Motorhead: John Lawhon dá para trás e pede desculpas por falar de cocaína

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/04/16. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O baixista do BLACK STONE CHERRY, Jon Lawhon, pediu desculpas após afirmar em uma recente entrevista que o falecido frontman do MOTORHEAD, Lemmy Kilmister, e os outros membros da banda, ofereciam cocaína diariamente quando os dois grupos fizeram turnês juntos, mais de seis anos atrás.

640 acessosMotorhead: Roger de Souza bate papo com Gastão Moreira, do KZG5000 acessosO que os fãs de rock e suas vertentes pedem para beber em um bar?

Quando foi perguntado pelo RockSverige.se, da Suécia, se tinha alguma boa história de Lemmy durante a tour do BLACK STONE CHERRY com o MOTORHEAD em 2009, Jon disse: "A coisa mais engraçada de toda a turnê foi que todos eles - não somente Lemmy - nos ofereciam Whisky e coca todos os dias. Não Whisky com Coca Cola, mas Whisky e Cocaína. Eles ofereciam, tipo, todos os dias e nós falávamos: 'Bem, nós podemos aceitar o Whisky, mas quanto à cocaína, estamos bem', mas era todo dia, e eles nos ofereciam todos os dias e nós dizíamos não, nós não usamos [cocaína] e recebíamos o mesmo discurso todo os dias. 'Uau, não acreditamos que você está no rock e não cheire cocaína', e nós falávamos ´Nós falamos sobre isso ontem´. Eles não se lembravam. Eles não percebiam que nós tínhamos dito a mesma coisa no dia anterior."

A publicação levantou certa controvérsia nas mídias sociais, quando a página oficial do MOTORHEAD negou que os membros da banda usassem drogas.

Agora o baixista soltou o seguinte pronunciamento pela página do BLACK STONE CHERRY:

"A Mikkey dee, Phil Campbell e à família de Lemmy Kilmister e a toda a organização MOTORHEAD, peço profundas desculpas por qualquer dano que eu tenha causado, relacionado com minha recente entrevista."

"Deixe-me deixar bem claro que nunca recebemos ofertas para consumir substâncias por Lemmy, Mikkey, Phil ou qualquer parte da equipe da banda. Recebemos ofertas de pessoas que são agora ex-empregados da banda enquanto estávamos em turnês com eles. Eu deveria ter feito esta distinção em minha entrevista."

"O que tinha intenção de ser uma leve e jocosa história da estrada, agora eu vejo de forma arrependida que tudo não se desenvolveu dessa forma. Por isso, estou terrivelmente arrependido de uma forma que simples palavras não podem expressar."

"Eu, juntamente com meu irmãos do BLACK STONE CHERRY, absolutamente amamos e respeitamos o MOTORHEAD e não podemos ser mais agradecidos pela oportunidade que eles nos deram em nossa carreira. Nós vamos continuar leais a eles como pessoas, com suas músicas e como seus fãs!"

"Minhas sinceras desculpas. Jon Lawhon."

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 30 de abril de 2016

Bill WardBill Ward
Os dez discos de metal favoritos do baterista

640 acessosMotorhead: Roger de Souza bate papo com Gastão Moreira, do KZG1681 acessosMotorhead: biografia mostra o quão Lemmy era único1473 acessosLoudwire: em vídeo, os 10 maiores riffs de metal dos 80's454 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta312 acessosMetal Maya: Homenagem a Lemmy e Burton no Dia dos Mortos no México0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motorhead"

RushRush
Geddy Lee comenta a morte de Lemmy

Pra discutirPra discutir
Os 100 melhores discos de Heavy Metal de todos os tempos

CinemaCinema
As melhores músicas de Rock/Metal em filmes de terror

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"

HumorHumor
O que os fãs de rock pedem para beber em um bar?

SlashSlash
Comentários sobre Guns, pornstars e Michael Jackson

HistóriaHistória
A história do rock, dos primórdios aos anos 70

5000 acessosUltimate Guitar: os 100 melhores solos de guitarra5000 acessosAC/DC: setlist, fotos e vídeos do show arrasador com Axl Rose5000 acessosAs regras do Black Metal5000 acessosMetallica: e se a banda usasse uma afinação mais baixa?5000 acessosJason Newsted: ele nunca teve chance no Metallica5000 acessosNikki Sixx: "um conselho, tente não cheirar a Colômbia"

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online