Lemmy Kilmister: o encontro inusitado com Max Cavalera em Londres

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marcelo Araújo, Fonte: Ogro do Metal
Enviar correções  |  Comentários  | 

No livro “My Bloody Roots: Toda a Verdade Sobre a Maior Lenda do Heavy Metal Brasileiro”, Max Cavalera revela como foi o primeiro encontro entre ele e Lemmy Kilmister, que aconteceu na primeira turnê internacional do Sepultura, onde tocavam juntos dos alemães do Sodom.

4636 acessosMax & Iggor Cavalera: confira performance do Roots na íntegra5000 acessosTreta: Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?

"Conheci Lemmy quando estivemos em Londres. Fui a um bar e ele estava lá, jogando fliperama sozinho. Eu disse ao Iggor: “Olha ali, cara, é o Lemmy! Vou lá falar com ele!” E Iggor respondeu: “Não pode!” E eu disse: “Foda-se, cara, preciso cumprimentá-lo, é o Lemmy!” Assim, fui até ele e comecei: “Como vai, Lemmy?” E ele respondeu: “Numa boa!”, e continuou jogando. Eu estava meio bêbado, então continuei falando: “O meu nome é Max, sou do Brasil e tenho uma banda chamada Sepultura. Somos grandes fãs de vocês, cara! Adoramos Motörhead. Do nada, Lemmy pegou o seu copo e derramou uísque na minha cabeça. Não sei se ele queria que eu fosse embora, tipo “Dê o fora daqui”, mas ainda assim foi demais. Voltei pra mesa e disse a todo mundo que tinha acabado de ser batizado por Lemmy! Era um batismo heavy metal, e eu estava nas alturas. Não tomei banho nem lavei o cabelo por alguns dias depois desse episódio. Nunca contei isso a Lemmy quando o encontrei mais tarde."

Em 1995, numa entrevista para a Rock Brigade, Lemmy deu sua opinião sobre a versão de “Orgasmatron” feita pelo Sepultura:

"Os vocais são muito ruins. O instrumental ficou demais. Duvido que eles saibam o que estão cantando. Onde eu canto ‘obsequious’, Max Cavalera canta ‘obsecuse’. O que é ‘obsecuse’? Mas eu gosto de Max, ele é um verdadeiro rock ‘n’ roller".

Descanse em paz, Lemmy!

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Max & IggorMax & Iggor
Confira performance do Roots na íntegra

669 acessosSepultura: Veja matérias sobre o documentário na Globo News744 acessosDe La Tierra: novo vídeo da banda com Andreas Kisser553 acessosAlta Fidelidade: "Machine Messiah", o novo disco do Sepultura0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Sepultura"

SepulturaSepultura
Elóy Casagrande fala sobre a rotina da banda

Arte GráficaArte Gráfica
Designer brasileiro cria versões para clássicos

SepulturaSepultura
Avisem o Eloy que ignorância tem limite (no bom sentido)

0 acessosTodas as matérias da seção Curiosidades0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"0 acessosTodas as matérias sobre "Sepultura"

Treta históricaTreta histórica
Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Robert Plant e Patrícia Pillar

A Vida Pós-bilauA Vida Pós-bilau
Vocalista do Life of Agony abre o jogo

5000 acessosRatos de Porão: O elogio de João Gordo aos garotos do Restart5000 acessosGuitarra: os melhores solos da história segundo a Guitar World5000 acessosComo batizar a criança: os nomes de bandas mais estúpidos5000 acessosStratovarius: garota de 8 anos impressiona milhões em vídeo5000 acessosJanaína Paschoal: "Prefiro Pink Floyd e Dire Straits a Iron Maiden"3593 acessosCrucified Barbara: A curiosa origem do nome da banda

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 30 de dezembro de 2015

Sobre Marcelo Araújo

Carioca da gema e fanático por música de qualidade, aprendeu a gostar de Rock aos 10 anos de idade por causa de bandas como Scorpions, Led Zeppelin e Guns N’ Roses. A maior decepção foi ver uma de suas bandas preferidas, o Bon Jovi, mudar completamente de estilo e se tornar uma coisa bem chatinha de uns tempos pra cá, algo classificado como uma mistura de Sertanejo Universitário com Pop. Das bandas mais recentes, curte bastante Alter Bridge e Unisonic. Adora tudo relacionado com as curiosidades por trás das canções, álbuns e bandas, sempre escrevendo matérias a respeito desses fatos no blog Ogro do Metal.

Mais matérias de Marcelo Araújo no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online