Matérias Mais Lidas

imagemO grave problema do refrão de "Eagle Fly Free", segundo Fabio Lione

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemA bizarra exigência de Ace Frehley para participar da última turnê do Kiss

imagemA categórica opinião de Dave Mustaine sobre religião "abusiva e falsa" de sua mãe

imagemEdu Falaschi descobriu que seu primo famoso tem mais seguidores que ele no Instagram

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemDave Mustaine cutuca Kiss e bandas "preguiçosas" que usam playbacks

imagemGene Simmons diz que não sabe quando última tour do Kiss vai acabar

imagemJoão Gordo diz que não torce pela seleção brasileira de futebol

imagemRádio canadense está tocando uma música do Rage Against The Machine sem parar

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemLobão explica porquê todo sertanejo gostaria, no fundo, de ser roqueiro

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemDave Mustaine, eufórico, compara James LoMenzo com Cliff Burton


Stamp

Therion: vocalista lança álbum solo surpreendente

Por Carlos Garcia
Fonte: Road to Metal
Em 14/05/18

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Tyra Linnéa Sofia Vikström, nascida m 26 de novembro de 1992, filha do grande vocalista sueco Thomas Vikström, estreou no THERION com 18 anos, dividindo o palco com seu pai desde 2011 na banda, desde lá Linnéa Vikström só cresceu como frontwoman e cantora, tornando-se parte importante do line-up ao vivo do grupo criado por Christofer Johnsson.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Com performances carregadas de energia, Linnéa é uma tempestade em palco, correndo e agitando quase sem parar, somente se acalma em momentos em que faz as partes de backing vocals ao fundo! A maturidade e busca de aperfeiçoamento constante lhe rendeu participações em tours e em estúdio em outros projetos e bandas, como DIZTORD, DYNAZTY, PARALYDIUM PROJECT e KAMELOT, e mais recentemente, o contrato com o selo Despotz Records para um álbum solo.

Linnéa apresentou então o QfT (Quantum Field Theory), sua banda solo, que conta com membros e ex-membros do Dynazty e também com alguns convidados especiais em algumas músicas, como Christian Vidal (Therion). O trabalho, gravado praticamente todo ao vivo no estúdio, reúne algumas das paixões de Linnéa, além da música, abordando temas sobre os mistérios do espaço, singularidade, ficção científica, mas também reflexões sobre a vida.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

"Live in Space" foi lançado agora no início deste mês, e vem ganhando resenhas muito positivas pelo Metal moderno, mas com influências dos clássicos, onde podemos viajar por melodias "espaciais", momentos progressivos e Metal clássico e com Linnéa mostrando variedade vocal!

Confira trechos da entrevista da vocalista para o site Road to Metal um dia após o show de lançamento, que foi dia 2 de maio:

Para começar esta entrevista, você poderia nos dizer como amadureceu a ideia de você lançar um projeto solo, neste caso o QFT. Lembro-me de você comentar sobre a possibilidade de gravar um EP há algum tempo.

Linnéa: Minha ideia inicial de fazer um EP foi principalmente porque eu não tinha um selo para me apoiar. É difícil financiar um show no estúdio sem um orçamento decente. Mas quando a Despotz Records se aproximou de mim e quis me contratar para um solo, é claro que eu quis fazer um álbum completo. Eu tinha vontade de fazer algum tipo de coisa solo há muito tempo, mas estou feliz que esperei e cresci antes de fazer isso.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como você está se sentindo a frente de sua própria banda, sendo o elemento principal?

Linnéa: Fizemos nosso primeiro show ao vivo ontem (2 de maio de 2018), e foi uma experiência absolutamente mágica. Os caras da minha banda são músicos extraordinários e realmente parece que é para ser. É claro que estou mais acostumada com a constelação de estar com 2 ou 3 outros cantores no palco, o que, na verdade, acho bom. Isso sempre me deixa alerta sobre quem é o centro das atenções e dar espaço no palco quando é necessário, mas também, é claro reivindicar, seu espaço quando deve ser reivindicado. Para resumir - com o Therion me sinto como uma princesa, e com o QFT me sinto como a rainha!

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Vejo que com o QFT você juntou várias coisas que você gosta, além da música. Eu lembro que você comentou em uma entrevista que nós fizemos que você é uma grande fã de ciência, espaço e física. Eu gostaria que você comentasse sobre a união desses elementos como inspiração para este álbum, e também onde você foi buscar as fontes para desenvolver a parte da letra.

Linnéa: Eu sempre tento ir tão fundo quanto posso na toca do coelho em busca de fontes. Eu começo assistindo um monte de clipes no youtube, tentando resumir o conteúdo, e então tentar encontrar a verdadeira fonte, e essa é uma tarefa muito difícil. Fui on-line e na biblioteca em busca de informações e inspiração para ter uma compreensão mais profunda, mas no final essas letras são mais ou menos apenas uma manifestação de como eu entendi os assuntos. Para mim, é muito mais fácil escrever música se eu tiver o título e o conceito prontos antes de começar a compor. Eu não tenho letras, mas tenho o título e as condições, então funciona como inspiração para a música também.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Outra coisa muito legal sobre o álbum foi a forma como foi feito, porque você gravou praticamente tudo ao vivo, em um estilo muito vintage, obtendo assim um som mais orgânico e verdadeiro! Eu também gostaria que você comentasse sobre as gravações e o trabalho com o renomado Lennart Östlund (que trabalhou com gente do quilate de Led Zeppelin e ABBA).

Linnéa: É um prazer trabalhar com um profissional absoluto como o Lennart. Todos nós sentimos como ganhadores da loteria por poder ir pro estúdio com ele. Ele está sempre muito calmo e relaxado, o que é perfeito quando você está trabalhando com alguém como eu, ha ha ha. Estressada e excitada ao mesmo tempo! Eu não me lembro agora, mas acho que tivemos 5 dias no estúdio e tudo passou muito rápido! Foi muito divertido e realmente senti que gravar ao vivo foi a melhor decisão que já tomei.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Bem, nós poderíamos falar sobre todas as faixas, porque eu gostei de tudo no álbum, e em cada audição há mais para descobrir. Para finalizar, gostaria que você falasse sobre a bela "Live in Space" e "Jóga", uma ótima versão da música da islandesa Björk, uma boa surpresa.

Linnéa: "Live in Space" é uma música que não é baseada em nenhuma teoria científica ou algo assim, é apenas uma reflexão sobre como a vida é, e eu acho que ela e a música "Time" são as músicas mais melancólicas do álbum. Foi muito poderoso gravar "Live in Space" ao vivo, acho que pode se tornar uma das favoritas dos fãs. A decisão de fazer uma cover de "Jóga" foi porque eu acho que é uma das melhores músicas já compostas, e para mim isso representa a terra no álbum. Eu adoro cantar e é uma honra cantar essa fantástica composição de Björk.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Confira a matéria completa no site Road to Metal:

http://www.roadtometal.com.br/2018/05/linnea-vikstroms-qft-vocalista-do.html

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Airbourne 2022
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp



Câncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson


Sobre Carlos Garcia

Antes de tudo sou um colecionador, que começou a cair de cabeça no Metal e Classic Rock quando o Kiss esteve no Brasil em 1983, a partir daí não parei mais. Criei fanzines, como o Zine Barulho, além de colaborar com outros zines e depois web zines e sites, como os saudosos Metal Attack e All the Bangers. Atualmente sou um dos editores e redator do Road to Metal. O melhor de tudo são as amizades que fazemos, além do contato e até amizade com alguns de nossos heróis.

Mais matérias de Carlos Garcia.