Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemO reencontro entre Steve Harris e Paul Di'Anno na Croácia

imagemEvanescence coloca baixista no cargo de guitarrista e anuncia nova baixista

imagemGene Simmons compartilha tweet com meme da ex-presidente Dilma Rousseff

imagemDave Mustaine, do Megadeth, inicia vida de youtuber e mostra o ônibus de turnê da banda

imagemFrank Zappa disse a Steve Vai que ele soava como "um pão com mortadela elétrico"

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemEddie aparece em versão samurai no primeiro show do Iron Maiden em 2022; veja foto

imagemDee Snider cutuca bandas com falsas aposentadorias e ingressos caros

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemOzzy Osbourne diz que "tinha muito o que provar" com "No More Tears"

imagemMetade das pessoas com menos de 23 anos desconhecem Pink Floyd, David Bowie e Bon Jovi


Dimmu Borgir: faremos algo muito especial na América Latina

Por Mayara Puertas
Fonte: A Ilha do Metal
Em 30/01/12

Se falarmos de Symphonic Black Metal, sem sombra de dúvida o Dimmu Borgir é o principal nome do estilo. Formada em 1993 em Oslo, na Noruega, a banda liderada por fundadores Shagrath (vocal, teclado) e Silenoz (guitarra), fechando a formação com Galder (guitarra) e Daray (Bateria).

O guitarrista Silenoz recentemente cedeu uma entrevista ao site chileno RockNvivo, falando sobre as expectativas das apresentações na America Latina e a evolução de seu som com o passar dos anos. Confira abaixo alguns trechos da entrevista:

RockNvivo: A banda passou por muitas mudanças em sua lineup. Shagrath e você estão no centro das criações por trás do Dimmu Borgir. Como você se sente estando na banda por tanto tempo?

Silenoz: Eu estive com Shagrath desde o início, tivemos momentos bons e momentos difíceis, é claro. Como um grupo, estamos frustrados com as mudanças na formação, mas acho que tudo fez a banda mais forte. É claro, ficamos chateados quando as coisas dão errado, mas tudo aconteceu para melhor. Tivemos músicos muito bons na banda, cada membro tem diferentes pontos de vista. As pessoas podem pensar que trabalhar comigo e Shagrath é complicado, e realmente não sei. Muitos deles (ex-membros) mudaram seus interesses e se concentrarão em outras coisas, não mais interessados como antes no Dimmu Borgir quando eles partiram. Temos ido bem, apesar dos problemas, o que é muito válido.

RockNvivo: O Dimmu Borgir tornou-se mais progressivo e sinfônico ao longo dos anos. Foi esta uma atitude singular ou buscavam um som diferente?

Silenoz: Eu acho que foi natural que nós fizemos algo um pouco diferente, já que não se pode fugir muito de suas características originais. Nós escrevemos e tocamos o que achamos adequado com o que pensamos e gostamos. O que não é do nosso agrado, vamos descartá-lo.

RockNvivo: Ouvi de alguns fãs da banda que o Dimmu Borgir tem "amolecido" e "suavizado" ao longo dos anos. O que você diria a eles?

Silenoz: Hahaha! Bem, se você comparar o nosso último álbum com o mais antigo, claramente, você percebe que hoje nosso som é mais pesado e mais brutal do que os anteriores! Eu não sei se aqueles que dizem isso estão tendo alucinações, eu toco na banda então eu sei o que falo! (Risos).

RockNvivo: Em sua última apresentação em novembro no Reino Unido, tocaram na íntegra 'Enthrone Darkness Triumphant' (1997), no show chamado de "An Evening with Dimmu Borgir." Em suas apresentações na América Latina, há possibilidade de interpretá-lo em sua totalidade?

Silenoz: Eu não posso dizer neste momento o que nós vamos tocar, mas você pode ter certeza que vamos fazer algo muito especial na América Latina. Como eu disse, não tocamos lá há muito tempo. Nós queremos que os fãs enlouqueçam e passem por um grande momento.

Confira a entrevista completa em A ilha do Metal:
http://www.ailhadometal.com/noticias/dimmu-borgirvamos-fazer-algo-muito-especial-na-america-latina/

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Wacken: TV alemã posta retrospectiva da edição de 2007 do festival com muitos showsWacken: TV alemã posta retrospectiva da edição de 2007 do festival com muitos shows

Membros do Dimmu Borgir e Behemoth vão do rock ao punk em single do Black River

Metal sinfônico: os 25 melhores álbuns do estilo, em lista da Metal HammerMetal sinfônico: os 25 melhores álbuns do estilo, em lista da Metal Hammer

Rammstein: e se Du Hast fosse tocada por Slipknot, Immortal, Ghost, AC/DC e outros?Rammstein: e se "Du Hast" fosse tocada por Slipknot, Immortal, Ghost, AC/DC e outros?




Sobre Mayara Puertas

Antes de se dedicar a carreira de vocalista, Mayara Puertas contribuiu com a divulgação de bandas nacionais e internacionais desde 2011 através do site Whiplash.net . Suas matérias abordam novidades sobre o metal extremo ao redor do mundo realizando cobertura de eventos, reviews de CDs e entrevistas.

Mais matérias de Mayara Puertas.