Leave's Eyes: entrevista concedida a fãs brasileiros

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vinícius Nogueira e Paulo Henrique, Fonte: Leaves' Eyes Brasil FanPage
Enviar correções  |  Ver Acessos

Alexander Krull, líder e vocalista das bandas LEAVES' EYES e ATROCITY, concedeu uma entrevista a página de seus fãs brasileiros no facebook. Alex falou desde comparações com a antiga banda da vocalista do LEAVES' EYES, Liv Kristine, até novos projetos e turnê Sul-Americana. Veja a Entrevista na íntegra:

Black Sabbath: Tony Iommi explica como tocar "Paranoid"Guns N Roses: Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com Axl

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Vamos começar com uma pergunta diferente: como é o Alex longe do palco e dos holofotes?

AK: Bem, quando nós não estamos em turnês, eu gasto muito tempo trabalhando no estúdio e, além disso gosto de passar meu tempo livre com a minha família. Eu sou muito ligado ao meu estilo metal 24 horas por dia 7 dias por semana sendo um músico e um monte de coisas que me interessam estão conectados ao LEAVES' EYES e ao ATROCITY (risos).

Voltando ao passado: Qual é a diferença no LEAVES' EYES de Lovelorn para Symphonies Of The Night?

AK: "Lovelorn" foi um ótimo começo da grande jornada musical do LEAVES' EYES! "Symphonies Of The Night" combina com todas as experiências que fizemos nesses últimos 10 anos, de uma forma perfeita. É louco como o tempo passa rápido, não acredito que há tanto tempo entre os dois álbuns. Não é ótimo ver que a banda ainda emociona depois de tanto tempo?

Como foi o processo de gravação do Symphonies Of The Night?

AK: Tivemos um tempo muito intenso no estúdio, e fizemos sessões de gravação muito boas. "Symphonies Of The Night" acabou por ser o nosso disco mais pesado, até o momento, e mantém todos os elementos essenciais de banda. Nós somos pessoas que trabalham duro e de forma apaixonada, acho que você pode ouvir isso muito bem no novo álbum com todos esses detalhes nas músicas e som. A variação de Liv nos vocais é fantástica e as músicas te deixam preso pelo pescoço. Foi exatamente a nossa visão, quando começamos o trabalho de estúdio.

Como é o processo de composição musical do LEAVES' EYES?

AK:Depende, às vezes começamos com algumas melodias agradáveis ou elementos orquestrais ou idéias vocais da Liv. As vezes podemos ter uma idéia legal com os instrumentos de rock. Tosso, Liv e eu somos uma equipe muito boa de compositores e gostamos de escrever música juntos. Isso é muito importante! Quando encontramos uma idéia de música interessante e excitante... começamos a trabalhar com mais e mais detalhes como o regime clássico, coros ou riffs de guitarra e idéias vocais. O mastersound Studio é o lugar perfeito para que sejamos criativos e possamos escrever e produzir nossa música.

Como você vê o LEAVES' EYES em alguns anos?

AK: Nós sempre queremos melhorar e dar o nosso melhor! Vamos continuar nosso caminho e nossos fãs podem certamente ficar ansiosos para mais aventuras emocionantes do LEAVES' EYES.

Muitas pessoas ainda comparam o LEAVES' EYES com THEATRE OF TRAGEDY?

AK: Para mim, são duas bandas diferentes, mas claro que há uma conexão com o passado. Liv teve um papel muito forte na banda Theatre of Tragedy e muitos fãs estão muito felizes em ver dela o mesmo papel forte no LEAVES' EYES, com uma maneira ainda mais diversificada em sua expressão artística e de uma forma mais sinfônica, escura e mitológica.

Quais são suas técnicas vocais?

AK: No LEAVES' EYES na maioria das vezes eu uso uma forma profunda ou agressiva para os meus vocais. Bem, alguns chamam-me de "a besta" (risos). Mas eu também canto em coros ou usando vocais limpos nas linhas de fundo dos vocais.

Como dividir o tempo como um pai e estar no palco e viajar ao mesmo tempo?

AK: Bem, nosso filho Leon às vezes está em turnê com a gente e tentamos mostrar-lhe ao redor sempre que possível. Ele aprendeu muitas coisas novas na estrada, novos países e novas culturas. Como nós, Liv e eu, é muito bom viajar pelo mundo e conhecer novas pessoas e conhecer outros países, embora às vezes é difícil sair em um local por mais tempo quando nós temos uma agenda apertada.

Nós gostaríamos de saber o que você sabe sobre o Brasil, ou ouviu falar?

AK: O Brasil é um país muito grande, e felizmente, eu já estive lá para ver um pouco dele. Foi muito legal ficar por um tempo em São Paulo, por exemplo. E claro, agradecemos a hospitalidade do povo brasileiro. Viajamos muito tempo entre os shows e eu me lembro de um monte de impressões. Um dia, que eu gostaria de ir em uma viagem em uma floresta de chuva ou para a área do Amazonas, isso seria fantástico. Claro, todo mundo sabe sobre a cultura, Samba ou futebol brasileiro! Pessoalmente, estou muito ansioso para o evento do ano, a Copa do mundo de futebol no Brasil! Que tal uma final Brasil vs Alemanha? haha

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como está a turnê promocional do Symphonies Of The Night? Existem planos de passarem em turnê pela América do Sul, incluindo o Brasil?

AK: Sim, estamos trabalhando duro nisso! Em algumas horas eu tenho uma reunião com nosso booker para América do Sul, "Rock the Nation", em relação uma futura turnê na América Latina. Dedos cruzados! Última vez tivemos azar e não foi possível ir... Desculpa, certamente não foi culpa nossa. Nosso desejo e meta é voltar... quanto mais cedo melhor!!! Nós amamos tocar para nossos fãs brasileiros!!!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Alex, obrigado por esta entrevista, finalmente, você poderia enviar uma mensagem para os fãs do Brasil?

AK: Obrigado a todos pelo grande apoio! Sabemos que alguns de vocês estão esperando por tanto tempo para nos ver de novo! E sim, queremos estar de volta assim que possível para tocar para vocês! Esperamos voltar em breve! Saudações de todos nós!
- Alexander Krull -




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Leaves' Eyes"


Theatre of Tragedy: Liv diz que foi demitida igual a Tarja no NightwishTheatre of Tragedy
Liv diz que foi demitida igual a Tarja no Nightwish

Liv Kristine: fui demitida de minha própria banda!Liv Kristine
Fui demitida de minha própria banda!


Black Sabbath: Tony Iommi explica como tocar ParanoidBlack Sabbath
Tony Iommi explica como tocar "Paranoid"

Guns N Roses: Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com AxlGuns N Roses
Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com Axl


Sobre Vinícius Nogueira

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Sobre Paulo Henrique

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280