Iced Earth: peso, agressividade e melodia são a marca de novo disco

Resenha - Incorruptible - Iced Earth

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Com o ótimo "Dystopia", e o bom “Plagues of Babylon”, ambos já com o vocalista Stu Block, o ICED EARTH retomou a boa forma, e agora a banda lança o melhor álbum dessa nova fase, aliando peso e melodia de forma totalmente orgânica, que remetem aos seus primórdios, de forma madura e muito cativante.

6 acessosEm 15/03/1968: Nasce Jon Schaffer (Iced Earth)5000 acessosO amor: 10 músicas para roqueiros apaixonados

Isso porque o líder e principal compositor da banda, o guitarrista Jon Schaffer, estava realmente inspirado quando compôs o novo material, tanto nas linhas vocais, como instrumentais.

Alias, seus riffs cavalgados e pesadíssimos estão muito presentes por aqui, como na ultra brutal “Seven Headed Whore”, um thrash metal puro, que é uma das faixas mais pesadas já compostas pela banda, ou mesmo nas mais cadenciadas, como “Black Flag”, em que o riff central parece uma martelada na cabeça do ouvinte.

E isso tudo ressaltado pela belíssima produção de Zeuss, que soube captar a essência da banda de forma brilhante, com tudo muito bem equilibrado e timbrado.

Como ocorrido no álbum anterior, e agora de forma ainda mais clara, Stu evoluiu demais, e embora ainda lembre muito Matt Barlow em vários momentos, está cantando de forma mais agressiva e crua (a citada “Seven Headed Whore” mostra bem isso), com muita personalidade.

O novo guitarrista solo da banda, Jake Dreyer, também se mostrou uma grande escolha, já que possui um senso melódico muito apurado, com solos marcantes e belos em todas as faixas aqui presentes.

Há também alguns elementos que remetem a “The Glorious Burnden”, como a épica “Clear the Way (December 13th, 1862)” e sua temática contando trechos da história americana, e “Greath Heathen Army”, cheia de variações de andamento.

Ou seja, temos aqui um disco equilibrado e que agradará em cheio aos fãs da banda, mostrando que essa nova fase do ICED EARTH veio para competir de frente com seus momentos mais clássicos.

Incorruptible – Iced Earth
(Hellion Records – 2017)

1. Great Heathen Army
2. Black Flag
3. Raven Wing
4. The Veil
5. Seven Headed Whore
6. The Relic (Part 1)
7. Ghost Dance (Awaken The Ancestors)
8. Brothers
9. Defiance
10. Clear The Way (December 13th, 1862)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

6 acessosEm 15/03/1968: Nasce Jon Schaffer (Iced Earth)631 acessosIced Earth: lançado vídeo para "Black Flag"22 acessosEm 26/11/1977: Nasce Stu Block (Iced Earth)19 acessosEm 23/07/1996: Iced Earth lança o álbum The Dark Saga15 acessosEm 18/04/1995: Iced Earth lança o álbum Burnt Offerings19 acessosEm 12/01/2004: Iced Earth lança o álbum The Glorious Burden0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Iced Earth"

KissKiss
As dez mais pesadas releituras de músicas da banda

Tim OwensTim Owens
"Minha saída do Iced Earth não foi nada amigável"

Richard ChristyRichard Christy
"Foi difícil deixar o Iced Earth, porque eu amava a banda!"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Iced Earth"


O amorO amor
10 músicas para roqueiros apaixonados

Treta históricaTreta histórica
Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?

Separados no nascimentoSeparados no nascimento
Keith Moon e Marcelo Adnet

5000 acessosFilhas de Rockstars: conheça algumas das mais bonitas5000 acessosOzzy Osbourne: tudo que você sempre quis saber sobre ele5000 acessosAquiles Priester: Posters, action figures e latinhas de coca-cola4951 acessosSedentos por Sangue: confira 5 belas canções sobre Vampiros5000 acessosJack Black: "sempre que penso em Brasil, penso no Rock in Rio"4928 acessosBaixo: porque é tão importante no heavy metal (vídeo)

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 08 de agosto de 2017


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online