Tom Araya: "eu poderia ter feito mais para ajudar Jeff Hanneman"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Little Punk People
Enviar Correções  

O frontman do Slayer, Tom Araya, disse que poderia ter feito mais para ajudar Jeff Hanneman, falecido em 2013, aos 49 anos, vítima de uma cirrose causada pelo alcoolismo - o músico já estava debilitado, devido a uma picada de aranha sofrida em 2011. O depoimento foi feito em entrevista ao canal de YouTube Little Punk People.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Questionado se pensa no falecido guitarrista Jeff Hanneman quando faz shows com o Slayer, Tom Araya disse que sim. "Olho para o lado e vejo Kerry (King), mas não vejo Jeff. Especialmente quando tocamos músicas que ele e eu co-escrevemos. Colaboramos em diversas canções", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Araya ainda aproveitou para cutucar Kerry King com relação à autoria de "Repentless" - quase todas as músicas foram feitas por Kerry King, sozinho. "Nesse novo álbum, foi uma colaboração entre Kerry e eu, só que não", disse, aos risos.

Depois disso, Tom revelou que queria ter feito algo diferente para ajudar Jeff Hanneman. "Costumo pensar sobre como gostaria de ter feito algumas coisas de forma diferente nos últimos anos da vida dele. Você sempre pensa que poderia ter feito mais. É assim como me sinto, que nós poderíamos, ou eu mesmo poderia ter feito mais para ajudar", concluiu.

Assista à entrevista na íntegra:

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Separados no nascimento: Sarah Jessica Parker e o mascote EddieSeparados no nascimento
Sarah Jessica Parker e o mascote Eddie

Enjaulados: Os crimes mais chocantes da história do rockEnjaulados
Os crimes mais chocantes da história do rock


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

WhiFin Goo336 Goo728 Cli336