Raimundos: por que Rodolfo renega as músicas da banda e como ele vê o passado

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

Rodolfo Abrantes, ex-vocalista do Raimundos, falou sobre o passado dele com a banda e como ele enxerga tudo o que fez durante entrevista ao programa "The Noite com Danilo Gentili". O cantor saiu da banda em 2001 após converter-se religiosamente e só agora, em 2020, fez as pazes com o guitarrista Digão, que seguiu como cantor e líder do grupo desde então.

Raimundos: no "The Noite", Rodolfo conta detalhes da reconciliação com Digão

Spike: os sete piores solos de guitarra

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em meio à entrevista, Roger Moreira, músico do Ultraje a Rigor, perguntou a Rodolfo por que Deus seria contra as músicas do Raimundos. O questionamento foi feito porque o vocalista não apenas saiu da banda como, também, não toca as canções em seus shows e por muito tempo até se recusou a falar sobre isso.

"Não é Deus que tem algo contra as músicas", esclareceu Rodolfo. "Muitas pessoas tendem a pensar que um cara era de uma banda legal e saiu porque entrou para a Igreja, mas é bem mais profundo", completou, inicialmente.

Em seguida, Rodolfo explicou que ele próprio tem um problema com o estilo de vida que levava na época do Raimundos, mas não com as músicas. "Eu tinha uma vida e eu vivia de acordo com o que eu acreditava. Cantava exatamente o que eu vivia. Colocava nomes de pessoas nas loucuras que eu vivia, expunha muita gente. A música era a trilha sonora desse estilo de vida", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sua situação de vida mudou após converter-se religiosamente. "De repente, conheci a verdade, que não era um fato, mas a pessoa: de Jesus. Isso transformou completamente a minha vida. Inevitavelmente, a trilha sonora da minha vida mudou", disse.

Rodolfo pontuou que tanto no passado quanto na atualidade, sempre cantou o que viveu. "Eu me recuso a cantar algo que não jorre do meu coração. Inclusive, eu não canto muitas músicas que eu fiz desde que entrei na igreja. Em algumas delas, descobri erros teológicos que aprendi na frente, ou coisas que eu falei uma besteira absurda. E eu descobri que música tem um incrível poder de ensinar. Então, deixei essas músicas de lado", afirmou.

Por fim, concluiu: "Não é por Deus ser contra as músicas do Raimundos e, sim, de minha vida não ser mais compatível com a que eu tinha. É algo muito pessoal".

Como Rodolfo vê o passado

Ainda durante a entrevista, Rodolfo disse que ficou muito feliz por ter se reconciliado com Digão e que o colega também pareceu ter gostado. "Poder falar disso hoje, depois de conversar com o Digão... meu coração mudou. Meus olhos mudaram também. Assisti ao final da live (em que a reconciliação foi anunciada) e ver o Digão cantando, a voz dele, o rosto dele, e seguir a alegria e a paz dele tem sido o maior presente dos últimos tempos", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O vocalista apontou que "ninguém nasce para Cristo com maturidade", mas que todas as pessoas convertidas sabem que precisam deixar para trás a vida que tinham antes. "A impressão quando se trata de alguém menos maduro é que seu passado parece estar correndo atrás de você, querendo te puxar. Eu corria disso e chega uma hora que você não precisa correr, mas passei 19 anos da minha vida correndo. Se alguém falasse do meu passado, eu corria", disse.

Rodolfo apontou que nunca se sentiu tentado a voltar ao Raimundos, mas que tinha "medo de fraquejar" e retornar à vida antiga - que envolvia a banda. "Hoje, eu consigo olhar para meu passado e respeitá-lo. Não quero voltar, mas olho para a minha história e trato com respeito e gratidão", disse.

Durante a maior parte da entrevista ao "The Noite", Rodolfo falou sobre Raimundos, mas ele também comentou a respeito de sua nova música solo, "Um Presente Pro Futuro", além de outros assuntos, como surfe, praia e religião.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Raimundos: no The Noite, Rodolfo conta detalhes da reconciliação com DigãoRaimundos
No "The Noite", Rodolfo conta detalhes da reconciliação com Digão

Raimundos: Rodolfo diz que sairia da banda de um jeito diferente e explica motivoRaimundos
Rodolfo diz que sairia da banda de um jeito diferente e explica motivo

Raimundos: Me Lambe é a única música cuja letra tem um problema, diz CanissoRaimundos
"Me Lambe" é a única música cuja letra tem um problema, diz Canisso

Raimundos: Rodolfo e Digão revelam, em live, que fizeram as pazesRaimundos
Rodolfo e Digão revelam, em live, que fizeram as pazes

Raimundos: morre Bessanger Abrantes, parente que inspirou Puteiro Em João PessoaRaimundos
Morre Bessanger Abrantes, parente que inspirou "Puteiro Em João Pessoa"

Raimundos: Canisso adoraria possibilidade de tour ao lado de RodolfoRaimundos
Canisso adoraria possibilidade de tour ao lado de Rodolfo

João Rock: evento online terá CPM 22, Humberto Gessinger, Raimundos e maisJoão Rock
Evento online terá CPM 22, Humberto Gessinger, Raimundos e mais

Raimundos: banda está suspensa após clima piorar com posts de Digão, diz CanissoRaimundos
Banda está "suspensa" após clima piorar com posts de Digão, diz Canisso

Raimundos: Digão faz postagem em suas redes sociais e pede desculpasRaimundos
Digão faz postagem em suas redes sociais e pede desculpas

Digão: ele promete guitarra pra quem provar que ele fez campanha pro BolsonaroDigão
Ele promete guitarra pra quem provar que ele fez campanha pro Bolsonaro


Rodolfo: O rock brasileiro entrou numa crise desde o começo dos anos 2000Rodolfo
"O rock brasileiro entrou numa crise desde o começo dos anos 2000"

Raimundos: Canisso relembra fase pós-RaimundosRaimundos
Canisso relembra fase pós-Raimundos


Spike: os sete piores solos de guitarraSpike
Os sete piores solos de guitarra

Góticas: 10 grandes bandas do gênero na Inglaterra dos anos 80Góticas
10 grandes bandas do gênero na Inglaterra dos anos 80


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280