Anthrax: Corey Taylor ia gravar com a banda, mas a gravadora não deixou

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruce William
Enviar Correções  

Durante participação em um programa de rádio de Eddie Trunk, o vocalista Corey Taylor comentou um episódio que poderia ter feito sua carreira tomar um caminho completamente diferente - e, por tabela, também mudaria a trajetória do Anthrax e do Slipknot.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Acontece que, logo após lançar o "We've Come For You All" em 2003, o Anthrax se viu numa situação confusa em relação a vocalistas, tendo em seguida contratado Joey Belladonna no lugar de John Bush mas que acabaria saindo dois anos mais tarde, sendo substituído por Dan Nelson.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E Corey Taylor viu nisto uma possibilidade de assumir os vocais do Anthrax. "Mas não foi uma coisa que levamos tão adiante, apenas conversamos sobre a ideia de fazer algo sem compromisso e depois ver o que aconteceria", contou Corey, explicando que a ideia surgiu quando Scott Ian e Frank Bello fizeram um show acústico em um clube de Nova Iorque e chamaram Taylor para participar. "Nos juntamos, fomos comer algo e fizemos o show acústico. Depois estávamos de boa conversando e veio a coisa meio que num tom de piada: 'Ei, não seria legal se você se juntasse ao Anthrax?'. Todos rimos mas paramos em seguida, pensando 'Hmmm. Poderia ser interessante'".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Corey data bem quando isto teria ocorrido: "Foi entre Joey e John (Bush), então estava tudo ainda no ar. Foi antes do - como era o nome dele? - Dan (Nelson). E fomos falando mais e mais sobre aquilo, e passei a ficar bastante interessado. Me mandaram um monte de músicas, muitas delas que acabariam saindo no 'Worship Music' (2011) - ainda bem, pois era um material muito bom".

Mas tudo não passou de uma ideia por causa da gravadora, que fez de tudo para manter Corey ligado ao Slipknot. "Não gravamos nada, pois no dia que eu deveria ir para Chicago ensaiar e começar a fazer demos com Scott e Charlie (Benante), recebi uma ligação da Roadrunner me dizendo que não deixariam eu ir. Eles me queriam de volta para fazer o 'All Hope Is Gone' com o Slipknot, pois ainda tínhamos contrato para entregar um álbum, e eles não iriam me liberar. Não sei se aqueles caras ainda estão lá na Roadrunner, pra ser sincero. Mas sei que eles foram bem diretos e agressivos naquela conversa", conta o vocalista.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Foi a primeira vez que me senti jogado para escanteio. Não que eu não quisesse fazer um álbum com o Slipknot, mas eu estava adorando a ideia de gravar um disco com o Anthrax. E eu ainda tive que ligar pros caras (do Anthrax) e contar que não ia rolar. Aquilo me deixou muito triste", revela Corey, que depois tenta minimizar: "Mas, obviamente, as coisas funcionaram da melhor forma possível para todos. Eles estão aí fazendo música tão boa quanto no passado. O que precisava acontecer foi o que acabou acontecendo. Sou muito grato por ter feito parte daquela conversa e que eles ainda são meus amigos".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

FONTE: Loudwire
https://loudwire.com/record-label-stopped-corey-taylor-join-...




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Silverchair: a história por trás da capa de Freak ShowSilverchair
A história por trás da capa de Freak Show

Anette Olzon: ex-vocal do Nightwish trabalha como enfermeira de segunda a sextaAnette Olzon
Ex-vocal do Nightwish trabalha como enfermeira de segunda a sexta


Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Goo336 Goo336 Cli336 Goo728 Goo336 Cli336