Suicide Silence: "vamos durar mais que o estilo deathcore"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por José Antonio Alves, Fonte: Blabbermouth.Net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Jon Wiederhorn, da Guitar World, conduziu recentemente uma entrevista com os guitarristas Mark Heylmun e Chris Garza, do SUICIDE SILENCE. Alguns trechos da conversa seguem abaixo.

5000 acessosDossiê Guns N' Roses: A versão de Slash para os fatos5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1990

Guitar World: Quando vocês começaram a trabalhar em canções para (o álbum novo do SUICIDE SILENCE) "The Black Crown"?

Mark Heylmun: Para mim, começou em dezembro de 2009, quando estávamos em turnê com o MEGADETH. Foi quando eu comecei realmente a pensar nos riffs e também estava imaginando o álbum. Mesmo não começando de fato ali, eu pensei sobre como seria quando estivesse acabado e o que iríamos fazer para começar a escrever. Sugeri para o pessoal ir até um lugar e alugá-lo por algumas semanas, longe de tudo, para todos colocarem as idéias sobre a mesa, ver se são boas ou ruins e ver onde a cabeça de todo mundo está. Isto aconteceu entre dezembro de 2009 e fevereiro de 2010.

Chris Garza: Estávamos todos muito revigorados. Eu não tinha nenhum riff. Nos reuníamos todos os dias, mas isso acabou por nem sequer fazer o álbum, apenas nos reuníamos para começar a fazer a essência fluir.

Mark Heylmun: Sim, na época eu não tinha nem 30 segundos ou um minuto das músicas atuais. Foi mais a idéia de como as músicas e estruturas seriam e como iríamos crescer a partir do último álbum. Eu tinha alguns riffs e achava que eram legais. Nós escrevemos algumas músicas, mas nenhuma delas entrou no produto final. Foi mais uma coisa para voltar à onda de escrever, já que não tínhamos escrito nada juntos em um ano e meio. E foi também a primeira vez que estávamos escrevendo com o nosso novo baixista (Dan Kenny). Então, nós apenas nos reunimos para ver o que sairia espontaneamente, que é a forma na qual escrevemos os dois primeiros álbuns.

Guitar World: Houve diferentes influências na gravação desta vez?

Mark Heylmun: Bem, nós não tivemos medo de mostrar de onde viemos, então você pode ver a influência do KORN, e coisas como SUFFOCATION, MORBID ANGEL e PANTERA. E até mesmo como toco, há pequenas partes que você nota que são tipo como o OPETH - só coisas que teríamos tido mais medo de fazer anteriormente.

Guitar World: Vocês todos se relacionaram bem durante a escrita e gravação de "The Black Crown"?

Mark Heylmun: A gente sempre se relaciona bem até certo ponto. Ou não estamos muito bravos com o outro, que ainda pode ser racional e falar com outros sobre isso. Mas eu não acho que nenhum de nós realmente gostaria de ser louco com o outro. Nós não gostamos de sair na mão, como às vezes acontece.

Guitar World: Então, ainda podemos chamar o SUICIDE SILENCE de uma banda de deathcore?

Mark Heylmun: Não me importa mais do que as pessoas nos chamam. Era estranho no começo, só porque não soava legal e de onde viemos não é apenas death metal e hardcore. Vamos durar mais que o gênero deathcore assim como KORN, DEFTONES e SLIPKNOT sobreviveram ao gênero nu-metal.

Leia a entrevista completa (em inglês) em:

http://www.guitarworld.com/interview-mark-heylmun-and-chris-...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Suicide Silence"

MetalMetal
Dez álbuns de metal que poderiam ter sido bons mas algo deu errado

Suicide SilenceSuicide Silence
Mitch Lucker deixava claro gostar de velocidade

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Suicide Silence"

Dossiê GNRDossiê GN'R
A versão do guitarrista Slash para os fatos

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados no ano de 1990

GhostGhost
Uma foto assustadora dos bastidores do RIR

5000 acessosHeavy Metal: nove ótimas músicas suaves do gênero5000 acessosMetallica: Casal toca "Master" no casamento e ganha encontro com a banda5000 acessosPlayback.FM: saiba qual a música mais tocada nas rádios no dia que você nasceu5000 acessosIron Maiden: Lady Gaga acordou às 5 da manhã para comprar TBOS4149 acessosThe Walking Dead: e se a série fosse refeita com astros do Rock?4250 acessosQueen: polêmico cover traz Freddie Mercury saindo do túmulo

Sobre José Antonio Alves

Aventureiro, mochileiro, amante da cultura latina e claro, fã de um dos estilos mais fascinantes deste universo musical: o Heavy Metal!

Mais matérias de José Antonio Alves no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online