Matérias Mais Lidas

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemKiko Loureiro defende surgimento de banda que seria "Greta Van Fleet do Iron Maiden"

imagemA simpatia de James Hetfield ao conversar com pais de bebê que nasceu durante show

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemSe vira nos 30: Andre Matos tomou cano de produtor e fez milagre pra agradar fãs

imagemRitchie Blackmore revela como o impactou a chegada de Jimi Hendrix na Inglaterra

imagemMetallica faz doação para complexo de saúde e educação em Curitiba

imagemDaniel Cavanagh, do Anathema, sobrevive a tentativa de suicídio

imagemO comportamento de Kirk Hammett que facilitou o trabalho de seu professor Joe Satriani

imagemJonathan Davis, do Korn, explica qual seu problema com o Cristianismo

imagemApós resposta de Malmsteen, Jeff Scott Soto rebate guitarrista e diz que deseja paz

imagemComo Max Cavalera aprendeu inglês tendo abandonado a escola aos 12 anos de idade


Metallica: segundo Jason, acidente que quase fez James perder a vida salvou a banda

Por Mateus Ribeiro
Em 28/01/22

James Hetfield, o famoso guitarrista e vocalista do Metallica, passou por um momento terrível dia 8 de agosto de 1992, quando a banda tocou em Montreal (CAnadá). Durante a execução de "Fade To Black", um efeito pirotécnico quase tirou a vida do frontman, que não sabia onde deveria se posicionar. James ficou ferido, mas felizmente, sobreviveu ao acidente.

imagemEm 08/08/1992: Um desastroso show conjunto do Guns N' Roses e Metallica

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quase 30 anos depois, Jason Newsted falou sobre o fato com Steffan Chirazi, editor da So What! (revista do fã-clube da banda). Segundo o baixista, que fez parte do Metallica por 14 anos, o acidente salvou a banda.

"Aquele acidente nos uniu até um ponto que eu acho que nunca teria acontecido a menos que um incidente como esse tivesse acontecido... James foi fodidamente heroico, cara. Direto, ele foi heroico. Você sabe como uma pequena queimadura do bule dói? Esse [acidente] foi com o braço inteiro dele. É realmente um momento que de alguma forma salvou e reabasteceu nossa banda", afirmou o baixista, em trecho da conversa transcrito e publicado pelo site Loudwire.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como era de se imaginar, os demais integrantes do quarteto ficaram assustados com o ocorrido, conforme Jason relatou em outro ponto da entrevista. "Estávamos perturbados, Kirk [Hammett, guitarrista] e eu estávamos viajando. Lars [Ulrich, baterista] nem estava no vestiário [depois que tudo aconteceu]. Ele só tinha uma toalha na cabeça. Kirk e eu estávamos tentando ficar em pé. Estávamos imaginando, imaginando, imaginando".

Algumas horas após o fato, Tony Smith, gerente de turnê do Metallica na época, tranquilizou Jason, Kirk e Lars. "[Tony disse] Ele vai ficar bem, ele vai ficar bem, ele é durão pra caralho".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Jason também relembrou a recuperação de James, que não queria ser visto como coitadinho. "Nós nem sabíamos se conseguiríamos tocar novamente com ele. Sim, ele estava tomando morfina e qualquer outra merda, mas ele ainda era ele mesmo. (...) Nós nos reagrupamos atrás dele, apoiando-o, através do amor fraterno. Absoluto amor fraterno. Era mais importante que ele estivesse bem do que qualquer outra coisa, mas ele dizia: ‘Vamos, porra’'. Não havia essa de ‘pobre de mim’. Por causa disso - porque nosso líder mostrou esse tipo de fogo - ficamos mais do que felizes em apoiá-lo como nunca antes... Eu sabia que teria que me esforçar e fazer mais algumas coisas. Todos nós sabíamos disso e entramos direto nisso".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após três semanas longe dos palcos, o Metallica voltou a se apresentar, em Avondale (Arizona, EUA). Enquanto se recuperava das queimaduras, James Hetfield fez shows apenas cantando e o roadie John Marshall (guitarrista do Metal Church) tocou guitarra, como pode ser visto abaixo.

imagemEm 08/08/1992: Um desastroso show conjunto do Guns N' Roses e Metallica

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp




Sobre Mateus Ribeiro

Fã de Ramones, In Flames e Soilwork. Ouve (quase) tudo, desde rock clássico até black metal.

Mais matérias de Mateus Ribeiro.