Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemGene Simmons compartilha tweet com meme da ex-presidente Dilma Rousseff

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagemEvanescence coloca baixista no cargo de guitarrista e anuncia nova baixista

imagemO reencontro entre Steve Harris e Paul Di'Anno na Croácia

imagemÍcone do metal é alvo de críticas por tocar com músico condenado por assassinato

imagemDave Mustaine, do Megadeth, inicia vida de youtuber e mostra o ônibus de turnê da banda

imagemMetallica divulga vídeo oficial da clássica "For Whom The Bell Tolls" ao vivo em SP

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemMark Tremonti, do Alter Bridge, revela que é grande fã de lendária banda de metal

imagemFrank Zappa disse a Steve Vai que ele soava como "um pão com mortadela elétrico"

imagemVocalista do Greta Van Fleet não entende os haters: "parece a p**** de uma religião"


Stamp

Manowar: o dia em que a banda arregou pro Twisted Sister

Por Nacho Belgrande
Fonte: Site do jornalista Dave Ling
Em 02/03/11

Você sabia que, em 1983, o TWISTED SISTER desafiou os auto-proclamados ‘reis do metal’ para uma briga de rua em Londres? Seria, como a jornalista Mayra Dias Gomes chama, um ‘rock tale’? O departamento de historiadores do WHIPLASH.NET vasculhou os anais (sem referências) da história e foi a fundo nos fatos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Tudo começou – ou teria começado, como queiram – quando o Manowar teria se referido ao grupo de Dee Snider como ‘bichinhas de maquilagem’ em uma entrevista. A opinião pública voltou-se a favor do TS quando eles lançaram um desafio ao MANOWAR e ao HANOI ROCKS, que segundo consta, também teria feito comentários depreciativos sobre a banda de Nova Iorque através da mídia impressa. O TWISTED SISTER intimou seus rivais para aparecerem na Covent Square de Londres para um fecha. Na semana anterior ao lançamento do duelo, Snider botou pilha na pressão, dizendo que o ex-colega do baixista Mark ‘The Animal’ Mendoza na banda DICTATORS, Ross ‘The Boss’, então guitarrista do MANOWAR, era ‘apenas um gordinho do (bairro nova-iorquino) do Bronx. Ninguém no TWISTED SISTER pesa menos de 90 kilos, somos caras grandes da rua’ (seja lá o que isso queira dizer).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Infelizmente, nenhuma das duas bandas apareceu, a não ser por Dee Snider, sozinho, portando um megafone, que ele apontava para cestas de lixo enquanto perguntava: ‘Hanoi Rocks, vocês estão aqui?’

Em certo momento, ele entrou num banheiro público feminino para ver se o MANOWAR estava se escondendo lá, episódio esse que a revista inglesa SOUND chegou a documentar fotograficamente e publicar. Às 02h47min da tarde, o TWISTED SISTER declarou-se vencedor por W.O., definindo seus oponentes como ‘escória de galinhas da terra’. Era o tipo de publicidade que o dinheiro não pode comprar.

Mas e se o HANOI ROCKS ou o MANOWAR tivesse aparecido, o TWISTED SISTER teria mantido a panca? ‘Ouça’, disse então Jay Jay (French, guitarrista do TS). ‘Você não traz uma faca prum tiroteio, isso era um princípio. Ross the Boss fez essas declarações estúpidas, e mesmo Mendoza disse que teria estapeado a cara da porra do idiota se ele tivesse aparecido. Então nós somos ‘false Metal’, somos? Cai dentro cuzão… aquela banda é o Spinal Tap.’

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Dee Snider, Terry Hulk Hogan e Mark Mendoza
Dee Snider, Terry Hulk Hogan e Mark Mendoza

Em 2006, o vocalista do MANOWAR, ERIC ADAMS, comentou o episódio, que ele nega ter ocorrido. Em entrevista ao site Critical Mass, ele tentou clarear a história:

Critical Mass: De acordo com a biografia oficial do TWISTED SISTER...

Eric: Haha! Eu sei o que vem por aí, eu sei o que vem por aí (risos).

Critical Mass: …rumores dão conta que o TWISTED SISTER desafiou vocês, MANOWAR e o HANOI ROCKS para uma briga em 1983 – foi no Reino Unido?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Eric: (Rindo feito um louco) Eis o que rolou. Nessa época eu acho que o TWISTED SISTER precisava de um pouco de publicidade – isso nunca aconteceu (risos), eu nunca encontrei com aqueles caras! Eu não sei do que eles estão falando. A palavra apropriada aqui é ‘boato’, mas é um dos bons – tem rolado por anos!

Critical Mass: Mas, Ross the Boss e Animal (Twisted Sister) não eram amigos na época?

Eric: Sim, eram. Eu acho que ainda são! Na verdade, eu acho que ele esteve em alguns de nossos shows. Isso torna a coisa toda realmente estúpida (risos).

Manowar pronto pra guerra
Manowar pronto pra guerra

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No que diz respeito à amizade de Ross e Mendoza, a questão é um pouco mais complicada e obscura. Mark Mendoza é, além de músico, um caçador de recompensas licenciado oficialmente pelo estado de Nova Iorque. Ou seja, além de seu respeitável porte físico, ele tem permissão para perseguir, investigar, caçar, prender e algemar fugitivos da justiça. Mark também é conhecido por seu temperamento nada ‘zen’ e em algum dado ponto dos anos 70, dividiu um apartamento com Ross, e relatos apontam pra total intolerância de Mendoza em relação a barulho por parte do colega, o que obrigava o guitarrista do MANOWAR a dormir no capacho da porta de entrada caso ele chegasse muito tarde e Mandoza já estivesse dormindo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Patacoada? Treta? Publicidade? Você decide. A história toda pode ser checada no THE OFFICIAL TWISTED SISTER BOOK (lembre-se que ‘a história é escrita pelos vencedores’).

Outras referências coletadas para esse artigo são tiradas do site do jornalista britânico Dave Ling, um decano das publicações inglesas de rock, e que pode ter sua obra esmiuçada no site:
http://www.daveling.co.uk

O site sueco Critical Mass, de onde o trecho com Eric Adams foi transcrito, pode ser acessado na url:
http://criticalmass.se

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net



publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

imagemTodos os álbuns de estúdio do Manowar, do pior para o melhor, em lista do Ruthless Metal

imagemManowar: Ross The Boss diz que "Battle Hymns" foi o primeiro álbum de power metal

imagemA atual visão de Regis Tadeu sobre polêmica reportagem com o Manowar que viralizou

imagemManowar: ex-guitarrista solta o verbo contra Joey DeMaio e chama baixista de tirano

imagemManowar: banda libera vídeo profissional de "Swords In The Wind" ao vivo no México

imagemBruce Dickinson, Manowar e Regis Tadeu: a incrível ligação que existe entre os três

imagemRafael Bittencourt diz que parte do conceito do Manowar é a intolerância


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande.