Matérias Mais Lidas

Raimundos: Canisso reforça que Digão surtou pois chama até João Gordo de pela sacoRaimundos
Canisso reforça que Digão surtou pois "chama até João Gordo de pela saco"

Loudwire: o pior álbum de 25 grandes bandas de rock e heavy metal, por Joe DivitaLoudwire
O pior álbum de 25 grandes bandas de rock e heavy metal, por Joe Divita

Iron Maiden: por que Paul Di'Anno adotava visual tão diferente de outros do metalIron Maiden
Por que Paul Di'Anno adotava visual tão diferente de outros do metal

Alter Bridge: a postura de Eddie Van Halen ao ir a show da banda, segundo MylesAlter Bridge
A postura de Eddie Van Halen ao ir a show da banda, segundo Myles

Nightwish: Tuomas admite que pensou em acabar com a banda após Marko Hietala sairNightwish
Tuomas admite que pensou em acabar com a banda após Marko Hietala sair

Motörhead: Mikkey Dee pensa em Lemmy de uma forma totalmente positivaMotörhead
Mikkey Dee pensa em Lemmy de "uma forma totalmente positiva"

Kiss: as cirurgias às quais Paul Stanley precisou ser submetido devido às turnêsKiss
As cirurgias às quais Paul Stanley precisou ser submetido devido às turnês

Eduardo Costa: ele diz que se inspirou em Cazuza e Renato Russo para sertanejo políticoEduardo Costa
Ele diz que se inspirou em Cazuza e Renato Russo para sertanejo político

Black Sabbath: as músicas com as melhores atuações do lendário Bill Ward, pela KerrangBlack Sabbath
As músicas com as melhores atuações do lendário Bill Ward, pela Kerrang

Greta Van Fleet: Regis Tadeu se rendeu ao talento da banda? (vídeo)Greta Van Fleet
Regis Tadeu se rendeu ao talento da banda? (vídeo)

Dinho Ouro Preto: ele diz que votou em Haddad e fez campanha contra BolsonaroDinho Ouro Preto
Ele diz que votou em Haddad e fez campanha contra Bolsonaro

Marilyn Manson: modelo Ashley Morgan Smithline diz que ele a fez beber sangue em pactoMarilyn Manson
Modelo Ashley Morgan Smithline diz que ele a fez beber sangue em "pacto"

Capital Inicial: comercial com Dinho Ouro Preto na final do BBB 21 é criticado na webCapital Inicial
Comercial com Dinho Ouro Preto na final do BBB 21 é criticado na web

Kerrang!: As 50 canções mais do mal em todos os temposKerrang!
As 50 canções mais "do mal" em todos os tempos

Pensilvânia: do rock and roll ao death metal, 10 grandes bandas que surgiram no estadoPensilvânia
Do rock and roll ao death metal, 10 grandes bandas que surgiram no estado


Edu Falaschi - Vera Cruz
Pentral
MOPD

Cannibal Corpse: eles seriam cancelados por letras sobre estupro? Corpsegrinder comenta

Por Igor Miranda
Em 28/04/21

O Cannibal Corpse tem algumas das letras mais polêmicas do metal. As temáticas dessas composições, comumente ligadas a filmes ou outras produções do gênero terror, já fizeram a banda ser proibida de lançar álbuns ou fazer shows em determinados países, como a Rússia e a Alemanha.

Apesar disso, o lendário grupo de death metal nunca foi alvo da chamada "cultura do cancelamento" em sua forma contemporânea - e muito disso pode ser explicado pelo projeto ter se consolidado há muito tempo, já que foi formado em 1988.

Em entrevista ao canal Mosh Talks, com transcrição do Ultimate Guitar, o vocalista George "Corpsegrinder" Fisher foi perguntado se o Cannibal Corpse poderia ser "cancelado" e, em sua resposta, refletiu sobre essa tendência. O cantor destacou que as letras do grupo não representam o que seus integrantes realmente fazem ou apoiam e pontuou que tem faltado diálogo entre as pessoas nos dias de hoje, o que motiva tais "cancelamentos".

Inicialmente, ele disse que as pessoas "podem até tentar 'cancelar'" o Cannibal Corpse ou qualquer outra coisa. "Todos os dias, você muda e vê algo que está errado. Há problemas reais nesse mundo, temos muito a melhorar. A melhor alternativa é parar de apontar dedos uns aos outros, com raiva, e ter diálogos - que até podem ser desconfortáveis", afirmou.

Na visão de Corpsegrinder, há "algumas pessoas que só ouvem quem pensa igual a elas e não tentam pesquisar fatos e dados reais". "Devemos ser capazes de conversar, mas algumas pessoas não querem fazer isso", comentou.

Há situações, claro, que demandam reações mais enérgicas. "Se estou na sua frente e te impeço de fazer algo, mesmo com você pedindo 'com licença', então você precisa me derrubar no chão e me fazer sair. [...] O diálogo é sempre a melhor forma, mas se você tenta falar e ninguém te ouve, está na hora de fazer algo mais desagradável", disse.

Todavia, mesmo em casos desse tipo, há pessoas inocentes que são atrapalhadas por esses atos mais enérgicos, segundo o vocalista. "Não estou tomando lados e não sei a resposta para esse tipo de coisa. [...] Só acho que deveríamos conversar mais. Não tenho nada contra gritar e protestar, às vezes é a única forma, mas se o seu protesto atrapalha outra pessoa, você deve repensar", afirmou.

Cancelamento "raiz"

Em outro momento da conversa, Corpsegrinder apontou que o Cannibal Corpse foi alvo de "cancelamentos", no passado, de um jeito diferente do que vemos hoje na internet.

