Therion: possível última apresentação de Christofer Johnsson

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Fabio Hirata, Fonte: FB Therion Brasil
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 27/01/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Christofer Johnsson, líder da banda sueca de metal sinfônico THERION, publicou uma mensagem em sua página no Facebook contando que está com problemas em dois discos cervicais e quase teve que cancelar a apresentação da banda no 70.000 Tons of Metal, marcada para o dia 2 de fevereiro. O músico disse que precisará tratar o problema nos próximos meses. Uma opção é por cirurgia que, se der errado, poderá deixá-lo impossibilitado de tocar ao vivo. A outra opção é tratar com métodos alternativos mais demorados, mas que não apresentam tanto risco.

5000 acessosFotos de Infância: Ozzy Osbourne5000 acessosMax Cavalera: A opinião de Lemmy, Kiko Loureiro, Vinnie Paul e outros

Veja a nota na íntegra:

"POSSIVELMENTE MINHA ÚLTIMA APRESENTAÇÃO AO VIVO SERÁ NO 70.000 TONS OF METAL

Há mais de duas semanas eu comecei a sentir dores TERRÍVEIS no meu braço, ombro e costas. A dor piorava quando eu me deitava e durante o dia. No fim das contas eu não conseguia mais dormir na cama e tive que dormir sentado no sofá toda noite.

O sistema de saúde da Suécia não funciona mais. O equipamento é ótimo e os médicos são competentes e fazem o seu melhor, mas por conta do grande aumento da população, a capacidade e a infraestrutura médica ficaram para trás ano após ano e parece que piora cada vez mais. Depois de entrar em contato com a emergência, levei oito dias até conseguir ver um fisioterapeuta e ele não pôde fazer um diagnóstico correto sem uma ressonância do meu pescoço. Poderia levar até um mês para poder fazer a ressonância e mais um até receber os resultados.

A essa altura eu dormia cada vez menos a cada noite e, quando tentava tocar guitarra, só conseguia tocar meia música antes de a dor me fazer parar, sem contar que minha coordenação motora ficou tão afetada que eu fiquei impossibilitado de tocar a maioria das músicas.

Para não ter que cancelar o show no 70.000 Tons of Metal e conseguir um diagnóstico mais rápido e tratar o problema, eu decidi (por recomendação) ir para Moscou e fazer tudo isso lá. Eles estão no mesmo nível técnico e de competência que os médicos da Suécia, mas conseguem tratar os pacientes imediatamente. Então consegui uma consulta urgente, fui para lá e não só consegui fazer uma ressonância, mas também passei com um neurologista, fisioterapeutas e especialistas. Então recebi o diagnóstico no mesmo dia e parece que tenho duas hérnias nos discos vertebrais do pescoço, uma bem grave e outra pequena que pode piorar. Resumindo, isso significa que dois dos meus discos no pescoço estão gastos (de tanto bater cabeça e ficar muito tempo sentado na frente do computador no escritório e no estúdio), se romperam e o fluido espinhal está vazando deles. Esse fluido pressionou os nervos da medula espinhal e resultou em dor no ombro/braço/costas e reduziu a mobilidade no meu braço direito.

Para poder estabilizar o pescoço, tenho que usar um colar cervical por 2 semanas (mesmo no palco) e tomei injeções de cortisona para bloquear temporariamente a dor. Então agora consigo pelo menos (depois de 2 semanas dormindo sentado no sofá) dormir na cama e com um pouco de dor e esforço consigo tocar um set de festival com as músicas mais simples. Pelo menos não precisamos mais cancelar.

Depois do cruzeiro vou voltar para a Rússia e conversar com um neurocirurgião experiente que vai determinar se é melhor fazer uma cirurgia ou tratar sem que eu precise entrar na faca. A vantagem da cirurgia é que, se der tudo certo, a recuperação seria muito mais rápida. Mas cirurgia no pescoço é sempre um risco e, se o pior acontecer, posso ficar sem tocar ao vivo pelo resto da vida.
Tratar sem cirurgia seria muito doloroso e levaria de 4 a 5 meses até me recuperar totalmente (com sorte), mas é o que eu espero e os especialistas que me diagnosticaram têm certeza de que o tratamento pode ser feito assim. Mas só vamos saber com certeza o que está acontecendo depois de conversar com o neuro, depois do cruzeiro.

Então, o que significa tudo isso? Significa que vou tocar no 70.000 Tons of Metal com grande dificuldade e um colar cervical. Também significa que a Rock Opera sofrerá um atraso de um a dois meses, porque não posso mais ficar na frente do computador no estúdio (vou precisar de um assistente) e nem por tanto tempo, como de costume.
Também significa que, se eu fizer a cirurgia, sempre existe um pequeno risco de que o cruzeiro acabe sendo a minha última apresentação ao vivo (o que é um bom motivo para escolher logo o melhor cirurgião da Rússia antes que as coisas piorem - em vez de arriscar operar com alguém aleatório na Suécia e talvez tendo que esperar meses e meses até que eles tenham tempo de fazer a cirurgia).

Por fim, quero dizer um MUITO OBRIGADO especial para:

A Embaixada Russa em Estocolmo e o IFS Visa Centre em Estocolmo. Vocês foram muito além e, graças aos seus esforços, consegui o visto a tempo para essa viagem de última hora.

Leila Namazova-Baranova e todos os médicos especialistas e a equipe no hospital em Moscou que me deram o tratamento médico mais profissional que já recebi na vida. Graças a vocês, agora tenho um diagnóstico (em vez de ter que esperar 2 meses), consigo dormir na cama e até consigo tocar guitarra o suficiente para não ter que cancelar o cruzeiro.

Alexander Osipov e Jane Odintsova do Imperial Age que sugeriram que eu fosse para Moscou e cuidaram de tudo para mim lá. Se não fosse por vocês, eu teria cancelado o cruzeiro."

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Therion"

CuriosidadesCuriosidades
10 músicas que foram "tomadas" emprestadas

Metal sinfônicoMetal sinfônico
Os 10 melhores segundo o TeamRock

Pouca vergonhaPouca vergonha
Blog elege as melhores capas com "nudez"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 29 de janeiro de 2017

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Therion"

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Ozzy Osbourne muito antes da fama

Max CavaleraMax Cavalera
A opinião de Lemmy, Kiko Loureiro, Vinnie Paul e outros

SlipknotSlipknot
Veja a evolução das máscaras de cada integrante da estreia aos dias atuais

5000 acessosDuff McKagan: Anestesias não funcionam mais no baixista5000 acessosDerek Riggs: "Eddie vende mais do que Mickey Mouse"5000 acessosNirvana: os dois maiores sucessos seriam plágios?5000 acessosBill Ward: bateristas devem ler contratos e ouvir John Bonham5000 acessosTradução - Temple Of Shadows - Angra5000 acessosSlayer: Kerry só fala merda e cobra por fotos, diz colega de tour

Sobre Fabio Hirata

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online