Opeth: "nunca deixaremos os vocais death", dizia integrante, em 2006

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar correções  |  Ver Acessos

O Opeth chamou a atenção ao lançar dois discos entre 2002 e 2003, num período de cinco meses. O pesado "Deliverance" e o quase acústico "Damnation" mostravam o contraste e as influências distintas no trabalho do grupo.

Opeth: Åkerfeldt admite que foi egoísta ao fazer In Cauda Venenum sozinhoPiadas sobre músicos

A experiência foi um pouco cansativa para o grupo, que prometeu não fazer mais nenhum tipo de lançamento duplo em tão pouco tempo. Todavia, uma declaração curiosa do ex-guitarrista Peter Lindgren, em entrevista à Rock Brigade, publicada em fevereiro de 2006, mostra que a palavra "nunca" não deve ser dita em hipótese alguma.

Questionado se o Opeth gravaria, no futuro, um disco de metal com vocais limpos, Peter Lindgren foi categórico em sua resposta:

"Você quer dizer um disco de metal com vocais limpos? Não, acho que não faremos isso. Nós nunca mais vamos gravar dois discos ao mesmo tempo e nunca vamos deixar de usar vocais de death metal. Isso é o que de mais extremo alguém consegue fazer com a voz. Eu adoro isso e os outros caras da banda também", disse.

Peter Lindgren saiu do Opeth em 2007, após 16 anos com a banda. A partir de então, progressivamente, o som da banda foi se distanciando cada vez mais do metal e se aproximando ao rock progressivo. Os vocais death metal estão praticamente descartados para o futuro do grupo, que lançou seu disco mais recente, "Sorceress", em setembro deste ano.

Comente: ""Você quer dizer um disco de metal com vocais limpos? Não, acho que não faremos isso..."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Opeth"


Opeth: Åkerfeldt admite que foi egoísta ao fazer In Cauda Venenum sozinhoOpeth: o novo álbum e o direito de escolher o seu próprio caminho (vídeo)Opeth: eternizando excelente fase em mais um ótimo discoOpeth: ouça "Cirkelns Riktning", música que ficou fora do novo álbumOpeth: novo álbum "In Cauda Venenum" é lançado em inglês e sueco; ouçaOpeth: A mais nova amostra do poderio da bandaOpeth: novo álbum In Cauda Venenum é lançado em inglês e sueco; ouça

Opeth: novo álbum In Cauda Venenum foi feito em segredo, diz Mikael AkerfeldtOpeth
Novo álbum In Cauda Venenum foi feito em segredo, diz Mikael Akerfeldt

Opeth: para Mikael Åkerfeldt, abandonar death metal foi libertadorOpeth
Para Mikael Åkerfeldt, abandonar death metal foi "libertador"

Arte Gráfica: Designer brasileiro cria versões para clássicosArte Gráfica
Designer brasileiro cria versões para clássicos


Piadas sobre músicosPiadas sobre músicos

Gosto Musical: artistas falam do que devia ser banido para sempreGosto Musical
Artistas falam do que devia ser banido para sempre


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

adGoo336