Moretools: Mescla de Death, Grindcore, Thrash e Hardcore

Resenha - Moretools - Moretools

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


E Brasília continua gerando boas opções aos apreciadores da música extrema... Na ativa desde 2003, o Moretools rapidamente teve sua formação estabilizada e que permanece inabalável até os dias de hoje. Neste meio tempo, o pessoal já teve a oportunidade de tocar ao lado de importantes nomes de nosso underground, como Krisiun, Onslaught e Torture Squad, e também em festivais de destaque como o Rollapedra e Porão do Rock. De registros, nada mais do que uma simples demo em 2009, mas...
5000 acessosContra-baixo: as melhores introduções do Heavy Metal5000 acessosTime Magazine: os 100 maiores álbuns de todos os tempos

... Parece que o Moretools tomou gosto pela coisa e já está estreando com um ótimo álbum auto-intitulado, que segue com uma mescla muito bem dosada de Death Metal, Grindcore, Thrash e Hardcore - ou seja, uma proposta que o torna completamente inacessível para as grandes massas. Ainda que muitos admitam que haja uma compreensível dificuldade em manter a personalidade neste nicho, o Moretools tomou muitos cuidados para que este disco possuísse a necessária auto-afirmação, fundamental em qualquer trabalho que queira ser bem-sucedido.

Ainda que toda a velocidade (haja blastbeats!) e os andamentos mais cadenciados possuam uma perspectiva old school, o resultado final é de inegável conotação contemporânea, fruto de muito estudo no momento de estruturar o repertório. Além de a seção instrumental convencer com sobras, merece destaque o trabalho vocal, cujas linhas de Rhavi são, literalmente, cuspidas e devidamente complementadas com os guturais do guitarrista Hudson Arsênio, alcançando uma dinâmica entorpecente e bastante especial.

O disco, em sua totalidade, é consistente na qualidade e ritmo, mas composições como "Damned Dog Of War", a matadora "Human Dependence" e "Murder Of Innocence" conseguem se sobressair. E o CD também apresenta o vídeo-clipe para outra excelente música, “Pain Screams”, que recebeu um tratamento em tons de sépia e vários efeitos visuais que tornam toda a atmosfera ainda mais densa e nervosa.

Honesto e virulento, fruto dos sentimentos típicos que somente a materialismo insano de nossa sociedade pode gerar, "Moretools" tem potencial de sobra para despertar emoções e se revela uma aquisição óbvia para o público que compõe os vários subgêneros do Heavy Metal extremo. O Moretools está, realmente, de parabéns pelo excelente trabalho desenvolvido.

Contato: www.myspace.com/moretools

Formação:
Rhavi - voz
Hudson Arsênio - guitarra e voz
Alu Pedrotti - guitarra
J. H. Alcântara - baixo
Riti Santiago - bateria

Moretools - Moretools
(2011 / independente - nacional)

01. Damned Dog Of War
02. Human Dependence
03. The Time
04. Final Solution
05. From Beyond
06. Pain Screams
07. Murder Of Innocence
08. Traitor
09. Taste Of Blood
10. Moretools
11. Face Me
12. Still Burning

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "More Tools"


Contra-baixoContra-baixo
As melhores introduções do Heavy Metal

Time MagazineTime Magazine
Os 100 maiores álbuns de todos os tempos

GuitarristasGuitarristas
Os 10 músicos mais subestimados de todos os tempos

5000 acessosTwisted Sister: segundo Dee, "ser pobre e famoso é uma merda"5000 acessosRock In Rio: "O cara que quer ver o Metallica ou o Iron Maiden ama repetição"5000 acessosMetal: você acredita na "lenda do terceiro álbum"? - Parte 15000 acessosGuns N' Roses: como o sucesso destruiu a banda em pouco tempo5000 acessosAlice In Chains: Staley conseguiu vaga cantando Mötley Crüe5000 acessosLars Ulrich: As mulheres da vida do baterista

Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online