Indústria: discos antigos estão vendendo mais que os novos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa del Nacho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Pela primeira vez nesse ano, álbuns mais antigos e fora do período de promoção [que geralmente dura seis meses a partir de sua data de lançamento] começaram a vender mais do que álbuns atuais, seja o formato CD, vinil ou download pago. Mas essa é uma tendência que tem dado as caras já há algum tempo, e reflete a desvalorização que está afetando principalmente aos artistas ditos 'novos'.

Astros mortos: como estariam alguns se ainda estivessem vivos?Separadas no nascimento: Amy Lee (Evanescence) e Shione Cooper (atriz pornô)

A razão por trás disso é que álbuns simplesmente colocam mais dinheiro no bolso dos artistas [assim como no de suas gravadoras] especialmente quando aliados a outras fontes de renda, como turnês de shows. O que significa que, se você está vendendo Box sets e lotando shows de 'reunião' de sua banda, você provavelmente está rico. Mas se você está bombando em plataformas como Spotify, você provavelmente está sendo assassinado nas finanças.

O gráfico abaixo ilustra o embate entre vendas de lançamentos contemporâneos e de catálogo, baseando-se em números coletados a partir de 2002, e divulgados pela auditora Nielsen Soundscan através do site especializado DIGITAL MUSIC NEWS.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Indústria Musical"


Música: 13 fatos estarrecedores sobre a atual indústriaMúsica
13 fatos estarrecedores sobre a atual indústria

Bandas Iniciantes: o que fazer - e NUNCA fazer - em suas turnêsBandas Iniciantes
O que fazer - e NUNCA fazer - em suas turnês

Lojas de Discos: a desgraça e o calvário de se trabalhar em umaLojas de Discos
A desgraça e o calvário de se trabalhar em uma


Astros mortos: como estariam alguns se ainda estivessem vivos?Astros mortos
Como estariam alguns se ainda estivessem vivos?

Separadas no nascimento: Amy Lee (Evanescence) e Shione Cooper (atriz pornô)Separadas no nascimento
Amy Lee (Evanescence) e Shione Cooper (atriz pornô)

Black Sabbath: um Tony Iommi que você não conheciaBlack Sabbath
Um Tony Iommi que você não conhecia

Humor: Ser prog metal é mais que saber tocar em modo frígioHumor
Ser prog metal é mais que saber tocar em modo frígio

Separados no nascimento: Sarah Jessica Parker e o mascote EddieSeparados no nascimento
Sarah Jessica Parker e o mascote Eddie

Guns N' Roses: comova-se com entrevista perdida de 1988Guns N' Roses
Comova-se com entrevista perdida de 1988

Vocalistas: belíssimos timbres de alguns cantores de rockVocalistas
Belíssimos timbres de alguns cantores de rock


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336