Piet Sielck: falando sobre passado em banda pré-Helloween

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rodrigo Lima, Fonte: Helloween Brasil
Enviar correções  |  Ver Acessos

O vocalista e guitarrista Piet Sielck da banda Iron Savior nos concedeu uma entrevista onde fala sobre o último álbum da banda, sua carreira e seu passado no Gentry (banda que futuramente se tornaria o Helloween). Você pode ler a primeira parte da entrevista clicando aqui. Nessa segunda parte o assunto é o Gentry e o Helloween:

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Helloween Brasil.: Voltando no tempo, muitos anos atrás... Você fez parte do Gentry (que mudou de nome várias vezes) com Kai Hansen e isso pode ser considerado um pré-Helloween. Você tem alguma lembrança desse tempo? Lembra quem formou a banda com você e o Kai? Você sabe o que eles estão fazendo hoje em dia?

Piet.: Claro que eu tenho muitas lembranças dessa época. Eu chamaria isso de "a mais importante época" em termos de Metal porque isso simplesmente foi a base de tudo que eu fiz mais tarde. Essa base ainda influencia e eu estou fazendo um grande negócio.

Antes do Ingo e Markus entrarem, nós tínhamos a um baixista chamado Christian Haveland, mas eu não tenho contato... Nosso primeiro baterista quando nós ainda nos eramos o Gentry foi Michael Lott. Ele se transformou num famoso ator de TV na Alemanha. Nós ainda temos contato e encontramos ocasionalmente quando nossas agendas faz isso possível.

Helloween Brasil.: Eu tenho duas fotos do Gentry e eu acho que isso é o único material disponível dessa época. Você tem outras coisas, como fotos ou mesmo demos?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Piet.: Infelizmente, eu não tenho mais gravações dessa época. Uma pena porque nossa sessão de gravação foi lendária! Nós transformamos o porão da casa dos meus pais num estúdio de gravação com 3 cômodos, então nós podíamos gravar os instrumentos à parte . Nós também desenvolvemos uma maneira muito especial de gravar overdubs no básico playbacks. E tudo isso sem qualquer multitrack que facilitasse.

Helloween Brasil.: Você ainda tem contato com o Markus Grosskopf que também tocou com você nessa época?

Piet.: Claro que eu encontro com o Markus desde aquele tempo aqui em Hamburgo. Ele ainda é um cara muito animado e gentil que eu sempre gostei.

Helloween Brasil.: Você ouviu os últimos lançamentos do Helloween? Se você ouviu, o que você achou?

Piet.: O último material do Helloween é lindo demais, o que esperaria do Helloween. Não exatamente meu estilo. Eu gosto de coisas mais pesadas, mas é absolutamente sólido e digno.

Helloween Brasil.: Depois que você deixou o Gentry você ficou um tempo sem banda ou gravando até que você criou o Iron Savior. Por que esse longo tempo em silêncio?

Piet.: Eu cheguei a um ponto onde minha energia estava sugada. Eu estava cansado de mover toda uma estrutura de clubes apenas para que eu ficasse na frente de 20 pessoas que não entendiam nossas canções Speed Metal da época. Eu simplesmente frustrei... e também as garotas do mundo mudaram o foco mais e mais, haha!

Helloween Brasil.: Piet... Muito obrigado pela entrevista. Era algo que eu queria tem um bom tempo há. Obrigado! Agora eu vou deixar um espaço para você enviar uma mensagem para todos os fãs no Brasil e no mundo todo.

Piet.: Eu gostaria de agradecer todos nossos fãs que tem nos dado apoio e especialmente a mim durante os últimos anos. O tempo depois do Megatropolis não foi fácil para mim, mas com o apoio DE VOCÊS, eu fui capaz de me retirar do poço e criar The Landing. Isso não seria possível sem VOCÊS, os fãs. Heavy Metal Nunca Morrerá.

Piet Sielck ainda nos passou uma lista de shows que ele ainda se lembra e o set-list do Gentry e você pode ver tudo isso acessando:
http://helloween.forum-livre.com/t1035-gentry-pre-helloween-...

Helloween Brasil Facebook:
http://www.facebook.com/HelloweenBR




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Helloween"Todas as matérias sobre "Iron Savior"


Andre Matos: vídeo de cover de Helloween com orquestraAndre Matos
Vídeo de cover de Helloween com orquestra

Power Metal: As bandas mais populares segundo o FacebookPower Metal
As bandas mais populares segundo o Facebook


Simone Simons: Rammstein me faz querer mexer a bundaSimone Simons
"Rammstein me faz querer mexer a bunda"

Metallica: Perguntas, respostas e curiosidades diversasMetallica
Perguntas, respostas e curiosidades diversas


Sobre Rodrigo Lima

Conheci o metal em 1998 com os festival Skol Rock com as bandas Iron Maiden e Helloween que hoje são minhas preferidas e principais influências. Principalmente o Helloween que me inspirou a criar um Fâ-Clube brasileiro para a banda, o Sole Survivor Helloween Brasil.

Mais matérias de Rodrigo Lima no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280