Cannibal Corpse: o pescoço gigante de George Fisher

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Na edição de outubro de 2012 da revista inglesa METAL HAMMER, o vocalista George "Corpsegringer" Fisher, do CANNIBAL CORPSE, foi perguntado sobre seu gigantesco pescoço.

Cannibal Corpse: clássico disco Torture é relançado em versão deluxe no BrasilDimebag Darrell: namorada fala sobre a vida e a morte do músico

"Bem, isso é só de bater cabeça e levantar pesos quando eu era mais novo", ele diz. "Meu pai tinha um negócio onde ele pintava telhados e tudo mais, então eu trabalhava o dia inteiro com ele. Nós íamos a pontos de pescaria onde pescávamos e comíamos vários peixes. Então eu corria até a casa de uns amigos, que viviam mais ou menos a uma milha de distância e levantávamos peso. Se você comparar as fotos antigas, de quando eu estava no VILE com agora, ele obviamente cresceu e a única coisa que eu fiz desde então foi bater cabeça. Deve ser bem similar ao levantamento de peso."

Quando perguntado se ele já mediu seu pescoço para fazer um terno ou fraque para um casamento, Fisher respondeu: "Talvez quando eu casei em 1998, mas eu não me lembro e ele está maior agora. Se você prestar atenção ele é maior que a base da minha cabeça ou onde estão minhas orelhas. Um amigo meu disse uma vez que não tenho uma cabeça, tenho um pescoço com lábios. Muitos caras da segurança reclamam de malhar bastante, mas ter pescoços pequenos e perguntam como eu faço. Eu os digo para escutar 'Reing In Blood' (do SLAYER) e bater cabeça durante todo o tempo após seus exercícios."



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção CuriosidadesTodas as matérias sobre "Cannibal Corpse"


Cannibal Corpse: clássico disco Torture é relançado em versão deluxe no BrasilCannibal Corpse: álbum "Torture" é relançado em versão deluxe no Brasil

Cannibal Corpse: este cara é muito mais fanático que vocêCannibal Corpse
Este cara é muito mais fanático que você

Cannibal Corpse: música não é esporte, não existe melhorCannibal Corpse
Música não é esporte, não existe "melhor"

Blender: as letras mais repulsivas do Heavy MetalBlender
As letras mais repulsivas do Heavy Metal


Dimebag Darrell: namorada fala sobre a vida e a morte do músicoDimebag Darrell
Namorada fala sobre a vida e a morte do músico

Woodstock: som ruim, gente demais e cheiro de fezes e urinaWoodstock
Som ruim, gente demais e cheiro de fezes e urina

Bruce Dickinson: Ele lamenta não ter dado um soco em Axl RoseBruce Dickinson
Ele lamenta não ter dado um soco em Axl Rose

Slipknot: Joey Jordison foi demitido por telegrama cantado?Slipknot
Joey Jordison foi demitido por telegrama cantado?

Johnny Depp: a banda que poderia ter desbancado o GunsJohnny Depp
A banda que poderia ter desbancado o Guns

Kerry King sobre Megadeth: são como fantasmas para nósKerry King sobre Megadeth
"são como fantasmas para nós"

Metallica: Após lançar álbum acústico, o que falta para a banda?Metallica
Após lançar álbum acústico, o que falta para a banda?


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.