Hibria: Abel Camargo concede entrevista à Revista Freak

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Geraldo Andrade, Fonte: Revista Freak
Enviar correções  |  Ver Acessos

No final de 2017, um dos maiores nomes do heavy metal brasileiro, o HIBRIA, anunciava um desmanche em sua formação. Quatro dos cinco membros, pediram para sair, sobrando apenas o guitarrista ABEL CAMARGO. Seria o fim da banda?

O Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídicaIron Maiden: pastor evangélico tem 172 tatuagens da banda

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Passado um ano e meio dessas mudanças, o HIBRIA, está de volta, com uma nova formação e mais forte do que nunca.

Finalmente temos um novo Hibria. Conte um pouco para nós como foi esse processo de escolha dos novos membros?

Abel: Na realidade, temos uma nova formação do HIBRIA, mas não um novo HIBRIA. Acho importante fazer essa distinção de modo a deixar claro que nós seguiremos em frente honrando o legado dessa banda que já soma 23 anos de estrada, assim como escrevendo a nossa própria história a partir do que está sendo criado agora.

Eu demorei quase um ano e meio para concluir o processo de seleção da banda. Aprendi muito com tudo isso, e, mais uma vez, sobre a importância da gente não desistir quando tudo parece diferente daquilo que planejamos. Minha ideia inicial era formar o grupo todo em Porto Alegre, e, no máximo ter um vocalista de fora, já imaginando que poderia ser de outro estado, inclusive.

As comparações com os antigos membros vão existir, o novo Hibria já está preparado para isso?

Abel: A gente já conversou, conversa bastante sobre isso, e estamos cientes de que elas sempre existirão. Comparar não incomoda, se for feito com responsabilidade. A pergunta que fica vale para os fãs de todas as bandas, e de qualquer estilo: Por que ficar comparando, sendo que a gente pode simplesmente curtir aquilo que já foi feito em outras formações (vídeos, shows, fotos, etc) e apoiar a formação atual de forma que ela também faça uma grande trajetória? Uma cosia não anula a outra.

Como foi o primeiro ensaio da nova formação?

Abel: Foi ótimo. Mesmo sendo o momento em que estávamos nos conhecendo ao vivo, ensaiando pela primeira vez, o resultado de tudo, não só da parte musical, foi muito legal. Já teve um segundo ensaio, agora em junho, e foi melhor ainda.

Já tem uma ideia de como vão ser os primeiros shows com a nova formação? O setlist?

Abel: A gente está estudando cada oportunidade de show com muita cautela, pois queremos oferecer o melhor aos nossos (as) fãs. Fiquem ligados que vêm novidades no horizonte muito em breve.

Leia a entrevista completa no link abaixo:
https://revistafreak.com/entrevista-abel-camargo-guitarrista...




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Hibria"


Vocalistas: alguns que poderão ser os novos ídolos do nosso MetalVocalistas
Alguns que poderão ser os novos ídolos do nosso Metal

Metal Nacional: Confira bandas que se destacaram em 2015Metal Nacional
Confira bandas que se destacaram em 2015


O Clube dos 27: 17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídicaO Clube dos 27
17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica

Iron Maiden: pastor evangélico tem 172 tatuagens da bandaIron Maiden
Pastor evangélico tem 172 tatuagens da banda


Sobre Geraldo Andrade

Geraldo "Gegê" Andrade é blogueiro e colaborador no Blog Heavynroll, de Caxias do Sul/RS. Iniciou sua paixão pelo rock n roll, principalmente o heavy metal, nos anos 80, quando pela primeira vez, ouviu um álbum da banda KISS. Tem um currículo com mais de 150 shows, de bandas nacionais e internacionais. Já participou como jurado em festivais de rock na cidade de Caxias do Sul. Está se tornando um especialista em entrevistas, já tendo entrevistado vários músicos nacionais e internacionais. Apoia muitas bandas do underground, pelo Brasil inteiro. Estudante de Comunicação Social - Jornalismo, na Universidade de Caxias do Sul/RS.

Mais matérias de Geraldo Andrade no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336