Dead Daisies: Glenn Hughes com tudo no novo álbum da banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Doug Aldrich falou à Interactive Magazine sobre o próximo álbum do THE DEAD DAISIES, o "agregado" de hard rock fundado pelo músico e empresário australiano David Lowy. O quinto LP do grupo foi gravado no La Fabrique Studios no sul da França e será lançado em 24 de abril. A sequencia ao "Burn It Down" de 2018 será o primeiro a trazer Glenn Hughes (DEEP PURPLE, BLACK COUNTRY COMMUNION), que entrou no grupo ano passado como seu novo baixista e vocalista, substituindo John Corabi (MÖTLEY CRÜE) e Marco Mendoza (THIN LIZZY).

Glenn Hughes: o surgimento da voz do rock no Trapeze (vídeo)Metal: os dez melhores guitarristas da atualidade

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Aldrich disse (veja o vídeo abaixo): "O novo disco está de arrebentar. [Glenn] está demais. É um som diferente de tudo que ele já fez antes, talvez - definitivamente diferente para mim. É claro, eu fiquei chateado com a partida de John e Marco, mas o Glenn está arrebentando. Ele é uma lenda e é quem é. Há uma razão pela qual ele é chamado de 'A voz do Rock'. Ele detona sempre".

Aldrich, que tocou guitarra para a banda solo de Hughes na turnê pela Europa, América do Sul e Japão entes de entrar para o THE DEAD DAISIES, disse que foi "incrível" reconectar-se com Glenn. "Estávamos falando de gravar alguma coisa juntos eventualmente; simplesmente nunca aconteceu", disse o guitarrista. "Ele entrou para o Hall da Fama do Rock e então ficou ocupado demais com sua turnê 'Hughes Plays Deep Purple' e eu estava ocupando com o THE DAISIES. Mas então algo aconteceu e o John Corabi quis ter um tempo para fazer as coisas dele e o Marco também. E o Lowy e o resto da turma do THE DEAD DAISIES começaram a falar com o Glenn, e eles disseram 'Ei, estamos falando com o Glenn Hughes.' E eu disse, 'Cara, isso seria incrível'".

Perguntado sobre os planos do THE DEAD DAISIES para o resto do ano, Doug disse "Estamos quase acabando o disco. Vai começar a ser mixado. Eu estou bem empolgado com ele, obviamente. As músicas são de primeira - muito boas. Acho que vai ser um dos meus discos favoritos de que participei. E daí começamos a fazer turnê em abril".

Hughes disse ao "The Blairing Out With Eric Blair Show" mês passado que o novo álbum do THE DEAD DAISIES é "uma bela obra musical". Ele descreveu a direção musical do LP como "rock clássico", acrescentando que "é um álbum 'groovy'. É bem melodioso. É o que você pode imaginar tendo eu me juntado a eles - o que poderia acontecer e o que aconteceu. É uma obra musical bem interessante".

Hughes rasgou elogios a Lowy, dizendo que colaborar com o líder do THE DEAD DAISIES - que também é filho do bilionário Frank Lowy, fundador de um dos maiores grupos varejistas do mundo, Westfield - foi uma experiência "maravilhosa". "Ele é um guitarrista aplicado", disse Glenn. "Ele trabalha duro. Com o Doug tocando a primeira guitarra, e o David tocando a segunda, dá uma boa combinação com a forma que eu toco".

Em agosto passado o THE DEAD DAISIES lançou a "Righteous Days", a primeira música da banda com Hughes.

De acordo com a Wikipedia, desde a formação da banda em 2012, o THE DEAD DAISIES teve duas dúzias de membros diferentes (incluindo membros de "sessão" e "substitutos temporários") incluindo o baterista Brian Tichy (FOREIGNER, WHITESNAKE), o guitarrista do GUNS N' ROSES Richard Fortus e o tecladista do GN'R Dizzy Reed. A banda fez turnê com bandas como AEROSMITH, KISS e BLACK STAR RIDERS.

Conhecido como a "voz do rock", Hughes, que está com 68 anos, é mais conhecido por liderar as formações Mk. III e Mk. IV do DEEP PURPLE em meados de 1970 e por cantar no álbum de 1986 do BLACK SABBATH, "Seventh Star".

Em 2009, Hughes formou o BLACK COUNTRY COMMUNION com o guitarrista de blues Joe Bonamassa, o tecladista Derek Sherinian (DREAM THEATER, SONS OF APOLLO) e o baterista Jason Bonham (BONHAM, FOREIGNER). Hughes recentemente disse à Midlands Metalheads Radio que o grupo irá se reunir para gravar seu quinto álbum em janeiro de 2021.

Foto cortesia da página do THE DEAD DAISIES no Facebook.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Dead Daisies"Todas as matérias sobre "Glenn Hughes"


Glenn Hughes: o surgimento da voz do rock no Trapeze (vídeo)The Dead Daisies: vídeo com bastidores da primeira música com Glenn Hughes é divulgadoSoren Andersen: guitarrista lança novo videoclipe para a música "Skybar"

Glenn Hughes: produtora no Brasil se manifesta sobre shows canceladosGlenn Hughes
Produtora no Brasil se manifesta sobre shows cancelados

The Dead Daisies: Glenn Hughes substitui John Corabi e Marco Mendoza na bandaDead Daisies: Kazagastão mostra novo single em primeira mão

Deep Purple: queriam Glenn Hughes na banda antes de Roger Glover sairDeep Purple
Queriam Glenn Hughes na banda antes de Roger Glover sair

Soren Andersen: guitarrista lança "Bird Feeder", com Glenn Hughes e Chad SmithEm 21/08/1951: nascia o genial baixista e vocalista Glen Hughes

Glenn Hughes: produtora de Porto Alegre se pronuncia sobre show canceladoGlenn Hughes
Produtora de Porto Alegre se pronuncia sobre show cancelado

2016: Os 10 melhores discos de rock/metal do ano, por Igor Miranda2016
Os 10 melhores discos de rock/metal do ano, por Igor Miranda

Rainbow: Ritchie Blackmore convidou Glenn Hughes para a nova formaçãoRainbow
Ritchie Blackmore convidou Glenn Hughes para a nova formação


Metal: os dez melhores guitarristas da atualidadeMetal
Os dez melhores guitarristas da atualidade

Separados no nascimento: Steven Tyler e Márcia GoldsmichSeparados no nascimento
Steven Tyler e Márcia Goldsmich


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

adClio336 adClioIL