Ozzy: "sabíamos que essa era nossa última chance"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 24/06/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Os membros do BLACK SABBATH, Ozzy Osbourne, vocal, e Geezer Butler, baixo, recentemente falaram com a CNN sobre “13”, o primeiro álbum do SABBATH em 35 anos a conter Ozzy, Geezer e o guitarrista Tony Iommi tocando juntos. Você pode assistir esta reportagem abaixo.

1600 acessosBlack Sabbath: como ficam os clássicos em versão plugada e acústica5000 acessosEdu Falaschi: os dez vocalistas brasileiros preferidos dele

Sobre superar a apreensão inicial em fazer um novo álbum de estúdio:

Butler: “[Produtor Rick Rubin] foi muito bom para nós e sugeriu que voltássemos para o velho espírito de como costumávamos fazer as coisas ao vivo no estúdio, uma Jam, aquele sentimento de tocar ao vivo, e nos deu uma direção para seguir.”

Osbourne: “Nós tentamos em 2001, e acho que inconscientemente nós sabíamos que essa era nossa última chance. Se nós falhássemos nesta tentativa, as pessoas diriam: ‘Ah, isso nunca vai a contecer’. Eu acho que deve fazer 30 ou 40 anos desde que ouvi nosso primeiro álbum, porque eu sei que você prossegue e você se desafia. Eu estava dizendo mais cedo que é como pedir ao THE BEATLES para voltar para o ‘Please Please Me’, e eles diriam: ‘O que?’”

Em seres considerados os padrinhos do heavy metal:

Osbourne: “Eu nunca consegui me ligar à palavra ‘Heavy Metal’ – ela não tem conotações musicais. Se fosse rock pesado eu poderia entender, mas nos anos 1970 era algo meio puxado para o blues, nos anos 1980 as pessoas tinham aquele cabelo de chiclete, roupas multicoloridas, e os anos 1990 foram meio grunge. As pessoas diziam: ‘O seu SABBATH foi uma grande influência para mim.’ Eu dizia: ‘Sim, posso ver', mas outras bandas... que partes foram inspiradas por nós? Algumas delas são pessoas zangadas gritando em um microfone.”

Sobre o diagnóstico de câncer de Iommi antes de começarem as gravações de “13”:

Osbourne: “Se fosse comigo eu simplesmente iria embora, mas ele nunca reclamou uma vez sequer, ele ficava calado, eu ficaria pensando que seria o fim se fosse comigo. Minha esposa venceu o câncer. Eu não sabia que alguém podia vencer o câncer.”

Butler: “Ele foi uma inspiração para nós durante o álbum. Nada ficava em seu caminho. Ele simplesmente prosseguiu até o fim, e se ele podia fazê-lo, então eu também podia, e perseveramos com ele.”

Sobre o legado do BLACK SABBATH:

Osbourne: “O BLACK SABBATH não foi uma banda criada por um burguês Londrino. Nós éramos quatro caras que tinham um sonho de se tornar maiores que as expectativas. É a melhor coisa que já me aconteceu.”

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Black SabbathBlack Sabbath
Como ficam os clássicos em versão plugada e acústica

1460 acessosBlack Sabbath: "Paranoid" na íntegra para audição no youtube1307 acessosFabio Lima: guitarra com distorção vs. guitarra sem distorção691 acessosBlack Sabbath: assista "Children of the Grave" do DVD "The End"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

Heavy MetalHeavy Metal
Universo em fantasia; uma trilha sonora do caralho!

Mike PortnoyMike Portnoy
Reunião do Black Sabbath sem Ward não é reunião

MetalSucksMetalSucks
As 25 maiores bandas de metal da história

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"


Edu FalaschiEdu Falaschi
Os dez vocalistas brasileiros preferidos dele

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Ozzy Osbourne muito antes da fama

JapãoJapão
Conheça dez bandas japonesas de Metal

5000 acessosSeparados no nascimento: Ronnie James Dio e Maria Bethania5000 acessosMotley Crue: Vince Neil detona Sharon Osbourne em biografia5000 acessosSlayer: Gary Holt é realmente um cara mal-agradecido5000 acessosAnos 80: canções nacionais com nomes de garotas961 acessosLobão: Tom Cardoso conta como ele tentou achar Osama Bin Laden5000 acessosTwisted Sister: A resposta de Dee Snider à afirmação de Gene Simmons de que rock morreu

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online