Loudwire: Os 10 melhores álbuns de 1992

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Loudwire, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Relembrando os melhores álbuns de 1992, podemos ver uma mistura bem eclética que ajudou a formar uma infusão de novas fórmulas padrão do Hard Rock e Heavy Metal. Era um tempo para aprerdemos que a música podia ser Grunge (STONE TEMPLE PILOTS, ALICE IN CHAINS), Groovy (WHITE ZOMBIE), Progressiva (DREAM THEATER) e politicamente inspirada (RAGE AGAINST THE MACHINE). Ainda foi um ano onde bandas já bem estabelecidas, como MEGADETH E PANTERA trouxeram alguns de seus trabalhos essenciais. Vamos então dar uma olhada em nossa lista do Top 10 álbuns de 1992.

779 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa5000 acessosVocalistas: belíssimos timbres de alguns cantores de rock

Texto traduzido do Loudwire.com. A lista reflete a opinião do editor Chad Childers.

10: “Angel Dust” – FAITH NO MORE

É difícil dispensar o “Angel Dust” como um dos melhores álbuns de 1992 quando ele possui tantas ótimas músicas. O disco, o segundo da banda com Mike Patton nos vocais, se provou um valoroso sucessor do “The Real Thing”, de 1989. Músicas como “Sunshine”, “A Small Victory”, “Everything is Ruined” e seu estranho cover “Easy”, conseguiram chamar atenção de todas as audiências, mas foi o single principal, “Midlife Crisis”, que acabou sendo o grande hit deste trabalho.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

09: “Meantime” – HELMET

Teve alguma banda que chamou mais atenção em 1992 do que a HELMET? Parece que todos adoraram o set estreante de “Meantime”. Os riffs únicos do cantor/guitarrista Page Hamilton, combinados com a poderosa bateria de John Stanier e o baixista Henry BogdaM, fez do HELMET um favorito da crítica especializada. “Unsung” foi um dos maiores hinos na cena do metal alternativo, e “In The Meantime” ganhou a primeira indicação ao Grammy para a banda, por melhor desempenho em Metal.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

08: “Psalm 69: The Way to Suceed and The Way to Suck Eggs” - MINISTRY

Os queridinhos do Metal Industrial, do MINISTRY continuaram a evoluir com este álbum. Foi sem dúvidas o maior lançamento da banda com a ascendente “N.W.O.” liderando o caminho.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

07: “La Sexorcisto: Devil Music, Vol. 1” – WHITE ZOMBIE

O Mundo da música conheceu o WHITE ZOMBIE em 1992. Por mais que o Grunge estivesse dominando o ambiente ainda havia espaço para algumas variações do Metal e o som groove-and-funk-metal preencheu este nicho. A pesada, porém dançante “Thunder Kiss ‘65” foi o primeiro hit da banda a estourar nas rádios, enquanto o “Black Sunshine” foi uma das canções ao vivo mais populares da banda.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

06: “Images and Words” – DREAM THEATER

O “Image and Words” do DREAM THEATER tinha que estar na lista dos melhores álbuns de 1992, já que foi o disco que colocou a banda no consciente coletivo dos fãs do prog-metal. O vocal de James Labrie em “Pull Me Under” faz jus ao fato desta música ter virado o primeiro hit comercial da banda. Sem esquecer que no geral o Guitarrista John Petrucci, o baixista John Myung e o baterista Mike Portnoy, fizeram várias obras primas neste disco que merecem ser ouvidas.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

05: “Rage Against The Machine” – RAGE AGAINST THE MACHINE

Os primeiros três singles deste disco não chamaram muita atenção, mas “Freedom” finalmente trouxe o Rage para as massas quase um ano após o lançamento do álbum. Após o estouro, os fãs poderam descobrir pérolas como “Killing in the Name” e “Bullet in the Head”.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

