Matérias Mais Lidas

imagemDez músicas muito legais do Iron Maiden que não são cantadas por Bruce Dickinson

imagemKiko Loureiro explica por que acha uma merda seu solo de guitarra em "Rebirth"

imagemAdrian Smith e a volta ao Maiden: "queriam o Bruce e já tinham dois guitarristas"

imagemJonathan Davis, do Korn, explica qual seu problema com o Cristianismo

imagemQuando Angus Young, do AC/DC, detonou o Led Zeppelin e os Rolling Stones

imagemPhil Campbell conta como era fácil "comprar" Lemmy pra fazer qualquer coisa

imagemTico Santta Cruz sai em defesa de Juliette na polêmica com Samantha Schmutz

imagemClassic Rock lista 15 músicas do saudoso Chris Cornell que você precisa conhecer

imagemComo o Lollapalooza desmereceu Ozzy Osbourne e ele deu a volta por cima

imagemVocalista do Gwar diz que integrantes do Maiden são "um bando de velhas britânicas"

imagemOzzy achou que integrantes do Metallica estavam tirando uma com sua cara durante turnê

imagemLes Claypool, do Primus, explica por que não se tornou baixista do Metallica

imagemMetallica divulga vídeo de "Whiskey In The Jar" ao vivo em Curitiba

imagemQuando Pete Townshend faltou a um show do The Who pra ir assistir o Pink Floyd

imagemGeddy Lee explica o enredo de "2112" comentando cada parte da música


Stamp

Steven Tyler: "Há álbuns que prefiro esquecer"

Por Victor Cezar
Fonte: Uncut Magazine
Em 12/02/07

A revista britânica Uncut Magazine conduziu em fevereiro de 2007 uma entrevista com Steven Tyler e Joe Perry, respectivamente vocalista e guitarrista do AEROSMITH.

Uncut: O Aerosmith ainda significa tanto para vocês quanto há trinta anos atrás?

Tyler: "É diferente, e ao mesmo tempo não é tanto. Começamos querendo ser como Janis Joplin, bebendo Jack Daniels no palco e cantando feito loucos. Então você consegue se tornar um sucesso e isso é um maldito milagre, mas seu ego fica maluco e tudo se torna secundário para a banda pela simples razão de que você não teria nada se não fosse por ela. Agora temos nossas famílias, e claro, elas são nossa prioridade. Mas, se algum membro dela (da família) se afasta e temos um show a fazer, então o show continua e a gente deixa o resto para depois".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uncut: Vocês eram bastante fãs do New York Dolls no início de sua carreira. Num mundo mais justo, vocês acham que eles teriam obtido tanto sucesso quanto o Aerosmith?

Perry: "Penso que isso não tem tanto a ver com um mundo mais justo, mas sim com o trabalho de manter uma banda unida perante tantas adversidades. Veja bem, o Dolls teve mais vantagens que o Aerosmith, eles eram os queridinhos da imprensa de Nova York. A maioria das bandas esforçam-se para conseguir um décimo do reconhecimento que desejariam, e eles simplesmente estragaram tudo isso. Eles foram a primeira banda que eu amei que se auto-destruiu. Aprendi com isso que não basta deixar o pé na porta, é necessário entrar e permanecer lá dentro."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uncut: Caso nos tornemos tão ricos quanto o Aerosmith, qual o melhor investimento? Um avião, uma casa, ou um clube?

Tyler: "A compra mais ridícula que já fiz foi meu avião particular, custou quase um milhão de dólares. O cara que voava comigo me fornecia cocaína. Houve uma ocasião em que nos deparamos com uma tempestade e o avião parecia que não ia conseguir atravessá-la. Eu o vendi logo em seguida com um bom lucro. Esqueça clubes, cara. Com aviões e propriedades, você sempre terá lucro".

Uncut: Qual o melhor e o pior álbum do Aerosmith?

Tyler: "Os melhores são o Toys in the Attic (1975) ou o Rocks (1976). Pump (1989) também é fantástico. Há alguns álbuns dos quais eu prefiro não me lembrar. Mas o pior deve ser um daqueles Greatest Hits que a gravadora colocou no mercado nos anos noventa, sem nossa permissão".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Perry: "Para mim, o pior de todos é o Done with Mirrors (1985). Naquele tempo, estávamos tentando criar um disco que soasse um pouco como o antigo Aerosmith e um pouco como seria o direcionamente que queríamos tomar. Aquelas músicas são completamente sem inspiração, aquele é nosso álbum mais fraco. O nosso melhor disco é o Get a Grip (1993), onde sentimos que havíamos explorado todo nosso potencial. Não fico surpreso que sons como Eat the Rich e Livin' on the Edge tenham sobrevivido à passagem do tempo".

Uncut: Vocês alguma vez já ficaram desapontados ou embaraçados ao conhecer seus ídolos?

Tyler: "Não diria que chegou a tal ponto, mas meu primeiro encontro com Paul McCartney foi certamente memorável. Eu estava no banheiro dos bastidores do Hammersmith Odeon. McCartney entrou, fazendo o que as pessoas costumam fazer nesses lugares. Para ficar registrado, eu não olhei o tamanho de seu instrmento... Mas eu estava lá urinando, parecendo que não ia terminar nunca, e Paul disse 'Ei! Steven Tyler. Eu adoro sua banda! E ele me fez o sinal de positivo com a mão".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uncut: Há uma história famosa sobre o Aerosmith tocando num show nos anos 70 quando vocês foram ao palco tendo decidido inverter seu repertório. Vocês tocaram as músicas do "bis" primeiro e depois, achando que haviam terminado o show, saíram do palco. Isto é verdade?

Perry: "É uma grande história e ela sempre é mencionada, mas infelizmente não é verdade. Nós fizemos muitas coisas estúpidas no palco, mas nada como isso. Houve uma ocasião em que tocamos a mesma música duas vezes, esquecemos que já havíamos tocado-a. Isso pode soar engraçado para algumas pessoas, mas não temos orgulho disso. Este tipo de coisa fazia com que muitas pessoas deixassem de ir a nossos shows".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Comente: Quais álbuns do Aerosmith merecem ser esquecidos em sua opinião?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

PRB


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Victor Cezar

Colaborador sem descrição cadastrada.

Mais matérias de Victor Cezar.