RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemO hit da Legião Urbana que traz crítica contra "Escolinha do Professor Raimundo"

imagemA banda que desbancava Roberto Carlos na época da Jovem Guarda, segundo Miguel Plopschi

imagemSe Kiko voltar, o Angra vai imitar o Iron Maiden e ter três guitarristas?

imagemDigão diz a Jão que não quer treta mas não tem sangue de barata

imagemBanda cancela show porque perdeu laptops e Sebastian Bach alfineta; "Isso é uma piada?"

imagemMustaine revela os critérios avaliados na hora de escolher um integrante do Megadeth

imagemO músico que desprezou a Rainha no Live Aid e jamais iria ao funeral da Rainha

imagemO hit regravado pelo Jota Quest que na época derrubou Roberto Carlos do 1º lugar

imagemMais uma vez! Confira os 5 artistas que mais tocaram no Rock in Rio

imagemJão, do Ratos de Porão, chama Digão para resolver as diferenças em um ringue

imagemBlack Sabbath: A opinião de Dio sobre "Heaven & Hell" e "Mob Rules"

imagemMegadeth: Chris Poland teve que trabalhar como garçom após ser demitido

imagemDave Mustaine cascava o bico das bandas de new metal que faziam turnês com o Megadeth

imagemComo um amigo cego inspirou o hit "Sound Of Silence", de Simon & Garfunkel

imagemNovo produtor do Slipknot esperava mais do grupo, afirma guitarrista


Stamp

Rage: Entrevista exclusiva com o vocalista Peavy.

Em 31/10/00

Após uma conturbada mudança de line-up o Rage está gravando um novo álbum chamado "Welcome to The Other Side" que promete ser mais pesado do que seus antecessores "XIII" e "Ghosts". Leia a entrevista com o vocalista e mentor da banda, Peavy Wagner.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Entrevista por Debora Behar e Marco Caporasso.

Tradução Debora Behar.

Whiplash! - Vocês estão gravando um novo álbum chamado "Welcome to The Other Side". Você poderia nos falar um pouco dele? Como será o som, etc?

Peavy / Será bem mais pesado que os últimos álbuns. Provavelmente vocês vão lembrar um pouco dos velhos tempos com Manni. Mas é bem maior, mais sinfônico com muita musicalidade. Tem músicas ótimas!

Whiplash! - O álbum "Ghosts" é conceitual, você poderia nos explicar um pouco a história que envolve o álbum?

Peavy / A história fala sobre reencarnação. Conta sobre a trajetória de uma alma presa no crepúsculo entre duas vidas e que precisa aprender mais antes de partir para o próximo passo.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Whiplash! - Como foram as vendas desse álbum ao redor do mundo? Vocês ficaram satisfeitos com a aceitação dos fãs?

Peavy / Foi boa, semelhante ao XIII. Não me pergunte números, eu não sei nada sobre a contagem mundial.

Whiplash! - Sendo a Alemanha um país de incontáveis boas bandas de heavy metal, você tem planos de participar de algum projeto com alguma outra banda alemã?

Peavy / O Chris do Grave Digger me chamou pra ser um dos "three terrors", uma versão metal do "three tenors". Vamos ver como vai ficar!

Whiplash! - Depois da saída de Manni, os dois outros álbuns do Rage que se seguiram (Black in Mind e End of All Days) tem uma diferente forma de composição. Isso influenciou na aceitação dos fãs?

Peavy / Eu não acho que esses álbuns tem diferentes composições porque eu era e continuo sendo o principal compositor e eu não mudei meu estilo. O que os fãs sentiram falta foi dos excelentes solos de guitarra do Manni que o grego que o substituiu não conseguiu manter...

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Whiplash! - Existe alguma chance do Manni voltar a tocar na banda?

Peavy / Não, ele não quer voltar para o mercado profissional, nós ainda somos amigos e nos encontramos algumas vezes. Ele está feliz com a família.

Whiplash! - Que tipo de problemas você teve com os integrantes que deixaram a banda, especialmente com Spiros?

Peavy / Não quero falar de problemas pessoais, somente sobre negócios. Eu devo dizer que eles fizeram um péssimo trabalho e não valeram o dinheiro que eu os paguei. Eles não apoiavam o Rage. Todos podemos ficar felizes que eles foram embora...

Whiplash! - Você ainda mantém contato com esses integrantes que saíram?

Peavy / Não!

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Whiplash! - Eu imagino que depois que eles deixaram a banda você deve ter ficado um pouco desanimado e desapontado com todo o trabalho que vinha sendo feito. Você chegou a pensar em desistir?

Peavy / Nunca pensei em desistir! Porque deveria? Eu formei a banda antes desses caras serem músicos e continuo com a banda depois deles. Além disso, hoje eu tenho a melhor banda que eu já tive em toda minha vida! Porque deveria pensar em desistir?

Whiplash! - Você já pensou em regravar as músicas da sua antiga banda, o Avenger, com essa nova formação do Rage?

Peavy / Porque deveríamos fazer isso? Existem tantas novas músicas que queremos gravar...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Whiplash! - Como você encontrou as pessoas certas para reformular a banda?

Peavy / Foram dois telefonemas. Nós (eu e meu empresário) sentamos e pensamos sobre quais seriam os melhores músicos para tocar no Rage. Victor e Mike foram minhas primeiras escolhas - ambos são excelentes! Eu os chamei, tivemos uma sessão e concordamos em sermos o Rage daqui pra frente. Isso foi duas semanas depois dos outros deixarem a banda.

Whiplash! - Mike Terrana é um grande baterista que trabalhou com diversos bons músicos de heavy metal como Yngwie Malmsteen, Roland Grapow (Helloween) e Axel Rudi Pell e trabalhou também com ótimas bandas tais como Gamma Ray e Metalium. Você não tem medo que todos esses trabalhos possam afetar o trabalho dele com o Rage?

Peavy / Ele só está tocando no Rage (como integrante da banda). Claro que ambos, Mike e Victor estão livres para tocar em qualquer outro trabalho. Mas estes são somente trabalhos para ganhar um dinheiro extra (como o trabalho do Mike com o projeto solo do Axel Rudi Pell). O trabalho no Rage tem a prioridade.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Whiplash! - E sobre Victor Smolski (filho do famoso pianista russo e ex-Mind Odyssey)? Ele toca em algum outro projeto ou banda?

Peavy / Victor está fazendo diversas outras coisas como artista solo tais como workshops, concertos clássicos com a orquestra do pai dele e coisas assim. Mas ele só está envolvido com o Rage (como membro da banda).

Whiplash! - Victor Smolski trouxe novas influências para a banda?

Peavy / Sim, o Victor é um músico fantástico. O melhor que eu já encontrei, ele é um músico clássico de verdade e um verdadeiro Rock'n'Roller ao mesmo tempo! Ele tem muita experiência de vida, compôs metade do novo material e, eu acho, algumas das melhores músicas que eu já toquei.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Whiplash! - Porque o Rage tem novamente um guitarrista? Não foi esse o motivo principal da saída do Manni? Que você queria um outro guitarrista?

Peavy / Agora com o Victor é diferente porque ele é tão único que não existe mesmo a necessidade de um outro guitarrista! Nos veja ao vivo e você vai saber o que estou querendo dizer. Hoje o Rage soa maior e mais pesado do que antes com dois guitarristas.

Whiplash! - Você está satisfeito com essa nova formação? Você tem planos de chamar outro guitarrista?

Peavy / Nós três estamos muito felizes! Não precisamos de mais ninguém!

Whiplash! - Os antigos fãs sentem falta do peso e da velocidade. Este novo álbum é a continuação do XIII ou tem mais "elementos power" como os antigos?

Peavy / Será bem mais pesado. Embora tenhamos 4 músicas com orquestrações não é muito comercial. As guitarras serão o som dominante.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Whiplash! - Quem toca no "Ghosts"? Eu ouvi que foi composto pelos integrantes que saíram e juntamente com você , mas aí vocês trocaram os músicos. Como vocês fizeram afinal?

Peavy / "Ghosts" foi composto por mim e pelo tecladista convidado e também orquestrador Christian Wolff. Existem algumas poucas idéias vindas dos outros guitarristas. Mas a banda antiga não estava mais envolvida com a composição. Durante as gravações eles saíram, então ambas as formações (a velha e a nova) gravaram no "Ghosts".

Whiplash! - O que vocês acharam da vinda ao Brasil em 97? Vocês esperam tocar na América do Sul novamente?

Peavy / Eu gostei muito, foi uma ótima experiência e eu realmente espero voltar aí com a nova banda, vocês irão adorar! Os fãs daí são bastante entusiasmados e foi um prazer tocar pra eles. Nós vamos tentar fazer com que aconteça novamente.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Whiplash! / O que você sabe sobre a cena metálica brasileira?

Peavy / Não muito - além do Soul Fly e do Angra - Eu não conheço muitos nomes.

Whiplash! - Existe uma grande diferença entre o metal feito nos Estados Unidos e o metal Europeu (principalmente alemão). A que você acha que se deve isso?

Peavy / São dois mercados completamente diferentes. Eu acho que nos Estados Unidos a MTV tem muita influência na audiência e esse tipo de mídia sempre quer ter algo novo. É por isso que eles decidiram parar de promover o metal tradicional.

Whiplash! - A música "Pit And The Pendulum" do álbum "Missing Link" foi baseada em uma estória de Edgar Allan Poe. Você gosta de ler, especialmente Poe, e de escrever músicas baseadas em estórias, livros, etc?

Peavy / Eu às vezes faço isso quando eu acho que o tema da estória é legal. Eu gosto muito também de Lovecraft e uso algumas das suas idéias nas letras das músicas. Eu leio muitas coisas diferentes, não só fantasias...

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Whiplash! - Vocês gravaram um cover do Tom Sawyer (Rush). O que você acha sobre essa onda de Tributos que andam sendo lançados? O que você acharia se alguém decidisse gravar um Tributo ao Rage?

Peavy / Eu realmente não gosto desses Tributos. Eu acho que só serve pra fazer dinheiro fácil - quem precisa disso?

Whiplash! - O que você acha sobre a recente cena thrash metal onde bandas como o Annihilator e Destruction estão voltando à ativa e outras bandas como o Metallica e o Megadeth estão mudando de estilo?

Peavy / Todos eles voltam, é uma boa coisa para a cena musical. Sobre o Metallica: Eu tenho a impressão de que eles estão de saco cheio de tudo. Eu não acho que eles tenham muito mais a dizer na música deles.

Whiplash! - Obrigado pela entrevista, deixe um recado aos fãs brasileiros.

Peavy / Obrigado a todos pelo apoio à cena metálica e à nossa banda. Espero vê-los em breve! RAGE ON! Visitem nosso site! Assinem o nosso GuestBook!

http://www.rage-on.de

http://www.victorsmolski.de

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

NFL Steve Harris


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Hard Rock: Aqueles que ficaram para trás - Parte 1

1988: 99 discos de rock e metal lançados há 30 anos

Mike Terrana: "Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!"

O Suprassumo do Superestimado: os 11 mais (ou menos) nacionais

Iron Maiden: o vocal que quase substituiu Bruce Dickinson em 93