At The Gates: A certeza da essência mantida em novo álbum

Resenha - At War With Reality - At The Gates

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fábio Leonardo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

At The Gates! Veja só mais um gigante de temporadas passadas reaparecendo em tributo a si mesmo, reunido com (quase) toda sua formação original pra gravar um novo álbum, 19 anos depois do clássico "Slaughter Of Souls"

129 acessosAt The Gates: anunciado novo guitarrista5000 acessosVocalistas: belíssimos timbres de alguns cantores de rock


Depois de alguns meses de especulação, nos vem a boa notícia de que o At The Gates voltaria a gravar um álbum, após algum tempo tocando ao vivo e alguns membros dizendo na mídia que isso jamais iria acontecer. Ok, membros carrancudos fazem isso toda hora...

Pra quem não conhece, At The Gates é considerada a grande mãe daquele estilo que foi começando timidamente no meio dos anos 90 e culminou na explosão de bandas como In Flames, Soilwork e Arch Enemy, o grande Death Metal Melódico. Quem conhece a banda ou se preocupar em ouvir seus antigos registros verá aquilo, tudo cru, de onde todos estes atuais gigantes tiraram sua inspiração. Não é pra menos.

Cá está o álbum e a boa surpresa é que ele soa exatamente como deveria: como At The Gates. Sem inovação, sem experimentos, sem Dj's ou Orquestra sinfônica: Do início ao fim, é perceptível que todos os músicos entraram no estúdio com o mesmo foco e fizeram o que deveriam, mantendo a proposta com uma sincronia que faz o ouvinte pensar que a banda, na verdade, nunca se separou.

Com a certeza da essência mantida, conforme se ouve, percebe-se o grande destaque que é a atmosfera do álbum como um todo. As músicas possuem um clima sombrio, com riffs soturnos, algumas vezes beirando ao apocalíptico, tudo tão bem executado que a vontade de fechar os olhos e soltar a mente em muitas passagens torna-se irresistível. E não estou falando do combo "Porrada/Refrão bonito/Mais porrada/Refrão bonito" que virou uma chata marca registrada em bandas deste estilo. Ouça faixas “como “Death And The Labyrinth”, “The Book Of Sand (Abomination)” e "The Night Eternal", os grandes destaques deste registro, e irá entender.

Se existe um ponto negativo neste álbum, diria que está no vocalista Tomas Lindberg. Aqui ele mostra o que todo mundo já sabe: Que é um vocalista reto, dono de um rasgado repetitivo e sem nenhuma tentativa de variação (Se você quiser ser bonzinho, cite as poucas partes narradas com voz cavernosa). Aqui, você ouve exatamente tudo o que ele fez nas bandas as quais fez parte ao longo dos anos, como The Crown e Nightrage. Isso o faz, muitas vezes, se perder no clima das músicas, te fazendo se divertir com o instrumental e até esquecer que tem a voz dele ali em algum lugar...

Nada mais justo do que a presença dele, já que a reunião da formação clássica foi uma das prioridades, mas infelizmente se chega à conclusão que este registro teria ido muito mais longe se houvesse sido gravado por outro vocalista.

Grata surpresa aos fãs da banda e fãs do estilo, deixando um sentimento misto de fidelidade ao estilo que a consagrou e a novidade que conseguiram colocar no som sem distorcê-lo. E se você não for fã de Death Melódico, amigo, nem tenta.

At War With Reality - At The Gates

1. "El Altar del Dios Desconocido" 1:06
2. "Death and the Labyrinth" 2:33
3. "At War with Reality" 3:09
4. "The Circular Ruins" 4:28
5. "Heroes and Tombs" 3:59
6. "The Conspiracy of the Blind" 3:19
7. "Order from Chaos" 3:26
8. "The Book of Sand (The Abomination)" 4:28
9. "The Head of the Hydra" 3:38
10. "City of Mirrors" 2:06
11. "Eater of Gods" 3:51
12. "Upon Pillars of Dust" 2:39
13. "The Night Eternal" 5:43

Line-Up:
Tomas Lindberg: vocais
Anders Björler: Guitarra
Martin Larson: Guitarra
Andrian Erlandsson: Bateria
Jonas Björler: Baixo

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

129 acessosAt The Gates: anunciado novo guitarrista0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "At The Gates"

Já tem 20 anos!Já tem 20 anos!
Os dez melhores álbuns de metal de 1995

Metal suecoMetal sueco
Site elege as dez melhores bandas da Suécia

HailMetal.comHailMetal.com
Os cinqüenta melhores álbuns de Death Metal

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "At The Gates"

VocalistasVocalistas
Belíssimos timbres de alguns cantores de rock

VocalistasVocalistas
As vozes mais agudas do Metal segundo o Noisecreep

Metal Open AirMetal Open Air
O maior fiasco da história do Heavy Metal no Brasil!

5000 acessosCensura: 53 nomes que você não pode dizer em uma rádio5000 acessosPaixão nacional: o futebol e os roqueiros britânicos5000 acessosRob Halford: "Ninguém escolhe ser Gay"5000 acessosPhil Anselmo: "Eu odeio astros do rock"4503 acessosKorn: "Não nos chame de Nu Metal!"5000 acessosLed Zeppelin: o cofre está fechado. Page acha que já acabou seu trabalho

Sobre Fábio Leonardo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online