Ozzy: "Eu e Bill Ward éramos soldados das drogas nos anos 70"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

O BLACK SABBATH discorre abertamente sobre o auge de seu inacreditável hedonismo na década de 70 numa entrevista para a revista inglesa METAL HAMMER que chega às bandas essa semana. Dizer que os fãs nunca mais verão a banda como antes não consegue descrever as reações que certas passagens da conversa têm causado.

64 acessosPesta: vinil analisado pelos canais Poeira de Vinil e Rock Diver5000 acessosCapas: 10 das mais belas feitas por artistas dos quadrinhos

Eis uma prévia das histórias que Ozzy, Tony e Geezer tinham para compartilhar…

“Era sempre a mesma coisa toda vez que entrávamos em estúdio pra fazer um disco naquele tempo”, revela TONY IOMMI sobre o processo criativo movido à drogas da banda. “Pega uma sacola grande cheia de bagulho, e vamos lá. Ficávamos no estúdio por dias a fio, só cheirando cocaína e tocando. Eu não queria sair nunca. Era simplesmente diferente naquele tempo, era bem louco. MUITO louco. Era difícil arrumar um bom hotel porque não éramos permitidos na maioria deles, ou éramos expulsos. Muita droga. Bem, muito de tudo nos anos 70, na verdade. Nos saturamos com tudo isso porque éramos jovens e experimentávamos tudo.”

“Isso foi antes da internet, vídeo games, iPads e tudo mais”, acrescenta Geezer. “Você tinha que criar seu próprio entretenimento. Depois de um show, você acabava em um quarto usando drogas ou comendo groupies. Não havia nada mais pra se fazer.”

“Eu e Bill [Ward] éramos como soldados das drogas”, emenda Ozzy. “Nunca usávamos uma porta quando havia uma janela de vidro. Eu quase morri umas mil vezes, fosse por overdose ou por cair e abrir a cabeça no chão. O que mais me incomodava, no entanto, era o medo de adoecer durante o sono e sufocar até morrer. Até hoje, eu não consigo sentar reto numa cadeira ou numa cama porque por anos, eu me forcei a dormir sentado, inclinado, caso eu regurgitasse à noite.”

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Não pensou que viveria pra ver o fim dos álbuns

64 acessosPesta: vinil analisado pelos canais Poeira de Vinil e Rock Diver0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

AC/DC e SabbathAC/DC e Sabbath
O ataque com faca de Geezer Butler a Malcom Young

Black SabbathBlack Sabbath
Veja vídeo com making of da capa de "13"

Bill WardBill Ward
"Quer aprender bateria? Ouça a Lars Ulrich!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Drogas e Álcool"0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"0 acessosTodas as matérias sobre "Ozzy Osbourne"

CapasCapas
10 das mais belas feitas por artistas dos quadrinhos

TatuagensTatuagens
Homenagens a artistas e bandas na pele dos fãs - Parte 1

Metal AlemãoMetal Alemão
About.com elege as melhores bandas

5000 acessosFotos de Infância: Bruce Dickinson, do Iron Maiden5000 acessosVeja SP: show do Iron Maiden eleito como "pior de 2009"5000 acessosHeavy Metal: diagrama explica a origem dos nomes de bandas5000 acessosEm 18/09/1970: Jimi Hendrix morre aos 27 anos de idade5000 acessosDave Mustaine para James Hetfield: "Nós mudamos o mundo, irmão"5000 acessosMegadeth: Kerry King comenta sua rápida passagem pela banda

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online