Matérias Mais Lidas

imagemCinco músicas que são covers, mas você certamente acha que são as versões originais

imagemAndreas Kisser pede doação de sangue para sua esposa Patricia

imagemOs únicos quatro assuntos das conversas nos EUA que enchiam saco de Fabio Lione

imagemRock in Rio 1991, Maracanã lotado, e o Guns N' Roses ameaçou não subir ao palco...

imagemO baterista que não tinha técnica alguma e é um dos favoritos do Regis Tadeu

imagemSupla explica por que fala sempre misturando português com inglês

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1991 é um ano tão celebrado

imagemDave Mustaine quis tirar foto com moça que usava vestido do Megadeth, mas...

imagemJohn Frusciante responde qual foi o motivo de seu retorno ao Red Hot Chili Peppers

imagem"Ninguém imaginava que o Metallica seria maior que o Iron Maiden", diz Scott Ian

imagemDave Mustaine diz que perdoa Ellefson, mas nunca mais fará música com o baixista

imagemNoel Gallagher sobre sua preferida do Pink Floyd: "Adoraria conhecer Roger Waters"

imagemRaimundos: Digão acusa Instagram de censura após poucas curtidas em post

imagemAC/DC: Angus Young comenta a capa de "Highway to Hell" e a morte de Bon Scott

imagemRafael Bittencourt, do Angra, explica por quê está usando unhas postiças


Stamp

Bon Jovi: como a farofa azedou entre banda e Alec John Such

Por Nacho Belgrande
Fonte: site do LoKaos Rock Show
Em 08/04/12

A finada revista musical inglesa RAW publicou em sua edição do dia 20 de julho de 1994 um insight no relacionamento de alguns frontmen e as bandas às quais pertenciam (ou haviam comprado ou fundado).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A matéria, focada principalmente nas atitudes de AXL ROSE (entrevistando o recém-demitido guitarrista do GUNS N' ROSES, GILBY CLARKE) e JON BON JOVI, trazia uma perspectiva do antigo baixista do maior expoente da farofa de Nova Jérsei: ALEC JON SUCH, que parece ter sido apagado pelo tempo – assim como a posição de baixista dentro da banda.

O que segue abaixo são trechos traduzidos do artigo.

"Em idos de Junho de 1990, nós imprimimos uma lista de 'As 15 pessoas que provavelmente não serão entrevistadas pela RAW'. Encabeçando um hall da obscuridade estava o tecladista do BLACK SABBATH, Geoff Nicholls, Chris Johnstone do Quireboys e Allanah Myles, e um nome se destacava. Alec John Such, do Bon Jovi. Era pra ser uma piada – admitidamente boba – mas todo mundo entendeu o que queríamos dizer. O pobre e velho Alec era o homem sobre o qual ninguém parecia saber algo, ou se importava muito.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A mídia sempre está à procura de uma frase de efeito daquela dupla glamorosa e carismática composta pelo frontman Jon Bon Jovi e o guitarrista Richie Sambora, e sobrou para Alec, o tecladista David Bryan e o baterista Tico Torres se engalfinharem pelo resto da atenção. Pensando bem, eu acho que nunca vi uma entrevista completa com Alec John Such.

'Não permitiram que eu fizesse nenhuma, se você quer saber a verdade', dá de ombros o baixista, que esteve em Londres para participar do show de aniversário da Gibson. "Me diziam que ninguém queria falar comigo e isso veio direto da boca de Jon. Pra mim, chega de segredos. Eu vou mandar a real. Qualquer coisa que eles tenham dito que eu fiz, eu provavelmente fiz, mas eu mentiria por Jon e eu já o fiz.'

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Alec acha que ele se comprometeu?

'Coloque dessa forma, eles dizem que você pode perdoar e esquecer. Mas você nunca esquece, você só perdoa.'

O embargo de entrevistas de Alec foi exercido durante toda a (então) última turnê mundial do Bon Jovi. Teria ele sido banido por ter dito as coisas erradas quando permitiram que ele falasse?

'Eu nunca perguntei isso a Jon, mas eu realmente falei mal dele a respeito de outras coisas. Pra mim, era apenas uma constatação real dos fatos, e eu comecei a acreditar que as pessoas não queriam falar comigo. Depois de um tempo, eu percebi que não era verdade. '

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uma coisa que foi estabelecida quando o Bon Jovi se reuniu para preparar o sucessor de 'Keep The Faith', de 1992, era que Alec não tocaria no disco. Uma semana antes, o próprio Such confirmara sua não-participação, mediante um boato que sugeria que o ex-baixista da banda de TODD RUNDGREN, Kasim Sultan, faria suas vezes.

'Não, eu não saí do Bon Jovi. E não, Kasim não está gravando o disco', ele explica. 'Eu vou tocar na turnê, mas eles estão usando um cara chamado Huey McDonald. Eu não vou gravar o disco com eles dessa vez, e não tenho vontade de fazê-lo.'

Hm… por quê?

'Jon fica dizendo que eu toco mal o tempo todo, e eu não tenho vontade de me envolver em toda essa tensão novamente. Porque eu trabalho melhor no palco do que no estúdio, me dá a chance de fazer o que quero fora da banda. Eu adoro estar em turnê e essa mudança vai ajudar todo mundo quando eu voltar porque estará tudo zerado de novo. Nós ainda estamos em contato e eles me mandam as fitas. Eu simplesmente sou muito franco com eles agora, enquanto antes eu não teria sido tão aberto.'

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E como anda a sua relação com Jon?

'Agora quando eu vejo Jon ele está bem. Ele sabe que eu não sou do tipo que se zoa errado, apesar desse não ser exatamente o termo. Eu estou dando uma parada pra sentir o perfume das rosas, não é como se eu não tivesse feito isso já antes. Eu nunca me importei em ser o destaque por mais de um dia por semana. Agora há outras coisas que têm uma prioridade maior. Eu realmente curto fazer coisas como minhas clínicas de baixo pra Gibson.'

'Agora é um prazer quando eu toco com pessoas diferentes', ele continua. 'Elas me perguntam que tipo de equipamento eu preciso, como os monitores devem estar regulados. Mas com a minha banda, eles dizem, 'OK, certifique-se de que Richie soe bem. Está tudo certo pro Tico?' Eu não vivo a atenção das pessoas em relação a minhas exigências faz muito tempo.'" (...)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Comente: Qual banda nunca passou por tretas entre seus integrantes?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

In-Edit


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Axl Rose: "ele é um fracassado", diz mulher de Slash


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande.