Joe Satriani: músico explica por que Phil Collen está no G3

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Eddie Trunk / Ultimate Guitar
Enviar correções  |  Ver Acessos

A escalação mais recente do G3 gerou surpresa. O line-up atual conta com Joe Satriani, John Petrucci (Dream Theater) e Phil Collen (Def Leppard) - este, novato no projeto e sem tanto currículo no segmento do shredding.

Mayhem: banda levou restos humanos para o palco em 2011Axl Rose: a primeira ficha policial aos 18 anos

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista a Eddie Trunk (transcrita por Ultimate Guitar), o guitarrista Joe Satriani esclareceu como Phil Collen foi parar no G3.

"Há músicos conhecidos por serem loucos e notáveis, mas você não gostaria de tê-los em bandas como AC/DC, onde se depende de uma certa atitude roqueira e performance. E é engraçado, Steve Vai e eu sempre conversamos sobre o quanto somos imprudentes. Falávamos sobre Brian May e Eric Clapton - sempre funcionam, independente do que façam. E há vários músicos jovens com essa mesma consistência. Eles nunca saem do limite e dizem: 'vou cair e ver o que acontece'", afirmou.

Satriani complementa: "É assim que Steve e eu somos. E quando nos juntamos com quem sabe deixar as coisas interligadas e, ainda assim, brilhar, é uma qualidade virtuosa para nós [...] É dessa forma que vejo músicos como Phil. Digo de ouvido que ele é um virtuoso, mas ele está segurando as pontas, por estar em outro tipo de banda. Mas quando tocamos no ensaio do G4 Experience, me surpreendi. Mas não tanto, porque sempre soube que o Def Leppard ia além daquilo".

Joe destacou que Phil Collen pode "simplesmente pirar e fritar" na guitarra. "Ele tem a habilidade de chegar ao limite. Mas ele também tem algo especial. Talvez sejam as décadas tocando em estádios. Ele sabe como deixar tudo perfeito e apresentar um grande show, mesmo que seja algo que ele nunca tenha feito antes. Phil foi ótimo para o G4 Experience, porque ele pode conversar com as pessoas sobre a experiência de se estar em um supergrupo. E ele toca em cordas muito grossas, tipo 0.13 ou algo assim", afirmou Satriani.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Joe Satriani"Todas as matérias sobre "G3"Todas as matérias sobre "Def Leppard"Todas as matérias sobre "Phil Collen"


Def Leppard: a influência do rap em Pour Some Sugar On MeDef Leppard
A influência do rap em "Pour Some Sugar On Me"

Motley Crue & Def Leppard: mães e filhas os desejamMotley Crue & Def Leppard
Mães e filhas os desejam


Mayhem: banda levou restos humanos para o palco em 2011Mayhem
Banda levou restos humanos para o palco em 2011

Axl Rose: a primeira ficha policial aos 18 anosAxl Rose
A primeira ficha policial aos 18 anos


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

adGoo336