Phil Anselmo: "cada show será diferente do anterior"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Paul Gleason do Caught In The Carousel, recentemente conduziu uma entrevista com o ex-PANTERA e atual DOWN, Philip Anselmo. Alguns trechos desta conversa estão disponíveis abaixo.

Ghost: banda toca trecho de "Walk", do Pantera, em showOzzy Osbourne: tudo que você sempre quis saber sobre ele

Caught In The Carousel: Você disse que "Walk Through Exists Only" é um "álbum raivoso que só você pode fazer". o que você quis dizer com isso?

Anselmo: "Está é interessante. Eu me considero um semi-educado quanto ao metal underground. Eu sou um fã de música em primeiro lugar, como sempre fui. Foi assim que comecei esta longa jornada. Eu comecei como um adolescente, então eu coleciono heavy metal e hardcore desde o início de suas raízes. Eu conheço o que está lá fora, então isso, em minha opinião, me dá uma passo a frente sobre o que não fazer. O que eu não queria fazer era imitar. Eu queria criar um disco que fosse extremo e tivesse suas extremidades contra qualquer coisa ou qualquer sub-gênero de música pesada que está sendo feita, mas eu queria fazer um disco que fosse muito difícil de se colocar em um local específico. Dito isto, quando eu vejo as extremidades da música, extremidades do underground, eu não estou mesmo falando das massas. Quando você olha o que está lá fora, eu arriscaria que os líderes de fornecimento da música extrema estariam entre o death metal ou black metal ou algum sub-gênero ou mistura dos dois. Liricamente, antes mesmo de você ouvir um disco de black metal, você tem uma sensação sobre o que eles estão falando. O mesmo pode ser dito sobre o death metal até um certo grau. Então é isso bem aí. Eu queria partir de algum lugar realista, um lugar bem pessoal. Somente isso já vai fazer uma grande diferença para os ouvintes. . Eu queria cantar sobre coisas reais. Eu queria mostrar um lado diferente de minha personalidade. Muitas pessoas acham que eu sou esse cara direto e sério, o que não é uma afirmação correta de quem eu sou. Eu sou cara que se anima com o absurdo. Eu tenho um senso de humor ridículo e eu me animo com besteiras. Há muito sarcasmo nestas letras. Então realmente eu queria mostrar estes elementos, que fazem dele uma experiência única e, com sorte, um som original."

Caught In The Carousel: Você soa bem raivoso no disco. Quando você está no estúdio ou tocando ao vivo, você tem que fabricar esta raiva?

Anselmo: "Não tenho que fabricar nada, porque, como eu disse, sou muito envolvido com o underground - eu o amo. Eu não canso de falar sobre isso. No passado cantei em diferentes estilos - há diferentes estilos mesmo no black metal ou death metal. Você deve entender que eu fiz turnês com o MORBID ANGEL e fui convidado para cantar com eles, então posso cantar death metal. Eu posso cantar diferentes estilos, e mesmo em bandas como SUPERJOINT [RITUAL], eu canto em um estilo mais hardcore, então não é nada para mim. Com a música, eu sabia que a melodia viria depois -ou se você realmente ouví-lo com cuidado, verá que há uma sutil melodia e eu até mesmo canto em harmonia. Este é o tipo de disco que você tem que ouvir várias vezes para pegar as nuances. Este veio do meu âmago. É algo bem verdadeiro."

Caught In The Carousel: Você está ansioso para subir no palco com este material?

Anselmo: "Puta merda, claro que sim, cara! Palco, tocar ao vivo, esta é a coisa mais confortável pra mim. Esta é minha parte favorita, subir no palco e tocar. O primeiro show é em Tulsa, em 31 de julho. Eu acho que cada show vai ser único. Cada show será diferente do anterior. Cada noite vai ter seus momentos próprio, então não perca um minuto disto."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Phil Anselmo"Todas as matérias sobre "Pantera"


Ghost: banda toca trecho de "Walk", do Pantera, em show

Zakk Wylde: guitarrista mantém aberta chance de fazer tour de homenagem ao PanteraZakk Wylde
Guitarrista mantém aberta chance de fazer tour de homenagem ao Pantera

Clube da Música: a trágica morte de Dimebag Darrell (vídeo)Pantera: as bandas relacionadas ou derivadas do grupo texano.Canal Rodz Online: Phil Anselmo vs Irmãos Abbott (vídeo)

Pantera: Phil Anselmo toparia tour tributo ao lado de Rex Brown e Zakk WyldePantera
Phil Anselmo toparia tour tributo ao lado de Rex Brown e Zakk Wylde

Pantera: bebê de sete meses agitando com Cowboys From HellPantera
Bebê de sete meses agitando com "Cowboys From Hell"

Zakk Wylde para Phil Anselmo: o que você está fazendo, cara?Zakk Wylde para Phil Anselmo
"o que você está fazendo, cara?"


Ozzy Osbourne: tudo que você sempre quis saber sobre eleOzzy Osbourne
Tudo que você sempre quis saber sobre ele

Top 5 Metallica: About.com elege os cinco melhores álbunsTop 5 Metallica
About.com elege os cinco melhores álbuns


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

adClioIL