Alma Ópera Rock: "A Tempestade" ao som de Angra

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Lucas de Melo Bonez, Fonte: ZH Zona Sul
Enviar Correções  

Na última sexta-feira (30), no Festival Novas Cenas, organizado pela Secretaria Municipal de Cultura de Porto Alegre (RS), a Alma – Ópera Rock, grupo formado no Instituto Santa Luzia (RS) em 2011 e que agora segue seu próprio caminho, apresentou a primeira versão de sua peça "A tempestade". Com trilha sonora do álbum "Aqua", do Angra, a peça foi aclamada por um público que encheu as dependências do Teatro de Câmara Túlio Piva, um dos mais tradicionais da cidade.

publicidade

Ano passado, o grupo apresentou a peça Reino das Névoas, com trilha sonora do álbum "Imaginaerum", do Nightwish, aclamada pela crítica do Festival Internacional de Teatro Estudantil. Neste ano, os operarockers apresentaram sua coreografia de início da peça, intitulada "A formação da tempestade", na Mostra de Arte, do Núcleo de Arte e Dança, sua atual parceira.
A tempestade é baseada na obra homônima de William Shakespeare.

publicidade

Nesta versão, Próspera, antiga duquesa de Milão, é expulsa da Itália por dominar a chamada "magia negra" pelos nobres. O golpe é arquitetado por sua irmã Antônia que, com ajuda de Celeste, manipulam a rainha Alícia a destituir o status da feiticeira. Vivendo isolada do mundo com sua filha, Miranda, conjectura sua vingança com auxílio da alma do ar e fiel escudeira, Ariel. Após, uma série de acontecimentos fará com que a personagem oscile entre a vingança e o perdão, a fim de encontrar sua redenção. As coreografias são de Maíra Prates, com a direção de Lucas de Melo Bonez.

publicidade

Com a mudança de perspectivas para este ano, a Alma – Ópera Rock investiu na união entre educação e arte, a fim de mostrar as melhores características de cada participante. A participação neste festival – tal como no Festival Pedritense de Teatro, em setembro, já confirmado – servem para avaliar o processo que se quis introduzir no grupo, bem como promover a união, o crescimento individual, a maturidade e o desejo pela arte, em busca de novos rumos para todos.

publicidade

Em novembro, haverá temporada no Teatro Bruno Kiefer, da Casa de Cultura Mário Quintana (Porto Alegre), com a versão completa da peça. Será nos dias 14 e 15, às 20h. Entradas a R$ 20 (R$ 15 para estudantes, professores, idosos e classe artística).

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Kerrang!: os 100 melhores álbuns de Rock em lista da revistaKerrang!
Os 100 melhores álbuns de Rock em lista da revista

Nirvana: Kurt Cobain era meio pau no cu, diz produtorNirvana
"Kurt Cobain era meio pau no cu", diz produtor


Sobre Lucas de Melo Bonez

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin