Motorhead: "eu já fiz muito mais do que imaginei"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: rockmusicstar.com, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 23/02/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Em entrevista ao RockMusicStar.com, o guitarrista do MOTORHEAD, Phil Campbell, contou sobre o seu tempo na banda, confira alguns trechos a seguir.

976 acessosScorpions: veja a homenagem que tem sido feita a Lemmy nos shows5000 acessosNirvana: Polícia de Seattle libera novas fotos do corpo de Cobain

RockMusicStar.com: Você se preocupa com sua segurança pessoal quando você toca em lugares como países de terceiro mundo?

Phil Campbell: Na verdade, nós já tivemos alguns tumultos. Não me lembro exatamente onde estávamos, mas acho que foi em algum lugar na América do Sul. Nós tocamos um set, apenas cinco minutos mais curto. E o público não parecia gostar disso. Então, tivemos que nos trancar nos vestiários.

RockMusicStar.com: O Motorhead está indo muito bem com seus álbuns e com turnês sem escalas desde que você entrou na banda, há 28 anos. Você já teve uma pausa prolongada durante seu tempo na banda?

Phil Campbell: Não realmente. Nós nunca demoramos mais do que um par de meses fora. Vamos ter um tempinho de folga, quando esta turnê, a Gigantour, acabar. E isso vai ser bom. Mas decidimos desfrutar mais do nosso trabalho duro antes de ficarmos muito velhos.

RockMusicStar.com: Existe alguma coisa que você ainda gostaria de fazer como um membro do Motorhead?

Phil Campbell: Eu já fiz muito mais do que eu jamais pensei que eu poderia, quando eu era um jovem garoto e aprendiz de guitarra. Nós temos grandes multidões a cada noite, nós já fizemos shows incríveis em lugares incríveis. Eu tenho um Grammy, mesmo se não fosse pela nossa própria música. Mas ainda temos um, e eu pensei que nunca iria ter um desses junto com vários outros prêmios. Então, não há realmente nada que eu deseja fazer. Mas eu acho que a nossa maior conquista, realmente, é o fato de que ainda estamos no caminho, e mais fortes do que nunca. Eu estou tocando junto com Lemmy há 28 anos, então essa é a tarefa principal, e temos feito isso com dignidade, e ainda temos um pouco de sanidade. E as pessoas ainda estão desfrutando dos shows. Então essa é realmente a nossa maior conquista, para quando olharmos para trás. Um bom show já é o bastante para mim.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 24 de fevereiro de 2012

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Lemmy escreveu músicas famosas de sua carreira solo

976 acessosScorpions: veja a homenagem que tem sido feita a Lemmy nos shows13 acessosEm 21/09/1954: Nasce Phil "Philthy Animal" Taylor (Motorhead)2046 acessosMikkey Dee: Obras de arte feitas a partir do movimento das baquetas1091 acessosLemmy: Dave Grohl não acreditou que ele tinha um coração0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motorhead"

Metal InjectionMetal Injection
Cinco provas de que Lemmy é Deus

MotorheadMotorhead
Assista robôs interpretando clássico da banda

MotorheadMotorhead
Lemmy admite ter feito comercial pelo dinheiro

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"

NirvanaNirvana
Polícia de Seattle libera novas fotos do corpo de Cobain

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
A bizarra semelhança de Phil Lynott e Tiririca

MetallicaMetallica
Vizinho zoófilo, cocaína e groupies

5000 acessosDave Mustaine: Maroon 5 o deixou boquiaberto5000 acessosGarimpeiro das Galáxias: Beldades globais e sua paixão pelo rock5000 acessosRegis Tadeu: a tsunami de lixo musical da atual música brasileira5000 acessosDeicide: Slipknot não forneceu a ajuda de que eles não precisavam5000 acessosMetalcore: nove razões para você adorar o estilo4186 acessosRush: Que fim levou o garoto da capa do clássico Power Windows?

Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online