Burning Witches: Garotas da suíça fazendo som pesado

Resenha - Burning Witches - Burning Witches

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por José Sinésio Rodrigues
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Da pequena e montanhosa Suíça vem a banda BURNING WITCHES, que promete fazer muito barulho na orelha dos aficionados por um bom Heavy Metal tradicional mesclado com um Power Metal portentoso e barulhento. A banda é formada por cinco garotas que devem ter crescido ouvindo JUDAS PRIEST, DESTRUCTION e KREATOR. Sim, o som das garotas vai nessa linha, certamente agrada em cheio quem aprecia os citados nomes (e eu me incluo nesse meio). E as meninas já possuem uma extensa discografia, sobretudo quando levamos em conta que o BURNING WITCHES foi formado em 2015. Já lançaram nada menos que seis trabalhos, sendo três álbuns de estúdio, dois singles e um álbum ao vivo. Prolíficas, estas garotas! E competentes também, isso você poderá conferir ouvindo as composições por elas criadas.

Jim Morrison: ele está vivo e criando cavalos nos EUA?Muito antes do Led Zeppelin: A origem da guitarra gêmea

O álbum Burning Witches, que as garotas lançaram em 2017, inicia com a sonzeira da faixa "Black Widow", faixa esta que estava presente na demo lançada no ano anterior. Música rápida e muito bem-feita. Em seguida, somos presenteados com a barulheira de "Burning Witches", a faixa-título. Trata-se de uma música rápida, bem executada, mostrando a banda em seu melhor momento. Trata-se de uma faixa que, tenho certeza, deve agradar em cheio quem gosta de música bem feita. Que música excelente! Outro destaque positivo é a faixa "Creator Of Hell", uma música de primeira, com vocal e instrumental atacando, com perfeição absoluta. Não consigo encontrar palavras à altura para descrever esta faixa. A música "The Deathlist", outra sonzeira impressionante, é bem trampada, feita por quem entende do negócio. O refrão tem aquele tipo de andamento habitualmente explorado pelo IRON MAIDEN, bem viajante, mas sem perder o peso e a rapidez. Se você é fã de grupos como JUDAS PRIEST, KREATOR e ACCEPT, ouça o trabalho do BURNING WITCHES sem demora.

Contudo, após o lançamento do álbum Burning Witches, a vocalista Seraina Telli se retirou da banda, sendo substituída por Laura Guldenmold, em 2019.

Formação atual do BURNING WITCHES
*Laura Guldemond - Vocal (ex-vocalista da banda holandesa SYNERGY PROTOCOL; também vocalista da banda holandesa SHADOWRISE);
*Romana Kalkuhl - Guitarra (também integrante da banda ATLAS & AXIS);
*Sonia Nusselder - Guitarra (também integrante das bandas URSINNE e SEPIROTH);
*Jeanine Grob - Baixo
*Lala Frischknecht - Bateria

Track List do Álbum Burning Witches:
01 - Black Widow
02 - Burning Witches
03 - Bloody Rose
04 - Dark Companion
05 - Metal Demons
06 - Save Me
07 - Creatures Of The Night
08 - We Eat Your Children
09 - Creator Of The Hell
10 - The Deathlist
11 - Jawbreacker (côver do Judas Priest)

Bandas Similares:
JUDAS PRIEST, da Grã Bretanha;
ACCEPT, da Alemanha;
DESTRUCTION, da Alemanha;
HUNTRESS, dos Estados Unidos;
CRYSTAL VIPER, da Polônia;
WARLOCK, da Alemanha;
DORO, da Alemanha;
JENNER, da Sérvia;
ACCEPT, da Alemanha;
PRIMAL FEAR, da Alemanha;
SATAN'S HALLOW, dos Estados Unidos.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Burning Witches"


Jim Morrison: ele está vivo e criando cavalos nos EUA?Jim Morrison
Ele está vivo e criando cavalos nos EUA?

Muito antes do Led Zeppelin: A origem da guitarra gêmeaMuito antes do Led Zeppelin
A origem da guitarra gêmea

Você sabe que o rock está moderninho quando...Você sabe que o rock está moderninho quando...
Você sabe que o rock está moderninho quando...

Separados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do ChavesInstagram: as fotos mais legais do perfil de James HetfieldIron Maiden: Dianno não foi o vocalista do primeiro bootleg?Pink Floyd: ...muito além das palavras...

Sobre José Sinésio Rodrigues

José Sinésio Rodrigues mora em Londrina, no Paraná. É professor de Ciências, agente penitenciário, aluno de Geografia e coordenador de Astronáutica de um grupo de Astronomia londrinense. É também palestrante, escritor, quadrinista, contista, ex-radialista e ex-colunista de jornal. Seu contato com o Rock aconteceu com o Faith No More e Pearl Jam, no início da década de 1990. Suas bandas favoritas são: My Dying Bride, Monster Magnet, Dominus Praelii, Acrassicauda, Slayer, Fejd, Arkona e Anabioz.

Mais matérias de José Sinésio Rodrigues no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336