira vez que uma capa de álbum da banda não apresenta o lendário mascote Hector. Qual foi o motivo de excluírem Hector?

Joacim Cans: Hector já apareceu de diversas formas possíveis. Já esteve sentado, em pé, em um cavalo, montando em uma águia, ele estava em toda parte! Nós agora o enviamos para a reabilitação! Essa capa já nos rendeu uma pequena luta com algumas pessoas. Mas quando você abrí-la, quando o álbum sair, você verá a verdadeira intenção. É brilhante e eu realmente gosto dela, porque é diferente. Hector estará presente, mas não na capa. Haverá uma grande quantidade de Hector´s em edições especiais. Mais do que você já tinha visto antes.

publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |

RushOnRock.com: Vocês realmente queriam colocar o símbolo de perigo biológico na capa, não é?

Joacim Cans: Já estava até no case do CD, mas por alguma razão a banda de Hardcore BIOHAZARD nos proibiu. Eles têm o copyright, e eu realmente não entendo como eles podem cobrar algum direito autoral sobre isso. (Nota do Editor: O símbolo "biohazard" teria sido desenvolvido pela empresa química Dow em 1966 para seus produtos de contenção). Então se houver um vírus de risco biológico em toda a Europa, você não poderá colocar o símbolo porque o BIOHAZARD possui os direitos para isso? Eles detêm os direitos das músicas, por isso disse: "OK, é justo o suficiente, nós vamos tirá-lo. Já que se trata do BIOHAZARD".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Leia a entrevista completa (em inglês) no link abaixo:
http://rushonrock.com/2011/08/05/exclusive-hammerfall-interview/

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Summer Breeze


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Helloween e Hammerfall: setlist, vídeos e fotos do primeiro show em SP

O que Joacim Cans pensa sobre o Helloween? E Dani Löble sobre o Hammerfall?

Hammerfall não queria que você soubesse sobre voz de King Diamond em novo disco

Por que o Hammerfall é banda jovem mesmo na ativa há 30 anos, segundo Joacim Cans

Hammerfall: as lembranças de Joacim Cans sobre a estreia "Glory to the Brave"

O que esperar dos shows de Helloween e Hammerfall no Brasil, segundo os músicos

Hammerfall: época de vacas magras nesta década quase arruinou a banda

1998: 40 discos de rock e metal que foram lançados há 20 anos

Power Metal: 10 álbuns essenciais do estilo

Históricas: Fotos de encontros inusitados entre rockstars

Raul Seixas: O clássico inspirado em Dylan que driblou censura e criticou Roberto Carlos


Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho.