Guns N' Roses: Matt Sorum relembra exaustão e pianos nos anos 90

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

O baterista Matt Sorum falou, em entrevista ao One On One With Mitch Lafon, sobre o período em que esteve no Guns N' Roses. O músico entrou para substituir Steven Adler e permaneceu na formação entre 1990 e 1997.

Separados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do Chaves

Fotos de Infância: Red Hot Chili Peppers

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sorum concordou com o rótulo de "banda mais perigosa do mundo", atribuído ao Guns N' Roses no período. Todavia, explicou que o motivo do "perigo" estava relacionado à própria exaustão que o grupo havia sido submetido na época.

"Nunca sabíamos o que aconteceria. Não havia senso de estabilidade. Aquilo manteve a banda em um estado constante de agressão. Quando subíamos ao palco, descontávamos em nossos instrumentos em exaustão ou raiva. Aquilo fazia o show se tornar legendário", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Matt também destacou que esperava encontrar algo distinto ao entrar no Guns N' Roses. "Tudo era tão diferente do que esperava. Achei que encontraria uma mistura entre AC/DC e Aerosmith, com Sex Pistols e Nazareth. Daí vieram os pianos e aquelas músicas épicas de 10 minutos. Fiquei surpreso", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A experiência era cansativa para Matt Sorum. "Não tínhamos muito tempo para preparar. Ensaiamos um mês e fomos gravar. Tivemos que aprender 33, 34 músicas e logo gravamos. Tive muito para aprender. A forma que operamos era insana. Tínhamos um ou dois takes e estava pronto. Não havia cortes, como as bandas de hoje em dia", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sorum também falou sobre as personalidades que encontrou dentro do Guns N' Roses. "O líder, para mim, era Slash - ele tinha uma boa ética de trabalho. Axl era o frontman, que controlava o que aconteceria naquela noite. Eles queriam alguém para segurar a barra e eu fiz isto. Foi interessante, porque as coisas estavam mudando tão rapidamente", disse.

Comente: Matt Sorum deu mais gás à banda após a saída de Steven Adler?




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Separados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do ChavesSeparados no nascimento
Paul McCartney e Kiko do Chaves

Fotos de Infância: Red Hot Chili PeppersFotos de Infância
Red Hot Chili Peppers


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336 Goo336 Goo728 Cli336 Goo336 Goo336