Dani Filth: queima de igrejas "obviamente era ridículo"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mateus Ribeiro, Fonte: Metal Sucks, Tradução
Enviar Correções  

A cena black metal norueguesa ficou famosa não apenas pela contribuição musical, mas também por algumas atitudes extremas, como o suicídio de Dead, o assassinato de Euronymous e as igrejas que foram queimadas no período.

publicidade

Em uma recente entrevista para a revista Metal Hammer, Dani Filth, vocalista do Cradle Of Filth, falou sobre a queima de igrejas: "Obviamente era ridículo. Eu sou amigo de todas as pessoas daquela cena desde então, e não consigo me lembrar de alguém que disse 'Sim, isso foi ótimo.' Todos disseram 'Nós éramos idiotas, nós éramos crianças' Meu amigo vive a poucos passos da primeira igreja que foi queimada em Bergen, e ele sabe que é uma coisa idiota.

publicidade

O vocalista continua: "Estou tão feliz que não fui pego nessa coisa toda, porque poderia ter feito isso, mas imagine acordar pensando 'Oh Deus, acabei de incendiar uma igreja, vou para a prisão por 25 anos, eu sou um idiota. '"

Segue o link da entrevista em inglês:
https://www.loudersound.com/features/dani-filth-we-never-tho...

publicidade


WhiFin WhiFin WhiFin