"Já tivemos grupos religiosos fora dos nossos shows protestando sobre como iríamos para o inferno. Eu olhava e pensava: 'ok, eles não estão agredindo ninguém, nem quebrando nada, então está bom'. Mas eles diziam coisas hediondas e desagradáveis", contou.

O vocalista acredita que esses religiosos mencionados obteriam um resultado mais efetivo em seus protestos se conversassem com os fãs da banda em vez de saírem gritando: "você vai para o inferno, seu lixo satânico". Além disso, na visão dele, o respeito pela crença (ou pela falta de crença) do outro é fundamental.

"As pessoas odeiam os religiosos que saem batendo nas portas e entregando panfletos, mas eu sempre converso com eles, nunca os expulso. Não sou religioso, mas apoio que exerçam suas religiões, a menos que seja prejudicial aos outros. [...] Perguntam se sou religioso, eu digo que não - e sei que não irão me convencer -, mas falo que vou ouvi-los e sou gentil", declarou.

Letras não são literais

Diante das reflexões de Corpsegrinder, o entrevistador comentou: "George, é tão bom ter uma conversa equilibrada e de alto nível com um homem que sai em turnê e canta uma música como 'Stripped, Raped and Strangled'". A letra da canção citada, uma das mais polêmicas do Cannibal Corpse, traz o eu-lírico descrevendo o estupro e o assassinato de uma mulher.

Com a menção à música feita, George Fisher buscou deixar claro: "Isso é uma música, não vamos fazer nada que está na letra. Chris (Barnes, antigo vocalista da banda) a compôs antes de eu entrar (em 1995). [...] Eu não devo falar sobre o que ele compôs, mas presumo, pois o conheço, que ele não seja um estuprador que odeia mulheres. É só uma música. Há descrições de estupro na literatura".

O entrevistador acrescentou: "David Bowie não era um 'Starman' (homem das estrelas) esperando nos céus quando fez aquela música". Corpsegrinder concordou: "Exatamente. Cantamos sobre filmes de terror e há alguns bem ruins, de serial killers. Não tentamos glorificar nada, pois se você vai pegar no nosso pé por glorificar isso, então você também pode pegar no pé de outros por glorificar outras coisas".

Por fim, o vocalista reconheceu que as temáticas das letras do Cannibal Corpse são "hediondas". "Mas, de novo, são letras apoiadas por filmes de terror. São só filmes de terror", concluiu.

A entrevista completa de Corpsegrinder ao Mosh Talks pode ser conferida, em inglês e sem legendas, no player de vídeo a seguir.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

💬 Ler e postar comentários


Arte Musical
Stamp
Korzus
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Cannibal Corpse: Corpsegrinder diz que ninguém bate cabeça melhor que ele no mundoCannibal Corpse
Corpsegrinder diz que ninguém "bate cabeça" melhor que ele no mundo

Cannibal Corpse: Paul Mazurkiewicz ranqueia as capas dos álbuns para o site The PitCannibal Corpse
Paul Mazurkiewicz ranqueia as capas dos álbuns para o site The Pit

Cannibal Corpse: Corpsegrinder diz qual é o vocalista que mais o influenciouCannibal Corpse
Corpsegrinder diz qual é o vocalista que mais o influenciou

Mauricio Weimar: analisando e defendendo a bateria do Cannibal Corpse (vídeo)

Cannibal Corpse: Pat O'Brien é condenado e multado por incidentes ocorridos em 2018Cannibal Corpse
Pat O'Brien é condenado e multado por incidentes ocorridos em 2018

Kerrang: os 13 melhores álbuns de rock e heavy metal lançados em abrilKerrang
Os 13 melhores álbuns de rock e heavy metal lançados em abril

Lista: 50 grandes bandas de rock e heavy metal que são do estado de Nova YorkLista
50 grandes bandas de rock e heavy metal que são do estado de Nova York

Metal Hammer: os melhores álbuns de rock e heavy metal lançados em 2021 (até abril)Metal Hammer
Os melhores álbuns de rock e heavy metal lançados em 2021 (até abril)

Cannibal Corpse: eles seriam cancelados por letras sobre estupro? Corpsegrinder comentaCannibal Corpse
Eles seriam cancelados por letras sobre estupro? Corpsegrinder comenta

Lista: 21 grandes músicas lançadas por bandas de rock e metal em 2021Lista
21 grandes músicas lançadas por bandas de rock e metal em 2021

Metal Hammer: do polêmico Load até Cannibal Corpse, os melhores álbuns de 1996Metal Hammer
Do polêmico "Load" até Cannibal Corpse, os melhores álbuns de 1996

Metal Extremo: 20 músicas para quem está iniciando caminhada pelo lado pesado da forçaMetal Extremo
20 músicas para quem está iniciando caminhada pelo lado pesado da força

Cannibal Corpse: George Corpsegrinder é fã de Cranberries e ouve country no busãoCannibal Corpse
George "Corpsegrinder" é fã de Cranberries e ouve country no busão

Cannibal Corpse: "Violence Unimagined" é lançado no Brasil em duas versões

Cannibal Corpse: George Corpsegrinder é eficiente em caçar ursos... de pelúciaCannibal Corpse
George "Corpsegrinder" é eficiente em caçar ursos... de pelúcia


Cannibal Corpse: música não é esporte, não existe melhorCannibal Corpse
Música não é esporte, não existe "melhor"

8 ou 80: cinco subgêneros do metal que ou você ama ou você detesta8 ou 80
Cinco subgêneros do metal que ou você ama ou você detesta

Cannibal Corpse: Um dos caras que pousou a sonda no cometa é um headbangerCannibal Corpse
Um dos caras que pousou a sonda no cometa é um headbanger


Guns N' Roses: Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?Guns N' Roses
Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?

Túmulos: alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUATúmulos
Alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUA


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.