Matérias Mais Lidas

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemSystem of a Down: por que Serj Tankian não joga mais nenhum vídeo game?

imagemRitchie Blackmore revela como o impactou a chegada de Jimi Hendrix na Inglaterra

imagemOzzy Osbourne diz que está bem aos 73 anos, mas sabe que sua hora vai chegar

imagemKiko Loureiro defende surgimento de banda que seria "Greta Van Fleet do Iron Maiden"

imagemO clássico dos Rolling Stones que levou mais de 30 anos para ser tocado ao vivo

imagemMetallica faz doação para complexo de saúde e educação em Curitiba

imagemFreddie Mercury revelou em 1985 como foi conciliar carreira solo e o Queen

imagemA simpatia de James Hetfield ao conversar com pais de bebê que nasceu durante show

imagemRobert Trujillo conta como uma abelha e "migué" quase causaram treta com James Hetfield

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemOzzy Osbourne dá sua opinião sobre o streaming e dispara contra Spotify; "É uma piada"

imagemA visão de Arnaldo Antunes sobre sua timidez no período da adolescência

imagemSe vira nos 30: Andre Matos tomou cano de produtor e fez milagre pra agradar fãs


Stamp

Tesla: "dinheiro não compra atitudes positivas"

Por Ligia Fonseca
Fonte: Brave Words
Em 21/10/08

O site HardRockHideout.com publicou uma entrevista com Brian Wheat, baixista do TESLA, que falou sobre o novo guitarrista e o processo de composição da banda, dentre outras coisas.

Vi o Tesla ao vivo algumas vezes no ano passado na turnê "Real To Reel". Dave Rude se encaixou bem na banda. Como vocês o encontraram?

Brian: "Frank encontrou o Dave no MySpace. Foi bem documentado que tínhamos problemas com o Tommy Skeoch. Quando começamos a procurar alguém para substituí-lo, Frank começou a olhar no MySpace e buscar pessoas na área de Sacramento. Dave é de Oakland, Califórnia, então estava bem perto".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Você ainda fala com o Tommy Skeoch?

Brian: "Não, nunca mais falei com o Tommy".

"Forever More" é o primeiro álbum com Dave Rude com material novo de estúdio. Que influências musicais ele traz para o Tesla?

Brian: "Dave gosta de GUNS N' ROSES, TESLA e MÖTLEY CRÜE. Ele também escuta muitas das bandas novas, tem 30 anos. Frank tem 42 anos, estou com 44. Ele traz um entusiasmo mais jovem, muita coisa positiva para a banda e é um ótimo guitarrista. Todos compusemos as músicas deste álbum. Ele tem uma atitude positiva e dinheiro não pode comprar isso".

Por quais circunstâncias a banda passava que serviram de inspiração para as músicas do "Forever More"?

Brian: "Aconteceu muita coisa, de pessoas novas a decisões que mudaram nossas vidas. O fundamento geral é que não quisemos mais aguentar besteiras. Só queríamos ir para frente, como diz a música 'I Wanna Live'. Quero viver antes de morrer e não quero que o mundo me ignore. 'Breaking Free' é sobre estarmos fartos de negativismo, vamos continuar com coisas positivas".

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Quando o Tesla se prepara para gravar um álbum novo, com quantas músicas vocês geralmente entram em estúdio e o que acontece com as que ficam de fora?

Brian: "Entramos com idéias para músicas, com trechos delas. Trouxemos Terry Thomas para este álbum. Mesmo com as idéias que tínhamos, ele as descascou até sua forma básica e reescrevemos todas. No final, ficou ótimo. Durante o processo houve algumas 'dores de crescimento'. Quando tudo foi dito e feito, os resultados ficaram brilhantes. As músicas que ficaram de fora eram idéias que não concluímos."

Leia a entrevista completa (em inglês) neste link.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

O tempo é implacável: a turma do rock/metal não sabe envelhecer?



Sobre Ligia Fonseca

Tradutora, formada em Jornalismo pela PUC-SP, resolveu mudar de carreira quando percebeu que gostava mais de traduzir do que de escrever textos. Descobriu o rock aos 5 anos, ao assistir o clipe de "I Love it Loud" do Kiss.

Mais matérias de Ligia Fonseca.