Petit Mort: Álbum autointitulado é pesado e variado

Resenha - Petite Mort - Petit Mort

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


O Petite Mort tem quase 10 anos de carreira e este álbum autointitulado é o único trabalho oficial da banda, além do single "Anthropogod". A banda capixaba investe em uma sonoridade que engloba o Doom/Dark/Gothic Metal moldado nas raízes do estilo.

As composições aqui apresentadas possuem peso e variação. O som não é a todo o momento arrastado ou focado somente em momentos melancólicos. Há parte agressivas que aparecem durante as composições, porém a aura obscura e épica permanece por quase todo álbum.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O trabalho vocal de João Andrade é interessantíssimo, pois o cara possui um ótimo timbre e se mostra muito versátil. O cantor alterna graves limpos com guturais rasgados, trazendo a tradição do estilo à tona. Outro fator preponderante são os arranjos de teclados que dão um clima fúnebre às músicas, deixando o som ainda mais obscuro.

A produção poderia estar um pouco mais limpa para casar com a sonoridade proposta, mas este detalhe com certeza pode ser sanado em um próximo disco. Destaque para as faixas From Sweet to Bitter, They Will Never Die e Evil Desire, que conta com a bela voz de Bruna Sperandio como participação especial. Ótimo disco e que venha mais!

http://www.facebook.com/petitemortofficial
https://soundcloud.com/petite-mort

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Osama Bin Laden: O que havia na sua coleção de cassetes?Osama Bin Laden
O que havia na sua coleção de cassetes?

Guns N' Roses: álcool, drogas e intrigas nos primórdios da bandaGuns N' Roses
álcool, drogas e intrigas nos primórdios da banda


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Goo336 GooInArt Cli336