Sonata Arctica: vivendo em um mundo cheio de maravilhas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Karla Aquino, Fonte: Noizz Eater, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

A revista Noize Eater recentemente conduziu uma entrevista com o cantor Tony Kakko da banda finlandesa SONATA ARCTICA.
Confira alguns trechos da entrevista:

Sobre a mudança de direção musical da banda:

Tony Kakko: O crescimento musical nunca acaba, eu suponho. Desta vez eu quero fazer as coisas com um pouco mais de simplicidade. Nós fomos longe o suficiente na estrada do metal progressivo, está na hora de traçar outro caminho. No momento, isso parece ter resultado em um grande tumulto, em nosso set list. Eu posso descrever este álbum como o mais amigável do SONATA, até hoje.

Sobre as tendências:

Tony Kakko: Eu sempre escrevo as músicas para mim. Acho que isso é uma abordagem totalmente errada se você for pensar no modo "isso com certeza irá vender", já que no momento ele pode ser bem popular. A música tem que ser escrita para você mesmo. Se eu colocar meu coração e minha alma e, fazê-lo como se ele fosse o melhor que você já fiz, e isso acontece com todas as músicas que faço, acho que você fará de maneira correta. Existem pessoas nesse planeta que pensará da mesma forma sobre algumas de nossas músicas. Mas é claro que está tudo bem se você não gostar de todas as músicas e de todas as bandas. Ok, galera! (risadas). Eu me importo muito com os fãs, quero dizer, eu amo eles! Eu não poderia fazer o que faço sem esses grupos fantásticos de fãs. Me parece que temos uma certa tendência em agradar pessoas que não tiveram contato com nossa música. E esses caras sempre fazem o melhor. Vivemos em um mundo cheio de maravilhas.

Sobre turnês em lugares mais remotos do mundo:

Tonny Kakko: De alguma maneira parece que quanto mais pobre um país é, e quanto menos dinheiro as pessoas têm, mais eles compram ingressos para esses shows. A galera está lá... eles lotam selvagemente os shows. Realmente fazem você se sentir como um rockstar, mesmo que você não se sinta como um.
A locação e os equipamentos podem não ser os melhores, mas seus corações quentes e a vontade de estarem presentes faz com que estejamos ali, fazendo as coisas acontecerem com total sinceridade.


Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Sonata Arctica"


Sonata Arctica: não somos mais power metal, diz vocalistaSonata Arctica
"não somos mais power metal", diz vocalista

Sonata Arctica: Finlândia não é o paraíso que muitos pensamSonata Arctica
Finlândia não é o paraíso que muitos pensam


Iron Maiden: O que a equipe consome quando vai a um pub?Iron Maiden
O que a equipe consome quando vai a um pub?

Rock: A história dos primórdios aos anos 90Rock
A história dos primórdios aos anos 90


Sobre Karla Aquino

Karla Aquino é uma jornalista e produtora de vídeos que sempre coloca trilhas sonoras para acompanhá-la diariamente. Fascinada por terror, aprendeu com Stephen King a adorar AC/DC e, por consequência, os clássicos do rock and roll. Ama tatuagens e toca guitarra meia boca, mas um dia será a versão feminina de Eddie van Halen.

Mais matérias de Karla Aquino no Whiplash.Net.

Cli336x280