Bumblefoot: fã já pediu para cheirar a axila dele após show

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Miranda
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 18/04/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O guitarrista Ron "Bumblefoot" Thal (Art Of Anarchy, ex-Guns N' Roses) revelou, em entrevista ao XS Rock, qual foi o pedido mais inusitado que um fã o fez. Segundo ele, uma admiradora pediu para cheirar a axila dele após um show.

148 acessosEm 17/08/1988: Guns N' Roses lança o single "Sweet Child O Mine"5000 acessosGastão Moreira: A coleção do VJ, apresentador e jornalista musical

"Houve alguns pedidos estranhos. Tudo, desde criar seus filhos se eles morrerem até... teve uma pessoa que pediu repetidamente para cheirar a minha axila após um show", afirmou o guitarrista.

O músico disse que acabou por deixar a fã cheirar a axila dele. "O rosto dela ficou o tempo todo abaixo do meu braço, enquanto ela respirava profundamente. Eu poderia andar em todo o local e, ainda assim, ela me seguiria atrás da minha axila", revelou.

Bumblefoot também revelou outras situações inusitadas com fãs. "Uma pessoa me deu, de presente, um par de testículos de um animal. Outra pessoa me mordeu no estômago e deixou algumas marcas de dentes bem fortes", afirmou.

Comente: Conhece algum fã meio maluco? O que esta pessoa seria capaz de fazer ou já fez pelo ídolo?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 18 de abril de 2017

MassacrationMassacration
Retorno aconteceu para tirar onda com Axl Rose

148 acessosEm 17/08/1988: Guns N' Roses lança o single "Sweet Child O Mine"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

RestartRestart
Influência de Aerosmith, Guns e Foo Fighters! Hem?

Guns N RosesGuns N' Roses
Casar ou ir ao show da banda?

Guns N RosesGuns N' Roses
Em 1985, desconhecidos, tocando "Don't Cry" em bar

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Tablóide"0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"0 acessosTodas as matérias sobre "Art of Anarchy"0 acessosTodas as matérias sobre "Bumblefoot"

Collectors RoomCollectors Room
A coleção de Gastão Moreira, ex-VJ do programa Fúria Metal

Globo ReprterGlobo Reprter
De onde surgiu a instigante música da abertura?

GhostGhost
De quais bandas brasileiras eles gostam?

5000 acessosMetal: adolescentes que ouvem o gênero fazem mais sexo?5000 acessosFotos de Infância: Janis Joplin5000 acessosBlues Pills: conheça o novo Led Zeppelin5000 acessosFotos de Infância: Slash, do Guns N' Roses5000 acessosMarky Ramone: ele tocou com os Backstreet Boys?2635 acessosPink Floyd: David Gilmour e a inspiração para "Louder Than Words"

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013 – apesar de ainda manter por lá uma coluna semanal, chamada Cabeçote.

Mais informações sobre Igor Miranda

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online