Gojira: Uma das grandes bandas do metal contemporâneo

Resenha - L'enfant Sauvage - Gojira

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar Correções  

9


Finalmente, após quatro anos de espera, o novo disco do GOJIRA vê a luz do dia. E para nossa alegria, neste quinto disco da banda, os irmãos Duplantier não decepcionam, e colocam no mercado não só um dos melhores registros da banda até o momento, como um dos fortes candidatos a melhor disco de metal extremo do ano.

Para quem ainda não conhece o som do quarteto francês (está esperando o que?), trata-se do chamado death metal progressivo, com pitadas de thrash, doom e industrial. Mas não se trata do brutal technical death metal, mas sim de algo mais voltado para as raízes tradicionais do estilo, primando pela cadencia e peso no lugar de excesso de velocidade e brutalidade. Imaginem um encontro entre ENTOMBED e OBITUARY com GENESIS e PANTERA, para se ter uma leve noção da sonoridade da banda.

publicidade

A primeira faixa do disco, "Explosia", traz todos esses elementos citados, mesclando riffs fantásticos e pesados com climas soturnos na medida certa, e deverá se tornar facilmente um dos grandes clássicos da banda.

O guitarrista/vocalista (e líder da banda) Joe Duplantier também é um show a parte, criando andamentos intrincados e agressivos, tendo por base seus excelentes riffs, e mostrando-se em sua melhor forma quanto aos vocais, que são um dos grandes destaques do disco.

publicidade

E seja nos momentos mais arrastados, como na excelente faixa título, repleta de groove, ou nos mais rápidos (que são raros por aqui), como em "The Axe", a banda mantém o nível de competência, buscando fugir do lugar comum e de paradigmas pré-estabelecidos, evoluindo cada vez mais sua sonoridade por campos musicais ainda não explorados. Há ainda outros destaques, como "Mouth of Kala", com arranjos muito bem construídos, e cheia de passagens intrincadas; "The Gift of Guilt", uma das mais técnicas e groovies do material, com riffs hipnóticos; e "The Fall", que encerra o disco de forma épica. Mas não se engane, o disco todo é muito bom, e merece uma audição mais apurada por completo.

publicidade

Por isso, meu amigo leitor, fica o aviso: o GOJIRA é uma das grandes bandas do metal contemporâneo, e este novo material é mais uma prova disso. Altamente indicado, principalmente para aqueles que buscam algo mais diversificado e incomum.

Confiram o clipe da excelente faixa título:

publicidade

L’enfant Sauvage - Gojira
(2012 – Roadrunner - Importado)

1. Explosia
2. L enfant Sauvage
3. The Axe
4. Liquid Fire
5. The Wild Healer
6. Planned Obsolescence
7. Mouth of Kala
8. The Gift of Guilt
9. Pain Is a Master
10. Born in Winter
11. The Fall


Outras resenhas de L'enfant Sauvage - Gojira

Gojira: L'enfant Sauvage mostra a banda em ótima fase




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Gojira: Conscientizando os fãs com seu som

Gojira: banda lança "Another World", primeira música nova em quatro anos


Metal: as dez melhores músicas do gênero desta décadaMetal
As dez melhores músicas do gênero desta década

Roadrunner: os álbuns mais desprezados de todos os temposRoadrunner
Os álbuns mais desprezados de todos os tempos


Mustaine: Aos 15 entrei na magia e conheci o lado negro!Mustaine
"Aos 15 entrei na magia e conheci o lado negro!"

Rammstein: Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!, diz Till LindemannRammstein
"Se alguém rir das gordinhas, eu quebro a cara dele!", diz Till Lindemann


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin