Joe Lynn Turner: rechaçando rumores de "Supergrupo"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Plá, Fonte: blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 20/09/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


O lendário vocalista Joe Lynn Turner (RAINBOW, DEEP PURPLE, YNGWIE MALMSTEEN) classificou como "rumor" a recente notícia no MelodicRock.com dando conta de que ele está organizando um novo supergrupo com o baterista Carmine Appice (KING KOBRA, VANILLA FUDGE, OZZY OSBOURNE, BLUE MURDER) e o baixista Michael Anthony (CHICKENFOOT, VAN HALEN), com um guitarrista ainda a ser anunciado.
5000 acessosPoeira: Rockstars e as bandas que eles sonhavam fazer parte5000 acessosKing Diamond: o "Rei Satânico"

Joe e Carmine disseram que nunca foi enviado qualquer comunicado à imprensa, seja por seus representantes ou gravadoras. Enquanto ambos confirmam que tiveram conversas casuais sobre músicos com quem gostariam de trabalhar, inclusive Michael Anthony, essas notícias da formação de um "supergrupo" não são oficiais nem foram confirmadas.

Turner admite: "Carmine e eu somos amigos de longa data e falamos ao longo dos anos em trabalharmos juntos em projetos futuros. Essas são conversas que músicos como nós têm o tempo todo. Essas conversas não são notícias oficiais; é só conversa casual. Assim como muitos artistas, nós trocamos idéias sobre gente com quem gostaríamos de trabalhar se tivéssemos a chance. Nomes como Jeff Beck, Eric Clapton e Michael Anthony são todos músicos que ambos admiramos mas nunca divulgamos qualquer nota oficial declarando que estamos planejando lançar esse tal supergrupo".

Turner e Appice gostariam de se desculpar especialmente com Anthony e seus fãs por qualquer confusão que esse rumor ou qualquer conversa casual possa ter causado.

Appice confirma: "Não tivemos nada a ver com a publicação de nenhuma dessas notícias sobre esse projeto e nenhum de nós falou com qualquer jornalista ou pessoa da mídia sobre um possível supergrupo. Dito isso, o Joe e eu trabalhamos juntos no passado e não podemos excluir a possiblidade de trabalharmos juntos no futuro."

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 20 de setembro de 2012

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Joe Lynn Turner"

Joe Lynn TunerJoe Lynn Tuner
"Dá para tocar bêbado mas não dá pra cantar bêbado!"

Joe Lynn TurnerJoe Lynn Turner
"O Purple agora é uma espécie de Ian Gillan Band!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Joe Lynn Turner"

PoeiraPoeira
Frampton nos Stones? Plant no The Who?

King DiamondKing Diamond
Ele é satanista, e não meramente marqueteiro

GhostGhost
O lado escuro do rock: você acredita em magia negra?

5000 acessosBruce Dickinson: sua coleção de clássicos do Metallica5000 acessosPink Floyd: o maior concerto de rock já produzido5000 acessosOs fãs mais chatos do mundo da música5000 acessosSilverchair: Daniel Johns surge bêbado e de batom nas ruas de Sydney5000 acessosOzzy Osbourne: Ele passou pelo camarim do Metallica e eles ouviam Black Sabbath5000 acessosSlayer: "vendemos discos, não nossas almas"

Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online