04: “Core” – STONE TEMPLE PILOTS

A segunda onda grunge começou em 1992 e o STONE TEMPLE PILOTS estavam na frente. Com a destruidora abertura de “Sex Type Thing”, Scott Weiland introduziu uma nova voz ao jogo, mas enquanto a banda mostrou o que sabia fazer com faixas como “Wicked Garden”, foram as mais sentimentais “Plush” e “Creep” que distinguiram o grupo dos demais.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

03: “Countdown to Extinction”

Este álbum é com certeza um dos que devem pertencer a esta lista. Há muito material excelente feito por Dave Mustaine neste clássico disco. “Symphony of destruction” fala de temas políticos e poder e seu memorável vídeo foi até mesmo censurado na MTV, devido preocupações com sua cena de assassinato. “Sweating Bullets”, por outro lado, oferecia uma visão esquizofrênica da sociedade e como nosso subconsciente trata estes eventos.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

02: “Dirt” ALICE IN CHAINS

O ALICE IN CHAINS lançou este, seu provavelmente melhor álbum, em 1992. Amparado pelo seu single “Would?”, o disco decolou rapidamente. Uma amostra dos hits deve incluir: “Them Bones”, “Angry Chair” e “Down in a Hole”. O quarto single, “Rooster”, provou ser a canção mais ambiciosa. Com a perfeita mistura entre o vocal sentimental e o agressivo, Layne Stanley, pegou a letra de Jerry Cantrell sobre seu pai, um soldado, e ajudou a criar um clássico instantâneo.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

01: “Vulgar Display of Power” – PANTERA

Chegando em primeiro lugar, o “Vulgar Display of Power”, que era essencial para qualquer metaleiro de 1992. O quarto single do álbum, “Walk”, com o lendário vocal padrão de Phil Anselmo, iria se tornar uma faixa icônica. Mesmo após 20 anos ainda é uma das músicas mais tocadas do Metal.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

* Fernando Portelada queria ser mais velho em 1992

Os responsáveis são citados no texto. Não culpe os editores. :-)

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 25 de setembro de 2012
Post de 04 de outubro de 2012

MegadethMegadeth
Dave Mustaine classifica os guitarristas da banda

779 acessosHeavy Metal: os 10 melhores riffs dos anos noventa477 acessosMarty Friedman: ouça "Miracle", single do novo álbum solo3396 acessosMetallica: e se James Hetfield cantasse no Megadeth?0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Megadeth"

CinemaCinema
As melhores músicas de Rock/Metal em filmes de terror

Thrash MetalThrash Metal
A história contada pelos próprios músicos

MegadethMegadeth
Uma das bandas mais limpas da história do Metal?

0 acessosTodas as matérias da seção Maiores e Melhores0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"0 acessosTodas as matérias sobre "Alice In Chains"0 acessosTodas as matérias sobre "Pantera"0 acessosTodas as matérias sobre "Helmet"0 acessosTodas as matérias sobre "Stone Temple Pilots"0 acessosTodas as matérias sobre "White Zombie"0 acessosTodas as matérias sobre "Dream Theater"0 acessosTodas as matérias sobre "Rage Against The Machine"0 acessosTodas as matérias sobre "Ministry"0 acessosTodas as matérias sobre "Faith No More"

VocalistasVocalistas
Belíssimos timbres de alguns cantores de rock

Regis TadeuRegis Tadeu
"Lemmy era tão poderoso que seu corpo não teve coragem de contrariá-lo"

Alfabeto do RockAlfabeto do Rock
As 15 melhores músicas de Metal

5000 acessosMötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda5000 acessosSlash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido5000 acessosSabaton: Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda sueca4976 acessosArch Enemy: Jeff Hanneman nunca será esquecido, diz Gossow5000 acessosDave Mustaine: estou ficando melhor na guitarra graças a Kiko4572 acessosIron Maiden: vídeo dos bastidores da remasterização dos 15 álbuns

Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online