RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas


Janis Joplin: última gravação dela em vida foi feita para um Beatle

Por Bruce William
Postado em 10 de agosto de 2022

Janis Joplin foi uma das maiores cantoras de Rock de todos os tempos. Seu marcante vocal rouco e potente aliado às performances elétricas quando subia ao palco fizeram com que ela entrasse para a história como um dos grandes ícones da história da música.

Janis Joplin - Mais Novidades

Foto: Capa Biografia - Sua Vida Sua Música
Foto: Capa Biografia - Sua Vida Sua Música
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E assim como todos ou ao menos a maioria esmagadora dos jovens de sua época, Janis amava os Beatles. E George Harrison em especial, a ponto dela ter batizado um de seus cães, animais que ela amava, com o nome do músico. Mas eles nunca se conheceram pessoalmente. Na verdade, ao que consta, Janis nunca chegou a conversar com nenhum Beatle. Porém dois deles cruzaram diretamente o caminho da cantora: Paul McCartney e John Lennon.

A história com Paul aconteceu quando ele foi assistir Janis e sua banda em São Francisco em 1968. Ela ficou tão emocionada que escreveu uma carta para seus pais falando sobre a experiência. "Imaginem quem esteve na cidade na semana passada - Paul McCartney!!! (Ele é um Beatle). E ele veio nos ver!!! Não é empolgante!!! Meu Deus, fiquei tão emocionada - ainda estou! Imagine - Paul!!!", disse Janis na carta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em seguida, ela deixa claro que, apesar de toda a empolgação, preferia que tivesse sido George, e ainda por cima revela que não conseguiu conhecer Paul pessoalmente. "Ainda se fosse o George... oh, bem. Seja como for, não consegui vê-lo, só ficamos sabendo depois do show. Se eu soubesse que ele estava lá (na plateia) eu teria pulado do palco e feito papel de boba".

Linda, companheira, esposa e parceira de Paul McCartney, fala da solidão e insegurança de Janis Joplin

Uma curiosidade adicional: Linda, que viria a se tornar companheira, esposa e parceira musical de Paul no início de 1969, registrou inúmeras fotos de Janis durante sua meteórica trajetória, tal como esta abaixo, que mostra a cantora em ação no Fillmore East em Nova Iorque, ainda no ano de 1968.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Janis e eu nos tornamos amigas, mas nunca fomos próximas. Éramos pessoas muito diferentes. Ela era uma mulher muito forte e eu era uma mulher bastante sensível. Não havia química entre a gente. Eu me dava muito melhor com os caras da banda (Big Brother): Sam Andrew, Dave Getz, Peter Albin e Jim Gurley. Eles tinham uma ótima vida social, enquanto eu sentia que Janis não tinha amigos de verdade. Apenas ficando perto dela você percebia que ela era uma pessoa insegura. Ela não se achava atraente, e depois dos shows os garotos sempre saíam com as garotas e ela ficava sozinha. Eu senti pena dela. Ela provavelmente gostaria que um cara a levasse para jantar", disse Linda McCartney em um depoimento sobre Janis Joplin.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Yoko Ono pediu para Janis Joplin gravar uma música para John Lennon

No final de julho de 1970, Janis Joplin e sua banda da época, a Full Tilt Boogie Band, começaram a gravar o então novo álbum da cantora, que seria batizado com seu apelido, "Pearl".

E John Lennon completaria 30 anos de idade no dia 9 de outubro. Sua esposa, Yoko Ono, teve uma ideia brilhante para comemorar a data: ela entrou em contato com alguns cantores pedindo que gravassem uma mensagem de feliz aniversário para Lennon. Um destes cantores era Janis, que aceitou o pedido de Yoko.

No dia 1º de outubro, Janis foi ao estúdio e gravou os vocais de duas músicas: "Mercedez Bens" e "Happy Trails". Dois dias mais tarde ela retornou para ouvir o instrumental de "Buried Alive in the Blues", que ganharia seu vocal no dia seguinte. Mas ela não apareceu no estúdio no dia 4 de outubro. O empresário foi ver o que havia acontecido e se deparou com a tragédia: Janis sofreu uma overdose de heroína e perdeu a vida. Ela estava com 27 anos de idade. "Buried Alive in the Blues" foi lançada sem vocal no álbum póstumo, que sairia seis meses depois.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - WHIP
Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Quase um ano mais tarde, John Lennon contou em entrevista ao Dick Cavett que ele recebeu a gravação feita pela Janis, pelo correio, depois da morte da cantora, e por isso não teve tempo de agradecer pela cortesia. "Nós não nos conhecemos, mas ela me enviou uma fita de aniversário no meu último aniversário", conta Lennon no vídeo. "Yoko pediu a algumas pessoas diferentes que fizessem uma fita para mim, e Janis foi era uma delas, mas só recebemos a fita depois que ela morreu. Chegou pelo correio, e ela estava cantando parabéns para mim no estúdio".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Happy Trails", a homenagem de Janis Joplin cantando parabéns para John Lennon, pode ser conferida no player abaixo.

Diz a letra:
Olá John, aqui é a Janis.
Que vem de apenas te desejar um feliz aniversário
E tudo de bom pra você, até que nos reencontremos novamente
Tudo de bom pra você, siga sempre sorrindo
Tudo de bom pra você, até que nos reencontremos novamente
Feliz aniversário John, da Full Tilt Boogie Band
.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps



1967 no Rock: O Verão do Amor e o Clímax Psicodélico

Woodstock Festival: Em 1969, uma Utopia eternamente jovem


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | Alex Juarez Muller | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Geraldo Fonseca | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Bruce William

Quando Socram chegou no Whiplash.net era tudo mato, JPA lhe entregou uma foice e disse "go ahead!". Usou vários nomes, chegou a hora do "verdadeiro". Nunca teve pretensão de se dizer jornalista, no máximo historiador do rock, já que é formado na área. Continua apaixonado por uma Fuchsbau, que fica mais linda a cada dia que passa ♥. Na foto com a Melody, que já virou estrelinha...
Mais matérias de Bruce William.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS