Rob Halford sobre Cynic: "Eu sei como é sair do armário!"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

O vocalista do JUDAS PRIEST, Rob Halford, que revelou sua homossexualidade em 1998 na MTV, comentou sobre Paul Masvidal e Sean Reinert, ex-membros do DEATH e atuais membros do CYNIC, revelarem que são gays pela primeira vez e seu contexto em sua música.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Halford contou à revista Terrorizer, do Reino Unido: "Eu falei a alguém: ‘Você ouviu sobre isso? Esses caras do CYNIC?’ E ele disse: ‘Ah, isso é legal.’ Eu disse: ‘Eu sou o único Gay do pedaço! Não vou deixar isso acontecer’ [risos], mas que coisa ótima de se fazer, está tudo se desfazendo. Há homofobia no metal, há homofobia em todos os tipos de música, mas para a maior parte, os metaleiros se aceitam porque sabem que já pegam pesado conosco, as pessoas não gostam de nós, eles não gostam de nossas músicas, eles não gostam de como nós nos vestimos. Então, para esses caras fazerem esse pronunciamento, é absolutamente brilhante. É uma merda ter que se preocupar sobre isso em 2014, não? É besteira, mas isso mostra o tamanho da estupidez que está acontecendo no mundo. Então, Deus os abençoe. Eu sei como é sair do armário. Não é o melhor sentimento do mundo. Seja verdadeiro, viva sua vida, não se esconda. Nada vai lhe machucar, somente você pode se atingir. As pessoas que lhe amam de verdade, vão continuar lhe amando, não importa o que aconteça."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Halford adicionou: "Eu pertenço à minoria. Em alguns países eles lhe matam por ser gay. É algo bem profundo quando você começa a pensar sobre isso. Isso estar se desfazendo já é algo maravilhoso e quanto mais pessoas tiverem o poder de se levantar e falar sobre isso, ajuda a causa como um todo. É uma grande época para se viver agora, em termos de aceitação e tolerância. Eu tenho uma casa em Amsterdã, e os Holandeses nunca falam sobre isso. Não há camadas ou marcas, você é quem você é. Eu espero que um dia isso aconteça eventualmente em todos os lugares. Para as pessoas que tocam esse tipo de metal, fazer o que fizeram, é algo bem valioso. Eu mal posso esperar para conhece-los."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Heavy Metal: quais as 10 melhores vozes da história?Heavy Metal
Quais as 10 melhores vozes da história?

Fotos de Infância: Avril LavigneFotos de Infância
Avril Lavigne


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Cli336 Goo336 Goo336