Matérias Mais Lidas

imagemO dia que Ivete Sangalo arrasou cantando Slayer com João Gordo na TV aberta

imagemNoel Gallagher revela seu único arrependimento em sair do Oasis

imagemSlash falhou em seguir o conselho de Keith Richards, que mesmo assim foi lá e o apoiou

imagemOs curiosos dois significados da expressão "Eu quero ver o oco", segundo Digão

imagemA hilária crítica de Roberto Frejat contra fala cheia de "pretensão" do Bon Jovi

imagemO impagável apelido que Andre Matos deu a Luis Mariutti por sua pontualidade

imagemGuitarrista Brian Ray conta como é ter Paul McCartney como patrão

imagemAvião de Edu Falaschi enfrenta granizo e banda relata pânico: "Quase morremos"

imagemJohn Frusciante conta como "espíritos" auxiliam seu processo criativo

imagemO dia que Digão assistiu ensaio da Legião Urbana sem saber que era a banda

imagemBlackie Lawless relembra encontro inusitado com Cliff Burton em backstage

imagemCinco discos de heavy metal para ouvir sem pular nenhuma faixa

imagemDicionário do Metal: cinco bandas com a letra A

imagemRegis Tadeu explica porque Sandy não deve cantar músicas do Metallica

imagemUriah Heep: a audição de David Coverdale para substituir David Byron


Samael Hypocrisy
Stamp

Metallica: faltava mulher no público deles antes do Black Album, diz Matt Sorum

Por Igor Miranda
Postado em 30 de agosto de 2021

O baterista Matt Sorum compartilhou algumas reflexões sobre o Metallica em entrevista ao Desert Sun. O ex-integrante do Guns N' Roses, The Cult e de outros grupos afirma que a banda de thrash metal tinha um problema antes de lançar o álbum homônimo, de 1991, também conhecido como "Black Album": a falta de fãs mulheres.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sorum testemunhou, de perto, a diferença do Metallica antes e depois do "Black Album". O The Cult, que contava com o baterista na época, foi atração de abertura da banda de metal durante a turnê "Damaged Justice", que promovia o álbum "...And Justice For All" (1988). Depois, o Guns, com Matt, fez uma tour como co-headliner ao lado do grupo thrash.

"Garotas não conseguem dançar ouvindo '...And Justice For All', do Metallica. Garotas também precisam gostar do som. Bandas como Def Leppard têm uma plateia 90% composta por garotas. Quando você ia assistir a um show do Metallica antigamente, 99% dos presentes eram homens. Quando eles fizeram o 'Black Album', o resto foi história - e eles ainda estão aí", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ainda durante o bate-papo, o baterista falou sobre o conflito velado entre Guns N' Roses e Metallica na turnê de 1992. As duas bandas estavam no auge da fama naquele momento - e disputavam, ainda que de forma não-declarada, qual delas poderia ser a maior.

"A intenção de Axl (Rose, vocalista do Guns N' Roses) era dominar o mundo e ele não tinha medo de falar isso. Então, Lars Ulrich (baterista do Metallica) apareceu e ele queria dominar o mundo. E nós estávamos tipo: 'vocês vão ter que abrir nosso show, pois queremos dominar o mundo'. Eles eram muito competitivos conosco", disse.

Em meio a tudo isso, o Guns passava por seus próprios problemas. A banda estava rachando internamente por questões ligadas a dinheiro e, especialmente, vícios em álcool e drogas. Embora estivesse no grupo há menos tempo, Sorum também lidou com os problemas ligados à dependência química.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Nunca me considerei um alcoólatra do tipo furioso porque eu era do tipo: 'olha esses caras, eles são piores que eu; não sou alcoólatra, só bebo depois do show'. Eu sentia que aquilo deveria acabar. No fim, estava exausto, acabado, chegava em casa após uma turnê gigante e era tipo: 'oh, Deus, não consigo parar de beber, sou um alcoólatra, o que eu faço?'", declarou.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Summer Breeze


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Blackie Lawless relembra encontro inusitado com Cliff Burton em backstage

Regis Tadeu e os acertos da Sandy ao cantar "Nothing Else Matters", do Metallica

"Houve muita escuridão em minha vida", afirma James Hetfield

"Masculinidade tóxica preencheu o Metallica com besteiras", diz Kirk Hammett

O Metallica não tem mais o que provar, muito menos algo novo para oferecer

Lars Ulrich poderia tocar músicas do Rush com Geddy Lee e Alex Lifeson?

Metallica: o que Regis Tadeu achou de "Lux Aeterna", nova música da banda?

Regis Tadeu explica porque Sandy não deve cantar músicas do Metallica

Veja Sandy cantando Metallica na TV Globo em programa de Marcos Mion

James Hetfield sobre "Load" e "Reload": "Pareceu forçado"

James Hetfield sobre o "St. Anger": "Pelo menos é honesto"

Lars Ulrich diz que membros do Metallica são irmãos que ele nunca teve

James Hetfield comenta como a fama afeta as pessoas como um vício

"A masculinidade tóxica alimentou esta banda", diz Kirk Hammett sobre o Metallica

Novo clipe do Metallica ultrapassa 5 milhões de views em dois dias

Esquire: Integrantes do Metallica fingem ser do Led Zeppelin

Metallica: uma curiosa versão de "Wherever I May Roam" no banjo

Metallica e Lady Gaga: veja a performance conjunta no Grammy

Punk Rock: os 25 melhores discos segundo o site IGN

Black Metal: cinco bandas do lado depressivo do satanismo


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda.